segunda-feira, 1 de junho de 2009

Mês de Cybertron - A Grande Corrida!!!


Vocês devem estar cientes que o novo filme de Transformers estréia no fim deste mês. Basta entrar no Omelete ou algum outro site dedicado a entretenimento e haverão páginas e mais páginas a respeito.

Diabos, o MTV Movie Awards deste ano teve como ponto alto a exibição de um trecho do filme.

Bom, pelo menos isso, já que o vencedor na maior parte das categorias foi aquele filme de vampiros de bosta, "Crepúsculo".

Eu já disse isso antes e volto a dizer: Maldita Anne Rice e todos os que gostam de seu trabalho!!!

E eu sei que Crepúsculo não é da Anne Rice, portanto malditos também todos os que se baseiam em seu trabalho e só sabem escrever malditas histórias com vampiros bichas, lazarentos de merda!!!

Enfim, em comemoração ao novo filme e ao fato de que graças a ele, as atenções do mundo novamente estão voltadas para a vaca dos ovos de ouro da Hasbro, o blog será inteiramente dedicado a Transformers este mês.

E para começar, por que não falar dos livrões de histórias?

Todo mundo sabe que na década de 1980, Transformers era um fenômeno mundial (assim como outros desenhos igualmente imbecis, como G.I Joe e Meu Pequeno Ponei) e que absolutamente todo mundo tentava arrancar alguma grana dos robozinhos belicistas.

Ora, já vimos o livro de colorir dos Transformers em outra ocasião... e pensando melhor deveria tê-lo deixado para este mês.

Ah bem, fazer o quê?

Um produto que era muito popular na época eram livros de "leia e escute." Eram livros que vinham com uma fita cassete ou LP e os trechos da história eram narrados para a criança, a idéia sendo que ela lesse a história ao mesmo tempo que a escutava no rádio ou vitrola.

"Vitrola", meu Deus, como eu sou velho...

Não sei a que princípio este tipo de atividade servia, mas eu tive vários destes livros. Todos de contos de fadas, claro, pois no Brasil ninguem nunca teve bolas de lançar um desses de Transformers.

Ou de Silverhawks, ou Jayce e a Liga da Luz.

Ou mesmo dos Seis Biônicos.

Enfim, os livrões da Kid Stuff (ou pelo menos parte deles) foram lançados no Brasil e não seguiam a continuidade do desenho, tampouco a dos quadrinhos. Os livros existiam como um universo próprio que simplesmente usava os personagens da franquia.

De fato, os livros eram tão desligados das outras séries que tinham momentos e cenas extremamente violentos para um produto destinado a crianças. Explosões faziam nossos heróis em pedaços que voavam detalhadamente pela página, florestas eram dizimadas e os robôs tentavam claramente matar um ao outro.

E o Optimus fez a barba.

Sim, exatamente isso que você leu, vai entender daqui a pouco.

De fato, tais livros eram tão diferentes de tudo que eu conhecia por Transformers, que na infância costumava achar que eram produzidos por Franceses.

Sem brincadeira, eu achava que só na França alguem faria Transformers desta maneira!

Eu sei, tenho muitos problemas...

Pois bem então, vamos em frente!



Antes de nossa história começar, temos uma ilustração para provar que SIM, este é um livro de Transformers, caso o leitor ainda tivesse alguma dúvida.

E pode perceber que todo mundo tem jatos e o Megatron está prestes a tomar a maior surra de sua vida, pois vai enfrentar sozinho quatro Autobots.

Claro, ele pode enfiar o Cliffjumper no cu do Bumblebee, mas enquanto ele faz isso, Optimus pode aproveitar e segurar Megatron enquanto Mirage chuta a genitália do vilão.

E não digam que Optimus não faria isso! Ele transa com a própria irmã, as morais do comandante Autobot são muito questionáveis.

Muito bem, vamos a história!



Tudo começa com Cliffjumper e Mirage vendo o anúncio de uma grande corrida cujo primeiro prêmio é um ano de gasolina e óleo grátis. Como são tarados por bóia grátis, os Autobots decidem participar do evento.

E é curioso, pois fora o desenho, todas as outras continuidades da G1 dizem que os Transformers se alimentam de gasosa, óleo e outros combustíveis fósseis. Não haviam dinossauros em Cybertron, muito menos fossilização, como raios eles podem se alimentar de algo inerente a Terra?

Ou querem nos convencer que eles vieram a nosso planeta em busca de comida para suas massas famintas?

Por que eu perco tanto tempo debatendo a ciência de livros para crianças?

Mas OH, quem é aquele que está nos arbustos escutando tudo com seus poderosos ouvidos? É Soundwave, o robô que tudo escuta!

Sério, aqui continuaram com aquela história de que ele tem ouvidos capazes de escutar tudo. Mas que merda, será que nenhum dos animais que fazia estes livros percebia que estes robôs sequer tem orelhas?

E aliás, o que Soundwave estava fazendo escondido nos arbustos?

...

Sem comentários.

Mas tudo isso é eclipsado pelo fato de que tanto o outdoor como os arbustos estão em escala com o tamanho dos robôs, que lembremos, são GIGANTES.

Ou será que são mesmo? Continuemos com a história.



De alguma forma, os Autobots conseguiram um mapa em escala gigante do percurso da grande corrida. Optimus aponta que a corrida tem três estágios e portanto três Autobots terão de se revezar ao longo dela.

E como podem notar, ele fez a barba.

Eu falei, não?

Reparem também nas baleias na parte do mapa que representa o oceano. O responsável por este mapa devia ter seis anos de idade ou tempo livre demais.



E começa a corrida!!!

Spike e Sparkplug Witwicky acompanham com grande empolgação e interesse a participação dos Autobots na corrida.

E desde já vemos que os autobots são bastante espertos, pois colocaram o carro de Fórmula 1 (Mirage, para quem não liga o nome ao robô) pra correr contra outros veículos que com certeza não alcançam nem metade de sua velocidade total.

Heróis "nobres e honestos" é a minha bunda!!!



De fato, Mirage é tão mais rápido que já está com uns cem metros de vantagem em relação aos deus oponentes.

Claro, isso apenas o torna um alvo melhor para os Decepticons, algo provado pelo ataque de Skywarp.

Considerando que guerrear é tudo que eles fazem, supoe-se que os Autobots deveriam se preparar melhor para os constantes ataques dos Decepticons, mas se eu conseguisse frustrar os planos de meus inimigos todas as semanas sem maiores problemas, também não os levaria a sério.

Aliás, como os Decepticons estão atacando, é óbvio que Soundwave contou sobre os planos dos Autobots de participar da corrida. Imagino como deve ter sido:

Soundwave: Megatron, os Autobots participarão de uma corrida para ganhar combustível grátis. É uma boa oportunidade para atacarmos.


Megatron: Bom trabalho Soundwave. Hoje é... Terça-Feira, estamos com a tarde livre, podemos atacá-los sem maiores problemas.
Soundwave: Como queira, Megatron.
Megatron: Me diga Soundwave, como descobriu isso?
Soundwave: Eu estava atrás de um arbusto e ouvi...
Megatron: Atrás de um arbusto? De novo?
Soundwave: ...
Megatron: Já conversamos sobre isso Soundwave, você disse que ia parar com essa mania!
Soundwave: Eu tentei senhor, mas...
Megatron: Nada de "mas", vamos recomeçar seu tratamento! ENEMAS PRA VOCÊ!!!
Soundwave: Nããããããããããããão!!! Chega de enemas!!!

Floreei um pouco, mas a discussão não deve ter sido muito diferente disso.



Ok, Skywarp teve sua chance de matar Mirage e falhou miseravelmente, hora da retaliação.

E o Autobot dispara com seu escapamento e derruba o jato Decepticon, que de repente ficou com um esquema de cores diferente e poderia ser confundido com Thundercracker.

Ou então, Mirage derrubou apenas o dublê de Skywarp, sei lá.

Mas mais importante, é que o Autobot atirou com o escapamento, o que tecnicamente é o cu dos Transformers. Assim sendo, ele derrotou seu inimigo com um peido, ou com... coisa pior... energética...

Argh, malditos Autobots escatológicos!!!



Mirage chega ao primeiro checkpoint, volta ao modo robô e passa a tocha simbólica para Hound, que percorrerá a segunda parte da corrida.

E aqui vemos que de fato os Autobots são nobres e justos, pois colocaram justo o robô que vira um jipe militar para participar da segunda parte da corrida, provavcelmente para compensar o fato de terem usado um carro de fórmula 1 na etapa anterior.

Retiro o que disse sobre serem trapaceiros pilantras de merda.



De repente, Rumble (ou Frenzy, sei lá) derruba uma ponte usando seu poder do Mal de Parkinson concentrado.

E novamente temos um problema com a coerência de seu tamanho.

Aqui, ele é maior até mesmo que a estrada logo abaixo, o que é curioso, pois Rumble (ou Frenzy) se transforma em fita e mora na caixa toráxica de Soundwave.

Mas considerando que isso é Transformers e todo mundo muda de tamanho inexplicavelmente, eu nem deveria mais me preocupar com isso. Megatron vira um revólver compacto o bastante para ser manuseado pelo Starscream.

E agora que penso nisso, reparo que Transformers tem muitas referências homoeróticas escondidas. Imagino quantas mais encontrarei.

Muito bem, a ponte foi pro saco. E agora?



Sem problema, Huffer conserta!

De fato, uma tropa de Huffers conserta, o que indica que Optimus eve ter comprado uma porrada de Huffers na loja de brinquedos para este tipo de eventualidade. Devia ter um monte encalhado na Ri Happy, não é como se o Huffer fosse um personagem popular.

Aposto que você nem sabia da existência dele até eu mencioná-lo aqui.

E aposto também que tem uma tonelada de robôs que você nem sabe que existem como Pipes, Warpath, Seaspray, Deathsauras, Air Raid, Sunstorm, Acid Storm e por aí vai.

Isso só demonstra que eu passo muito mais tempo pensando em Transformers do que deveria.



Podemos ver que os Huffers conseguiram consertar a ponte pois Hound chega ao segundo checkpoint e Cliffjumper inicia a terceira parte da corrida.

E enquanto isso, Hound é brutalmente assassinado ao fundo.

Ok, estou confuso. os Decepticons querem impedir que os Autobots ganhem a corrida ou desejam simplesmente matá-los?

Pois se a meta deles é impedir os Autobots de descolarem a gasosa grátis, explodir um robô que acabou sua etapa da corrida não foi uma atitude muito inteligente.

A primeira vez que Thundercracker consegue matar alguém (amassar o Gears no livro de colorir não conta) e acabou sendo uma atitude completamente inútil...



Ratchet aparece então e começa a remendar o Hound. Diferente da massagem erótica que ele fez em Gears no já mencionado livro de colorir, aqui ele assume uma postura solene, quase que de pesar.

Que cena mais deprimente pra se colocar em um livro infantil. Malditos Franceses!!!

E por que o Ratchet tem esteiras nos pés? Isto não faz o menor sentido!!!



Enquanto isso, Cliffjumper assume a dianteira da corrida sem muitos problemas.

Curioso notar que alguns corredores estão usando carros de corrida "charutão", o que indica que essa história talvez se passe em 1920.

Mais curioso ainda é o carro preto mais a frente na estrada. Todos sabemos que a cor preta está ligada ao MAL e que portanto, o veículo só pode estar sendo dirigido por uma pessoa...



MEGATRON!!!!!!!!!!!

E aqui podemos concluir que Megatron é um cafetão, pois só assim ele teria um carro tão incrivelmente cheio de SEXYNESS.

É possível concluir também que quando um Transformer pilota algum tipo de veículo, a imagem resultante é incrivelmente ridícula.

E tanto o Cliffjumper quanto o Cafetãomóvel tem olhos no lugar dos faróis.

Olhos humanos!!!


Isso deveria ser bonitinho? Pois me dá calafrios!


Bumblebee avista que Megatron está tentando transformar Cliffjumper em Bombril e avisa a Optimus.

O líder Autobot resolve lidar com o assunto arrancando um poste do chão e acabando com a eletricidade e as linhas telefonicas de todas as cidades próximas.

Você acha que ele se importa?

NÃO!!!

Optimus é foda demais pra ligar pra esse tipo de frivolidade.



Nosso herói acerta o cafetãomóvel e aparentemente o joga na Lua.

Aliviado porque Optimus salvou seu escapamento, Cliffjumper sorri para seu líder.

Viu? Ele está sorrindo!

E acho que estou aterrorizado demais para dormir de novo agora.



E então, Cliffjumper vence a corrida!

VIVA!!!

E podemos ver que ele é pequeno demais até mesmo para acomodar um humano em seu interior, o que prova que o modo veículo de Cliffjumper é um carro de palhaço.



Os Autobots então celebram, enquanto Optimus dá O MAIOR SORRISO DE SUA VIDA!

Agora sim eu tenho certeza de que nunca mais voltarei a dormir.

Felizes e cheios de sede, nossos heróis comemoram tomando algumas doses de sua gasolina grátis, enquanto os Decepticons morrem de fome.

É curioso que ninguém dá a mínima para o fato de Hound ter sido dinamitado durante o evento. Pois é, Autobots realmente tem valores diferentes dos nossos.


E por enquanto é só. Depois eu volto com mais.

Cheers!!!

77 comentários:

Scariel disse...

Aquele sorrisinho do Cliffjumper foi muito sinistro mesmo.
Não sei se é porque meus óculos estão sujos, mais eu gostei das ilustrações.
Quantas coisas sinistras que existem e levam o nome Transformers?
Post maneiro Amer xD

Thyago disse...

foda-se transformers! vamos ter um MGS exclusivo pro 360 amer! \o/

*comentando isto agora pq ainda nao leu o artigo xD*

× Hεlεиα disse...

Meu deus, o sorriso do Optimus é ASSUSTADOR. Como quase tudo nesse livro...

Muito foda o post, Amer!

Thyago disse...

agora que li o artigo...
nunca vi algo tão bizarro quanto um TRANSFORMER dirigindo um carro XD

Nanda disse...

HAHAHAHAHAHAHAAHAHAHAHAHAH!!

Halley, vc salvou minha segunda-feira... De verdade!!
=*

MUITO obrigada pelas risadas! ahahhahahahahahaha!!

E pela nova referencia ao poder do Mal de Parkinson! HAHAHAHAHAHAHA!!

(aliás, vc nao podia ter deixado o livro de colorir pra esse mes! Esse post perderia metade da graça!!)

Beijao!

Kesianne disse...

O poder do Mal de Parkinson é o que há!!!!!

Adoro!! Ele foi pouco explorado nesse post, mas só de ter sido mencionado já me rendeu boas gargalhadas!!!!!

Paulo_HT disse...

esses livrinhos de Transformers parecem ser feitos epecialmente pra denegrir a imagem dos mesmos.
ótimo post, a conversa entre Soundwave e Megatron quase me fez derrubar coca-cola em cima do teclado =P

aguardo um post dedicado à MGS mês que vem.

anonimusbrblogger disse...

HILARIO AMER MTO FODA ÓTIMO POST A E UMA DICA FAZ UM REVIW DE NACIONAL KID MES Q VEM PODE CRE VAI SER HILARIO

Amer H disse...

Metal Gear eu quero falar da série inteira de uma vez, mas só vou poder fazer isso quando jogar o 4.

Como ainda não tenho Ps3, paciência.

Edson disse...

Beleza, mais um mês temático sobre os Transformers! =D

E por coincidência, ontem eu estava mexendo no meu armário e achei meu Cliffjumper, ou "Robocar Carrera" como foi chamado aqui pela Estrela. Ele foi meu transformer n.º 2 (o primeiro foi o Bumper, mas ele não resistiu ao tempo e ao desgaste).

Eu tinha esperança que o Cliff aparecesse em TF2, mas parece que ele não estará no time dos Autobots... e isso é uma pena, ele é um dos meus robôs preferidos.

UnderHell86 disse...

Malditos franceses, fazendo o Optimus raspar sua barba...

Aliás, aquela barba era do mesmo material do restante do corpo, então ele se barbeou com o que?

Mistérios...

Amer H disse...

Com a unha, que nem o Hancock!

Giordano disse...

IUAHOERIUHIUHERHIUHAIHEUEHERIU CARAMBA como os 'brinquedos' de transformers eram medonhos

Matheus Vitorino disse...

Amer,eu sinceramente reconheci todos os transformers que você sitou...tambem tenho que parar de pensra em transformers

Eu tinha visto aquela imagem o optimus sorrido no transformers wiki,mas nunca entendi que diabos era aquilo...mas agora eu sei xD

Incrivel Post

Raven disse...

Amer, cada resenha sua sobre esses materiais sinistros envolvendo os Tranformers é uma nova pérola! Eu simplesmente rolo de rir!!

"Megatron: Atrás de um arbusto? De novo?"

Cheguei a imaginar claramente a cena, hehehehe!

Detalhe para você não se sentir velho sozinho: eu também tinha uma vitrolinha para ouvir meus Disquinhos, ok?

Acho que faz sentido ter esteiras nos pés do formoso e compenetrado Ratchet sim, Amer. Elas permitem que ele alcance ainda mais rápido os seus pacientes! XD

A-DO-REI o carro negro DO MAL do Megatron!! Me lembrou a Lincoln Futura que era o Batmóvel daquele seriado surreal do Morcego! ^^

Também não conseguirei dormir depois de ver esse sorrisão de antena a antena do Lider Optimus. E olhe que eu estou acostumada com máquinas que expressam emoções!!

Mas, convenhamos, esse sorrisão está um tanto quanto demais, não é não?... Sinistro.

Quanto à Anne Rice, Amer, acho que ela escreveu uma boa história de vampiros mas, com o passar do tempo, ou ela perdeu o controle de sua escrita ou então cresceu os olhos nas vendas, e conseguiu fazer um tremendo angú indigesto com uma idéia que, a princípio, foi boa.

É mais ou menos a mesma coisa que a Rowling fez com Harry Potter e a Meyer fez com Crepúsculo... :P

Será que ainda encontrarão uma cura para essa Síndrome de Destruição de Boas Histórias? Tomara!

Abração procê! ^^

Solaris disse...

ok, a pose do Spike no ultimo quadro, está realmente MUITO GAY!

Avalanche(Lance) disse...

Caralho, do nada surgem 16 pessoas acompanhado o Blog O.o


depois fica o resto da semana só eu e as toranjas.


Oi Nanda^^

Vicente Cardoso disse...

Não acredito, Amer! Você FEZ MESMO! Pior que eu tava acessando seu blog no trabalho e o chefe ficava me encarando toda vez que eu segurava o riso. No mínimo ele deve ter achado que eu acessava algum site "suspeito" e vai me entregar pra diretoria... oh well. :D

Sobre as esteiras do Ratchet, o artista deve ter tentado conciliar as duas versões do personagem, a do brinquedo (que parecia um tanque com braços) e a do cartoon (mais humanóide). O resultado, pelo visto, não funcionou...

E ninguém pediu, mas tenho mais algumas "traduções" usadas nos gibis nacionais para alguns dos Transformers dessa historinha: Saltador (CliffJumper), Trinco (Ratchet), Microonda (Soudwave) e Buster Centelha (Spike Witwicky).

Cafaggi disse...

Muito bom! Eu tinha esse livro. Tinha outros dessa coleção que não lembro bem agora do que se tratavam. Tinha um que o Bumblebee era o principal.
Lembro que ganhei esse livro junto com os outros da coleção no mesmo dia que vi o filme dos Transformes pela segunda vez no cinema. O mais legal é que nesse mesmo dia meu pai, um advogado de muita lábia, conseguiu pra mim o cartaz de cinema do filme!
Voltei pra casa com um sorriso maior do que o do lider Optimus nesse livro! Foi um dia bem Transformers na minha vida..

Lord Darkside disse...

ANNE RICE ANNE RICE.....

eu n vejo mtv.... e to de saco cheio de transformerr

Avalanche(Lance) disse...

Meu Deus Amer!!!

Fizeram Bolinha e Luluzinha Teen!!!

Coorram pras montanhas \o\


(Daqui apouco sai um transformers teen tb)

Scariel disse...

Nossa!Luluzinha teen realmente já é demais.Traduzir soundwave pra microonda é forçar demais a barra xD

Amer H. disse...

Relaxem qe esse Luluziha Teen não vai durar

É genérico demais, não lembra nada a história original.

Sem contar que parece uma diarréia Klingon. Mênica Jovem é anos luz a frente em qualidade.

E se Mônica Jovem consegue ser melhor que algo, é porque este "algo" é triste.

E invejo você, Vitor. Minha mãe nem quis me levar pra ver Transformers no cinema.

Mas considerando como eu me comportava no cinema, não é surpresa.

E Darkside, parabéns por ter a maturidade de um garoto de doze anos e dar sua opinião em um lugar onde ninguém a pediu.

Vamos apontar pra ele e rir, pessoas!

HA-HA!

Euclydes disse...

"Caralho, do nada surgem 16 pessoas acompanhado o Blog O.o
depois fica o resto da semana só eu e as toranjas."
não fique triste, eu também vou aparecer mais por aqui...
&
"Meu Deus Amer!!!
Fizeram Bolinha e Luluzinha Teen!!!
Coorram pras montanhas \o\
(Daqui apouco sai um transformers teen tb)"
não li a história, mas achei os desenhos "bonitinhos e fofos" (gay né?)
Para o AMER: desculpe ter ficado fora tanto tempo, agora esse negócio de falar mal dos outros lembre-se: seu blog, regras das toranjas ... deixa que a gente mesmo ofende...
deve ser um enviado maligno da sakura...
Sakura...
nós te odiamos...

Um abraço para todos
Fui!

Amer H. disse...

Thanks, Euclydes my brother!

Você sabe que também é VIP por aqui!

guilherme.kinni disse...

"Aposto que você nem sabia da existência dele até eu mencioná-lo aqui."
Têm toda a razão, na minha infãncia eu via coisas como aquele desenho abominável do Godzilla, e houve uma epoca em que eu poderia dizer o nome de mais de 400 pokemons sem titubear.
(Sério, eu fiz isso)

Bem, quanto a Harry Potter, a única coisa que posso dizer é que Rowling não devia ter feito uma série tão grande de primeira, pois fica muito difícil atender as expectativas dos fãs.

Agora... quanto a Stephanie Meyer, eu partilho da opinião do ilustre Sr. King, quando ele comparou Rowling e Meyer, ele disse que a única diferença era que Rowling era uma ótima escritora, enquanto Meyer não.

Quanto a Turma da Mônica Jovem, no começo era muito ruim, enquanto eles tentavam fazer ação(sério, um torneio de luta SEM LUTAS!?) , mas agora está melhorando.

Pudim de Kana disse...

Grande post! Não entendo nada de Transformers, mas ri demais aqui, Amer!

E Mônica Jovem não tá tão ruim não. No começo era um jato cloacal de fezes e vômito que tentava ser teen com uma maturidade semelhante a do amigo Darkside, mas aos poucos eles tão ajeitando o formato pra algo com mais ar de seriado adolescente mesmo. E sempre é legal ver a turminha crescida, por mais homossexual que isso possa parecer.

Amer H. disse...

Acho que a Rowling errou a mão no último livro.

Escolheu mau as personagens que iam morrer e as despachou de forma seca e que não condizia a popularidade que possuiam.

Pra que casou Lupin e Tonks no último livro se os matou da forma mais estéril possível? Um personagem assim merece uma morte digna.

É a mesma coisa que descobrirmos que o Bumblebee morreu enquanto acompanhavamos outra cena em outro lugar.

O duelo final entre Harry e Voldemort foi muito anti climático e o Epílogo foi totalmente Janete Clair.

Mas hey, só minha opinião. Gosto muito de Harry Potter ainda.

Avalanche(Lance) disse...

Apesar de não ter ligo HP eu comecei a acompanhar após receber um dos jogos dele de presente de uma amiga minha(que é fã da série).

Mas na boa...apesar da criatividade e blablabla(oque nõ é muito dificil só comprar um suplemento de RPG e mudar o nome das coisas), achei a série toda bem fraca e mal conduzida.

As coisas nem eram tão imprevisivéis, e todo mundo sempre ajudava o HP sem nem dar bola pros demais[:P]

No geral a série pra mim só serviu para eu ter sonhos eróticos com a Hermione enquanto ela estuda livros de magia.

Scariel disse...

Primeiro eu fui ao cinema assistir Harry Potter, só entaum ganhei o livro de presente eu comecei a acompanhar a série.Mas só li até metade do 5 livro e depois parei mesmo acho que com o tempo eu cansei msm.Mas lembro que qndo ainda lia os livros eu cheguei a ler o terceiro livro em um dia praticamente.
Hmm... Hermione...

Amer H. disse...

Prefiro a Gina Weasley.

Cresceu e virou uma cocota!

E é ruiva ainda por cima.

Scariel disse...

Amer e sua paixão por ruivas... xD

Katchiannya disse...

A semana começou muito pesada, mas passar por aqui sempre desanuvia um pouco. ^^

Post sensacional, qdo tico e teco estiverem reconectados, talvez eu faça um comentário mais elaborado.

Em relação à Anne Rice, concordo com a Raven (a Rice surtou, especialmente em relação a Memmoch, nem parece que foi a mesma Rice que escreveu O Vampiro Lestat).

Em relação a Harry Potter, apoio o Amer em gênero, número e grau.

Sobre Crepusculo, sinceramente, eu gosto da série (com umas trocentas restrições em determinados pontos), acho que o problema em relação a ele é que as pessoas insistem em ver a série como mais do que ela é.

Crepusculo é simplesmente um romance teen agua com açucar. Não mais nem menos.

É o que eu costumo chamar de "diversão sessão da tarde". De vez em quando a gente precisa dela.

Olha, na realidade, a minha opinião sobre Crepusculo é exatamente a mesma da Lulu-Silverghost:

http://owlsroof.blogspot.com/2009/05/por-dentro-da-cabeca-da-autora-cullen.html

http://owlsroof.blogspot.com/2009/05/por-dentro-da-cabeca-da-autora-edward.html

Mas concordo que vampiros purpurinados é forçar a barra... sem falar do ultimo livro...

Enfim, nem tudo pode ser perfeito como o último Star Trek.

bjs a todos

ps- e tem coisas que são questão de gosto mesmo.

E.D.I disse...

quanto a harry potter concordo com vc amer porra mataram o fred weasly um dos melhores personagens da série, e mano venhamos e convenhos eu li 7 livros sequidos pro matar o voldemort com a porra de um
Expelliarmus sacanagens.

ps: quem ler isso e ficar indignado com os spoillers FODA-SE se gostase da série mesmo leria os livros e não ficaria esperando os filmes.

PS2: vai ter algum review de filmes mês quem vem?

Allan Arauto disse...

Gina Weasley... hummm...

Agora não entendi como o Cliffjumper tem olhos nos farois, se a parte do capô viram os pés dele em modo robô.
Se é que tem que fazer sentido.

Agora o optimus na ultima imagem é a cara do Samuel L Jackson. Isso determina seu nivel de fodissidade

Amer H. disse...

"I AM SICK OF THIS MOTHERFUCKING DECEPTICONS, ON MY MOTHERFUCKING PLANET!!!"

Henrique de Matos disse...

Outro mês transfomers! Fucking awesome, i love it! \o/

Amer, umas pequenas perguntas, caso vocè não se importe, é que estou com uma baita curiosidade de saber:

1- Já comprou algum dos brinquedos do revenge of the fallen? Quando saíram por aqui (Portugal) eu comprei logo o legends jetfire, o legends prime, o scout dirt boss, o deluxe sideswipe e o Voyager demolishor, e todos do caralhu! Exelentes! E eu gostaria de saber a sua opinião sobre eles!

2- Você vai falar sobre as labels ridículas da Takara Tomy durante este mês temático?

3- E o mais importante, o que espera do novo filme?

Amer H. disse...

Não comprei nenhum boneco do Revenge of the Fallen pois ainda não chegaram ao Brasil.

Pra ser sincero, quero comprar o Optimus, Megatron e Bumblebee apenas. O que mais vier é lucro.

Minha única meta no tocante a Transformers é ter o Optimus e Megatron de cada série. Os outros são bem vindos, mas não essenciais.

Não pretendo falar nada da Takara Tomy, pois não me interesso muito pelos brinquedos lançados pela mesma.

Salvo exceções, claro.

Do filme, espero que seja mais sério e menos voltado a bobeiras adolescentes que o primeiro.

Pelo trailer e pelo fato de parte do elenco humano do primeiro filme não ter voltado, acho que minhas preces foram atendidas.

Não tema, pois farei uma análise do filme assim que o assistir.

Henrique de Matos disse...

Eu A-M-E-I o primeiro filme, tanto que não liguei ás bobeiras adolescentes. Porém desta vêz os autobots vão ter dois caras (Você sabe de quem eu estou falando, Skids e Mudflap) que se parecem comportar como os adolescentes imbecis que temos no Sexta-Feira 13. E o pior é a versão "Á la Linkin Park do The Touch, muito adolerscente.

Espero que esses factores não estraguem o filme, pois confesso que estou cheio de esperança para esse, tal como apra o primeiro...

Avalanche(Lance) disse...

Cara recém virei o Hulk 1 pro PS2, cara que jogo bom e pouco divulgado...O.o

Euclydes disse...

acho que transformers não é pra mim...
gostava dos desenhos, não assisti o filme (me crucifiquem!!!!!!!!) e não entendo muito desse negócio, mas ser considerado VIP para o Amer já vale o tempo topo que eu usei para rir das piadas multiplicado por 89741161023468,78941321891023/264556189*231651(²³)

... Espero que seja "Very Important Personal" e não aquele famigerado "Vamulá I Pimba"... (a piada global é infame, mas serve como uma luva)

agora, dá pra parar de comentar sobre os livros do Harry Potter, só li até o 5 (cálice de fogo) e ainda não li o 6 e 7, portanto, vamos evitar os "spoilers". OK? Obrigado!
agora, quero comprar o livro da JK "os contos do Bardo..." para minha filha de 11 anos: alguém sabe me dizer se o livro é bacana? ou se vale à pena para alguém desta idade?

e pra finalizar... AMER seu tarado... só pensando nas cocotas ruivas...
Fui!

Euclydes disse...

Olha Holmer, estou começando a ver vários blogs (dou uma zapeada aqui e acolá...) mas não tem jeito: o seu é o melhor!!!

Fui!

Katchiannya disse...

Euclydes, eu li os Contos de Beedle

È legal, especialmente o conto da fonte da sorte e do coração peludo do mago.

Tem os comentários do Dumbs, que também são legais.

Meu único porém - e aí confesso que é chatice minha, talvez, - é o modo como a JK generalizou no prefácio as heróinas dos contos de fadas trouxas como aquelas que "sempre esperam", meio passivas, ao contrário das heroinas bruxas, que "vão atrás".

Sei lá, considerando a fonte oiginal, eu nunca achei a Bela de A Bela e a Fera ou a Rapunzel (depois que é expulsa da Torre) ou mesmo a Sereiazinha original como "personagens passivas".

Mas, isso aí é ponto meu e nada tem a ver com a qualidade dos contos do livro. ^^

Acho que sua menina vai gostar sim.

Agora, duas séries que eu recomendaria para ela é a Desventuras em Série (menos o quarto livro que é muito arrastado) e a série do Percy Jackson e os Olimpianos (acho que os dois primeiros volumes já saíram no Brasil)

Espero ter ajudado

Amer H. disse...

E quando sua filha estiver com uns dezesseis anos, dê Watchmen para ela ler.

Fará muito bem... ou um tremendo estrago... mas enfim, o que é a vida sem aventuras?

Quanto a Skids e Mudflap, prefiro robôs babacas que humanos babacas.

O que era aquele hacker gordinho do primeiro filme que morava com a avó? Aquilo era mesmo necessário no filme?

Por Primus!

Frodo disse...

Aeee transformers! apesar do meu conhecimento ridiculamente baixo, gosto deles!

Por sinal, ótimo post Amer, parabens!

Sobre Harry Potter: bem, taí um assunto que não posso ir muito a fundo, pois odeio a saga. Tentei, mas não consegui! =P

Euclydes: não sei se vai servir de alguma ajuda, mas com 11 anos eu devorava todos os livros do Sherlock! Mas acho que para a menina, eu recomendaria Terry Pratchett...

Sobre Anne Rice: nada contra, mas na minha opinião, os vampiros dela nunca irá superar o de Bram Stoker! (tá, apelei)

Sobre Luluziha Teen: ideia bem ruim, versão Bratz da Luluzinha, tou até com medo! Já pensou resolvem estragar minha infância fazendo um Turma do Charlie Brown teen? Como seria?
A Patty Pimentinha comentando com a Marcie como o minduim do minduim é salgadinho?
Schroeder largando o piano e montando uma Boy Band?

Nossa, vou realmente ter pesadelos com isso...

Para Henrique de Matos: desculpa a intromissão mas, você é português ou um brasileiro morando em Portugal?

Abraços a todos e até breve! (espero!)

Lezard valeth disse...

E a primeira ves que to postando no blog ja li algumas mas nunca postei mas depois que o Avalanche enviou pra min o link e vi essa perola francesa resolvi postar um comentario
Primeiro sobre o post do Amer,Optimus sorrindo no fim é algo que vou lembrar pro resto da minha vida, sobre os HP eu li todos sei la e um livro tu le e depois esquece nao acrecenta nada na sua vida opiniao minha ok. mas os livros da Anne eu nao gostei das suas contrapartes no cinema nao gosto de filmes com vampiros bixonas refinados e nada a declarar de Crepusculo pra min e filme agua com açucar um abraçao pra vcs


ps e falando no jogo do Hulk Ultimate Destruction é muito legal recomendo

Avalanche(Lance) disse...

Meu deus..esta tudo tão claro!!!


EM breve mais uma teoria conspiratória contra o Japão.

Scariel disse...

Falando de vampiros por que não citar Castlevania lá é só Drácula e Alucard de vampiros e não tem nehuma história( ou pelo menos uma que vale a pena de se contar em um livro).

Amer H. disse...

Videogame não precisa de história.

Só de pretexto pra te fazer ficar 12 horas na frente de uma televisão.

E o Drácula e o Alucard de Castlevania são estilosos, diferente das bichas emo de Crepúsculo.

Lezard valeth disse...

Catlevania tem historia sim e ela caberia num livro facil facil claro se juntar de todos os jogos e nisso o Amer tem razao Alucard e dracula sao estilosos o Dracula é fascinora do mal e isso q deixa ele legal e o Alucard e gente fina apesar de ser Vampiro e é somente por causa do alucard que a familia Belmont ficou poderosa se eu nao me engano ele e pai do trevor Belmont

Bom pesquisem la no GOOGLE

O GOOGLE É MEU PASTOR E NADA ME FALTARA

Desocupado - Um blog para você ter o que fazer!!!! disse...

o que dizer... Amer, você é foda!!!!!
muito bom cara como eu ri..

Scariel disse...

Desde que o jogo seja divertido ele naum precisa de muita história.
E não me entendam mal, eu não falei mal da série eu sou fã de castlevania.Inclusive puxei o assunto pq tinha acabadod e zerar o Curse of Darkness do PS2.
Ta ai o trailer do novo Castlevania feito com uma mãozinha do Kojima: http://www.gametrailers.com/video/e3-09-castlevania-lords/50687?ref=embed

Avalanche(Lance) disse...

Video Game não precisa de história, precisa de uma mina sendo sequestrada e 4 amigos(com camisas de uma cor casa) saindo por ai quebrando a cidade atrás da mina.


Odeio quando trocam a mina por algum documento super secreto e acham que são originais.

guilherme.kinni disse...

Katchiannya: Sim, já saíram os dois primeiros(O ladrão de Raios e Mar de monstros).

Euclydes: Além daqueles que eles disseram eu recomendaria fortemente que você desse para ela a série "As aventuras do caça-feitiço)

Frodo: Que tal Sherlock Holmes E Terry Pratchet?

Lezard Valeth: Eu vou ver o segundo filme do crepúsculo por que ouvi dizer que a Dakota Fanning aparece (essa também é a razão para eu ver Push).

Lezard valeth disse...

E claro q vc nao falou mal de serie Scariel nem eu pensei nisso so estava mostrando qo castlevania tem historia isso claro s ejunta todos eles o que alias vai ser um saco por nenhum deles ta na orden cronologica certa, Seria legal se algum estudio de cinema bao mas bao mesmo tivesse peito de fazer um filme mas tenho medo por que das versoes de cinema de games acho eu que nenhuma ficou bom. A eu nao vi o da shun-li entao nao vale

abraços

Scariel disse...

Eu que entendi mau então, minhas desculpas.
Pelo q eu sei eles cancelaram o filme do Castlevania q iria sair.

Euclydes disse...

- Dos livros do Sir Conan eu já li uns 4 ou 5, são muito bons, mas acho que para uma menina (ou menino)de 11 anos seria muito...
- Terry Pratchett eu não conhecia, paracem ser legais.
- recentemente ela leu uma parte da adaptação das "mil e uma noites" e gostou muito, até me pediu para comprar a continuação (fiquei em êxtase por causa disso!!!).
- Amer, seu malvado, esse tipo de coisa a gente não dá pras nossas filhas lerem, principalmente se queremos que elas sejam ao menos socialmente aceitas.
- Desventuras em série assistimos ao filme e adoramos, vou dar uma olhada no livro...
- tinha uma coleção de livros que saiu junto com HP algo como artemis fownl ou coisa do gênero, moleque prodígio do crime, pena que como HP estourou na mídia, o resto não ficou conhecido.
- obrigado à todos pelas dicas literárias. vou dar uma passada na livraria hoje...
recentemente vi numa livraria uma coleção de livros de fantasia medieval que de momento me chamou a atenção, mas como procurava outros livros, acabei não anotando o nome e não me lembro direito... se achar comento aqui.
BLOG DAS TORANJAS também é CULTURA POR QUILO!!!
Fui!

Amer H. disse...

Ser "socialmente aceito" é superestimado.

Minha filha só vai ler coisas bizarras e burlescas. Enquanto as outras crianças estiverem aprendendo a falar "Pato", "vaca" e "gato", minha pimpolha aprenderá a falar "Megatron", "Kratos" e "James Tiberius Kirk."

Pois é, ela não terá nenhuma amigo, mas será feliz.

Ou não.

Ou sim.

Sei lá.

Eu adoro groselha!!!

guilherme.kinni disse...

Amer: Não se preocupe, minha filha será amiga da sua. Vou ensiná-la a ser amiga de todos os excluídos, lascados e anormais da sociedade.

...

...

Eu não sou louco!

Euclydes: Ah sim, a série Artemis Fowl é muito boa, pode comprar sem medo.

Mas haja o que houver, não deixe ela chagar perto de Uzumaki nessa idade(Não é o Naruto)

Avalanche(Lance) disse...

Ela vai ter a gente \o/


Bem demorei com a teoria, pq tentaram arrombar a minha garagem(parece até que moro na vila com os meus causos aqui).

Mas....o Harry Potter na verdade é um protagonista de anime o/

Primeiro de tudo- ele é o marcado e o futuro vencedor/messias, bem ele é o cara mais fodõc om poder bruto, mesmo sendo um cara que "largue atrás" sendo o mais deslocado e ignorante do grupo todo.

2-Seus melhores amigos se resumem a um garoto leal e bobo, que mesmo sem ser burro acaba sendo o alívio cômico, e uma garotinha caxias que sabe tudo e vive passando sermão e dando moral pros dois mulekes.

3-Ele beira a incompetência, sempre tendo a ajuda de todos(Até dos vilões) e acaba sempre no final saindo como herói máximo, apesar de nunca dividir os louros da aclamação.(caraio falei bonitu^^)

4-Ele é recompençado por qualquer merdinha que faça por mais sem sentido que for(exemplo: salvar a irmã da francezinha numa prova, como se os professores fossem memso matar alguém.

5-Ele vive num poder aonde poderes cósmicos fenomenais são prostituídos( uma criança no primeiro ano aprende a magia de paralisar), e mesmo assim ninguém faz nada com esses poderes realmente útil, aliás o poder não influência em nada as personalidades das pessoas.

6-Ainda sobre a prostituição de poderes, além dele estar ao alcance de todos, ele é bem nigligênciado, veja durante um jogo, coisas destrutivas voam para todos os lados, e nao existe nenhuma proteção nem para os professores, sério colocar um dragão e não colocar nada para impedir ele de matar a platéia(mesmo que por acidente)?

7-Ele tem um rivalzinho que em nada tem haver com a história principal, sempre leva "uma ruim",mas começa a próxima história "por cima" denovo.

Tinha ais uns três mas esqueci agora...

Euclydes disse...

Amer, a primeira coisa que o meu filho mais novo falou foi "pepsi". então acho que falar James Kirk tá ótimo, mas não adianta nada se ela não poder mostrar para as outras crianças que ela é "superior"...

"Vou ensiná-la a ser amiga de todos os excluídos, lascados e anormais da sociedade." o Guilherme quer criar caça-fantasmas ou coisa do gênero...

Lance, (...)Ele vive num poder aonde "poderes cósmicos fenomenais" são prostituídos (...) esse negócio de "poderes cósmicos fenomenais (...) dentro de uma lampadazinha" é coisa do filme do Aladin, não do HP, mas até que faz sentido no filme... mas em verdade concordo plenamente com você.
pelo que vcs falam do fim do HP achei que ele o HP iria enfrentar o Tom Ridle, vencê-lo e lhe dizer algo como:

Harry Potter: "maldito vc matou meu pai...
Lord V.: não Harry eu sou seu pai... venha para o mundo de Marlboro, digo, venha para o lado negro da força...

mas pelo visto é aquele negócio de que "o bem vence o mal e depois para pra comer mingau" (meu forte é a rima...)
Quase Fui!

Euclydes disse...

Amer, mudando de bionicão para inspetor bugiganga, tenho uma sugestão para quando acabar este mês temático...
sabe aquelas enquetes idiotas que todo mundo responde... faça uma análise argumentativa sobre elas... ou seja, decifre pq caralhos todo mundo votava de forma tão estranha.

acho que já dei esta idéia, e acho que vc já me respondeu, mas fica ela aí do mesmo jeito..

Avalanche(Lance) disse...

Porra...mas vai ficar explicando minhas piadas Euclydes?¬¬



Ahhh quem por favor tiver uma gravura da Goblin Polka Band por favor me comunicar^^

guilherme.kinni disse...

Euclydes: Boa idéia

Henrique de Matos disse...

Putz... Mal posso esperar pelo próximo post...

Katchiannya disse...

Euclydes: lembrei de mais alguns para a sua menina. A série dos Karas do Pedro Bandeira.

Tem a Marca de uma Lágrima do Pedro também, mas não sei o quão conservador vc é na educação dela, pq tem uma ceninha que tem uma insinuação sexual muito mínima, mas já veio uma cliente na loja reclamar.

Tem "Principes, Princesas, Sapos e Lagartos" e o "Mistério da Feiurinha", acho que os dois são do Flávio de Souza.

Terry Pratchett é sensacional, mas acho que 11 anos ainda é cedo para ela. Ele tem um tom irônico que lembra em alguns aspectos o Douglas Adams, mas na verdade costumo comparar o Pratchett como uma mistura de Monthy Pyton com Tolkien.

Na verdade, do Pratchett para ela, só mesmo (por enquanto) O Fabuloso Mauricio e seus ratos letrados.

Ah sim, tem o Neil Gaiman, com Coraline e Lobos atrás das paredes.

Faço coro com o Guilherme para mante-la longe de Uzamaki por agora...

Na verdade, peço que sempre olhe a classificação etária da HQ que comprar para ela. E não "dar uma de Serra" e comprar algo como "Dez na area, um na banheira e ninguém no gol" para ela.

Ah, Amer, preocupa não, sua filha vai ter a companhia dos meus filhos também!

Lance, o Harry Potter não é necessariamente o prototipo do herói de anime. Ele e uma penca infinita de personagens são reflexos do "mito do herói".

Eu fiz um artigo sobre isso para a faculdade, se te interessar ler, disponibilizei o link em um dos meus sites:

http://www.freewebs.com/mahouamaterasu/tsuru/numero4/harrymito.htm

Tem um livro sensacional sobre o tema do mito do herói, chamado "O Herói de Mil Faces", escrito pelo Joseph Campbell.

Eu recomendo muito, sou fã dele.

Do mesmo modo que o Harry é exemplo do mito do herói, a Bella Swan é das heroínas românticas, se vc parar para analisar, tem trocentas coisas em Crepusculo que parecem mangá shoujo, por exemplo, ou filmes de romance teen em geral.

Abração

Avalanche(Lance) disse...

Teoria por teoria, tem uma que explica que um pão com manteiga é oque faz um disco voador voar[:P]


Mas acredito que as provas são irrefutáveis.

Raven disse...

Amer, como a sua pimpolha será uma menina inteligente, ela preferirá aprender a dizer "Jean-Luc Picard"!

Menino Hanz disse...

Só para constar: de acordo com o filme 'Minha Super Ex-Namorada' a escala de evolução é: morena < loira < ruiva!

fernando disse...

parabéns Amer, essa é a promeira vez que posto mas acompanho seu blog faz um tempão. rachei de rir aqui com seus comentários, realmente aquele sorriso do optimus é pra lá de suspeito...

cara já que voce é fan de trnasformers deve já ter visto isso antes mas vai assim mesmo pro pessoal q ainda não viu
http://blog4.opovo.com.br/tecnosfera/mouse-e-pen-drive-inspirados-nos-transformers
vi em um jornal daqui de fortaleza e lembrei de postar isso.
vlw

Amer H. disse...

Já tinha visto essas tralhas de Transformers e caí em prantos pois as quero mais que tudo.

Exceto que o sujeito que escreveu a matéria se enganou quanto ao pendrive. Não é inspirado no Blaster e sim no Ravage.

Como ele cometeu esse erro sendo que o Ravage aparece no próximo filme, jamais saberei.

Quanto a minha filhota gostar do Jean Luc Picard, eu até prefiro.

Kirk é muito mulherengo e só dá vexame quando luta com o Gorn.

Tudo bem que William Shatner é o cara mais espetacularmente sensacional da face da Terra e eu secretamente sonho em ser como ele quando for velho, mas estamos falando da educação de minha pimpolha.

Além do mais, Picard é fã de Walker: Texas Ranger. Qualquer um que goste desta série é um bom exemplo.

E é isso.

Artigo novo entra no ar a qualquer momento do dia de hoje.

Amer H. disse...

Aliás, a escala da evolução está errada.

Todo mundo sabe que morenas estão acima das loiras.

Exceto das raríssimas loiras naturais que se tornam cada vez mais, tão escassas quanto as ruivas.

As naturalmente nórdicas se equivalem em qualidade e nível de poder com as morenas, mas as ruivas ainda possuem um poder muito mais elevado.

E eis um filme que eu deveria assistir. Mas... não...

Henrique de Matos disse...

Fernando, esses lixos sõ da Device Label. Também têm um Blaster e um Tigartron. Eu até comprava, se não fosse pelo PREÇO...

Nanda disse...

Cadeeeee o post??

andcravo disse...

Eu tive esse livro. Achava bacana as ilustrações.

*Mas ao mesmo tempo achava rídiculo o carro "sorrindo".

Texugo disse...

Caramba, eu me lembro que tinha esse livro! Muito bizarro! Principalmente a cara "barbeada" do Optimus e o sorrisinho do Cliffjumper...

Leandro" Leon Belmont" Alves the devil summoner disse...

"Spike e Sparkplug Witwicky acompanham com grande empolgação e interesse a participação dos Autobots na corrida"

quer dizer que a Familia Witwicky existiam desde os tempos antigos? mas que coisa.

e eu conhecia o Warpath...mas esqueci o formato dele, dá para ver muitas coisas nada a ver. mas como era para crianças, aí ninguém ligou.

coitado do Hound e Megatron em carro de cafetão é tããããõ estranho.