sábado, 23 de julho de 2016

Queen's Blade



Lembra de como você achou que eram Animes que só existiam pra mostrar peitos, e nem se esforçavam pra criar um enredo coerente?

Bom, é porque você ainda não viu Queen's Blade. Os outros dois ainda tentavam criar um contexto onde peitos de fora se faziam necessários. Esse aqui parte da lógica do EU QUERO VÊ AS TETA! QUEDÊ AS TETA? ME DÁ AS TETA! QUERO TETA, TETA, TETA! GRANDE, REDONDA, BICUDA, SEGUINDO O BALANÇO DO MAR, NA MINHA CARA! AGORA!!! BLRLRLRLRLRLRLRLRLRLRLRLRLRLRLRLRLRLRLR!!!

Pois é.


Nossa história começa em um vale, durante um lindo entardecer.

Entardecer que é trazido até vocês pela HobbyJAPAN! A número 1 na produção de estatuetas e figuras de ação femininas de gosto duvidoso!

HobbyJapan! Desde 1969, incentivando os virjões nipônicos a abdicarem de convívio social em nome de bonecas tetudas!


Alheia a nossos olhares, uma figura encapuzada cruza este cenário, que é como TODO FANZINE DOS ANOS 1990 COMEÇAVA!

Não, sério! Moleque fazia um curso de desenho qualquer (que ele convencia a vó a pagar), ia em quatro aulas, aprendia a desenhar um menino, uma menina, um gato e uma privada, e saia do curso se sentindo o próprio Katsuhiro Otomo. Aí, inventava de criar um mangá, normalmente uma obra completamente original como Os Cavaleiros de Osíris ou Akane Card Hunter. Fazia um fanzine e ficava empolgadíssimo pra tentar vendê-lo na Anime-Putz ou qualquer outro evento que acontecesse em sua cidade.

E todo maldito fanzine começava com um cara encapuzado atravessando o deserto (ou a floresta, ou um vale, o que importa é que fosse um lugar longe da civilização), quando era subitamente atacado por um vilão.

TODO. MALDITO. FANZINE.

ENFIM, estou divagando. Obviamente, Queen's Blade será diferente. Não estamos falando de um quadrinho que um moleque cheio de acne desenhou com canetinha hidrocor da Mônica nos momentos de folga que tinha entre as surras que levava da mãe. Isso aqui é uma obra que custou dinheiro, e que foi bancada por profissionais do mais alto quilate. Obviamente, as semelhanças com trabalhos amadores e sem inspiração devem parar por aqui.

Muito bem, a figura encapuzada e misteriosa atravessa o vale quando...


... É atacada por uma vilã.

AH MÁ VÁ PA CASA DA PUTA QUE O PARIU, VIU!!!

Seja como for, a vilã decide se apresentar, por motivos de motivos:

Lilica: Oi! Eu sou a Lilica! Não somos parentes.
Figura Encapuzada: Quem é você? Demônio?
Lilica: Eu sou... A Lilica, acabei de dizer, sua retardada.
Figura Encapuzada: E o que quer comigo?
Lilica: Você tá atravessando o meu vale sem permissão, então decidi que arrancar suas trompas e pular corda com elas seria uma boa lição pra te ensinar.
Figura Encapuzada: SEU vale? Não vejo teu nome escrito nele.
Lilica: Tá bem ali.
Figura Encapuzada: Onde?
Lilica: Ali, na encosta da montanha! Escrevi com sangue!
Figura Encapuzada: Nossa. Você deve ter ficado com uma anemia profunda.
Lilica: Não o meu sangue, sua vaca! Usei o dos coelhos da região!
Figura Encapuzada: Oh! Então é por isso que os coelhos de todo o reino desapareceram nas últimas seis semanas? E escuta, você não é uma coelha? Como pôde exterminar seu próprio povo?
Lilica: Hey! Não é seu lugar de fala, se manifestar em nome dos coelhos mortos. Tentando protagonizar o movimento dos outros!
Figura Encapuzada: Mas você...
Lilica: Shiu! Opressora heteronormativa!
Figura Encapuzada: Ok... Mas ainda não tou vendo seu nome escrito na montanha.
Lilica: A chuva de ontem lavou tudo.
Figura Encapuzada: ...
Lilica: ...
Figura Encapuzada: Sua vida é um desperdício, heim?


Diante de tamanho insulto, Lilica saca sua espada e inicia um duelo violento com a misteriosa figura encapuzada. Duelo este que tem ZERO carga emocional, porque as duas personagens nos foram apresentadas há exatos dois minutos. Não sabemos quem elas são, nem porque deveríamos nos importar.

Bom, a Lilica deixa um dos peitos descobertos durante a luta. E isso é o máximo de conexão que os criadores deste Anime conseguiram criar com seu público.

O que considerando o otaku padrão, não chega a ser uma surpresa.

A batalha entre Lilica e a figura encapuzada prossegue ferozmente, com golpes capazes de cortar os céus, partirem a terra e...


... O torneio Queen's Blade, o mais sagrado evento de nosso mundo, é realizado a cada quatro anos. Através dele, a mais bela e forte mulher tem a chance de se tornar a nova rainha.

...

Não foi um corte proposital pra fazer piada, a história realmente nos atocha essa exposição completamente desnecessária no meio da luta. Você vê uma coisa dessas num desenho, e adquire uma apreciação totalmente nova pelo trabalho do Zack Snyder.

"Ain, Queen's Blade é Anime, não desenhu. Anime num é desenhu!"

É DESENHO SIM, TIAGUINHO! VÁ FAZER BUKAKKE NO SEU TRAVESSEIRO DA REI AYANAMI E NÃO ME ENCHA A PRÓSTATA!!!

Seu resto de placenta.


De volta a luta, a Figura Encapuzada... Que já perdeu seu capuz, porque tem gente que não dá valor pras coisas... Está tendo grande dificuldade em enfrentar Lilica, que esquiva-se facilmente de todas as suas investidas:

Figura Não Encapuzada: Fica parada!
Lilica: E por que eu faria isso?
Figura Não Encapuzada: Pra eu poder te matar!
Lilica: Neste caso, seria extremamente contraproducente eu ficar parada, não?
Figura Não Encapuzada: Eu juro pelos deuses antigos e novos, que irei penetrá-la com minha espada!
Lilica: Isso foi uma piada de estupro?
Figura Não Encapuzada: O quê?
Lilica: Dizer que vai me "penetrar" com um objeto fálico! Isso não passa de uma piada de estupro!!!
Figura Não Encapuzada: Na verdade, eu não tava tentando ser engraçada.
Lilica: PIOR AINDA! ENTÃO É UM COMENTÁRIO QUE PERPETUA A CULTURA DO ESTUPRO!!!
Figura Não Encapuzada: Quê???
Lilica: Não percebe que espadas são símbolos que remetem ao pinto e que foram criados pelo OMI BRANCO HÉTERO CIS pra oprimir e diminuir a visibilidade das mina?
Figura Não Encapuzada: Eu tenho certeza que é só uma arma, e que foi criada pra matar pessoas, independente do gênero.
Lilica: CLARO QUE VOCÊ PENSA ASSIM! VOCÊ É CHEIA DE MISOGINIA INTERNALIZADA!!!
Figura Não Encapuzada: Não sei se você percebeu, mas não estamos no Facebook pra você fazer textão.
Lilica: CALE A BOCA, OPRESSORA! NÃO PASSARÃO!!!


Lilica: MAMILOS CÍTRICOS!!!


E ao espremer suas tetas, Lilica faz com que elas disparem um poderoso ácido.

Esta foi uma frase que eu nunca pensei que escreveria na vida.

O ácido de Lilica é forte o suficiente para corroer a espada da Figura Não Mais Encapuzada...


... E suas roupas... Mas não é forte o suficiente para causar danos a sua pele.

...

Mas isso é extremamente retardado! Não consigo pensar num motivo sequer pra uma criatura evoluir com um mecanismo de defesa desses! Os predadores naturais da Lilica são casacos de casimira? Quer dizer que se ela acabar em uma colônia nudista, estará completamente indefesa?

Olha, eu sempre achei que o Yamcha era o personagem mais inútil a brotar de um Anime, mas a Lilica é um páreo duro. Eles deviam se casar.

Daí iam procriar e gerar um monte de Misa Amane.


Aparentemente, a brisa fresca do fim de tarde é um horror grande demais para nossa heroína pelada enfrentar, e ela fica completamente sem reação. Lilica a agarra e decide espremer seu pescoço até que suas amídalas sejam expelidas pela saída de incêndio.

E vejam vocês, a Figura Não Mais Encapuzada e Quase Totalmente Pelada sofreu uma breve incontinência urinária. De fato, isso pode acontecer em uma situação de morte certa. Pouco antes de morrer, os músculos da bexiga e do cólon relaxam, e a pessoa acaba liberando o que estava lá guardado.

Em outras palavras, Queen's Blade acaba de ser mais realista do que BerserkAttack on TitanGolgo 13Blade of the ImmortalLobo Solitário e outros animes e mangás adultos que nunca mostraram alguém se cagando na hora da morte.

Ponto para os autores de Queen's Blade e seu fetiche por mulheres mijadas!

Mas voltando à história, tudo parece perdido para nossa heroína, quando...


*QAPLA'*


Salvadora Misteriosa: Mas que coisa feia! Estrangulando gente no meio da rua
Lilica: Como se atreve a me atrapalhar? E a sororidade? As mina tem de se ajudar!
Salvadora Misteriosa: Sororidade? Mas você tava a ponto de matar a outra garota! Que diabo de sororidade é essa?
Lilica: Ahhh, faça-me o favor! Me poupe! Se poupe! Nos poupe! Estude! Melhore! Beijos de luz!


Salvadora Misteriosa: Espera... Você é uma transmorfa? Se pode assumir qualquer forma que quiser, porque virou uma coelha humanoide seminua com mãozinhas de gosma segurando os mamilos?
Lilica: MEU CORPO, MINHAS REEEEEGRAAAAAAAASSSS....


Chatte Volant: SALVE! SALVE! ALELUIA! FUI ENVIADA DOS CÉUS PARA ALERTÁ-LOS DA VONTADE DE NOSSO SENHOR FELICIANO! O TORNEIO QUEEN'S BLADE LOGO COMEÇARÁ, ESTE É O DESEJO DO CRIADOR!!!

De novo, não coloquei uma imagem aleatória pra fazer piada. No meio da luta entre a Lilica e a Salvadora Misteriosa, aparece um anjo de babydoll que começa a falar sobre o torneio Queen's Blade. O diretor desse Anime entende ainda menos de edição do que o Zack Snyder.

... MÁ VÁ PRO DIABO, SEU FANBOY! ZACK SNYDER É UM IMPRESTÁVEL E BATMAN V. SUPERMAN FOI UMA MERDA! ACENDA UM SUPOSITÓRIO, ENFIE NO RABO E SE EXPLODA! E NÃO VENHA MAIS ME ENCHER OS SOVACOS!!!


Longe dali, nossa heroína desperta.

Claro, o ideal seria ela ir a um médico. Afinal ela foi estrangulada por uma criatura de força sobre-humana e a falta de oxigenação em seu cérebro pode ter lhe causado danos permanentes. Seria bom fazer alguns exames para ter certeza de que o confronto desta tarde não lhe trará sequelas.

Mas se tem uma coisa que eu aprendi com Animes é que NINGUÉM TEM TEMPO DE IR NO MÉDICO! Uma toalha molhada na testa e dois brotos de feijão são tão eficientes quanto um cirurgião cerebral altamente treinado.

Enfim, logo que desperta, nossa loira se vê diante de sua salvadora.


Figura Antes Encapuzada e Agora Pelada: MEU DEUS! QUE CU ENORME!!!
Salvadora Misteriosa: Ah, você finalmente acordou!
Figura Antes Encapuzada e Agora Pelada: E ELE FALA! O que mais você consegue fazer? Sabe assobiar o hino nacional?
Salvadora Misteriosa: Eu não sou só um cu, ok? Olha mais pra cima! Eu sou uma pessoa!
Figura Antes Encapuzada e Agora Pelada: Oh...
Salvadora Misteriosa: Que foi?
Figura Antes Encapuzada e Agora Pelada: ... Você parece bem menos mágica agora.
Salvadora Misteriosa: Lamento desapontar. Seja como for, meu nome é Raimunda.
Figura Antes Encapuzada e Agora Pelada: ...
Raimunda: Você sabe, boa de b...
Figura Antes Encapuzada e Agora Pelada: EU ENTENDI A PIADA!
Raimunda: E você, quem é?
Leina: Eu me chamo Leina.
Raimunda: Ei, você tem o mesmo nome da nossa princesa.
Leina: ...
Raimunda: Pela xoxota do Freeza, você É a nossa princesa!!!


Raimunda: E o que você tá fazendo tão longe do castelo?
Leina: Eu fugi.
Raimunda: Sim, isso eu deduzi sozinha, mas por quê?
Leina: Querem me casar com o regente do reino vizinho.
Raimunda: Ah, mas isso não é tão mal. Casar com um príncipe, ter um monte de filhos loiros, de olhos azuis e anoréxicos...
Leina: Ele tem 92 anos e é incontinente. No último baile ele se cagou e deixou uma trilha de merda por todo lugar que passou. Os outros convidados vomitaram por todos os lados, mas eram educados demais pra apontar que era por causa dele, que mais parecia uma lesma de diarreia.
Raimunda: Ah... Ainda assim... 92 anos. É só você tirar a roupa na noite de núpcias que o velho explode, e... Oh Deus... Retiro o que disse, não quero imaginar nessa cena.
Leina: Além disso, minha irmã quer me estuprar.
Raimunda: Ei, isso é um problema sério. Se seu irmão quer abusar de você, ele...
Leina: Eu disse irmã. Mais nova.
Raimunda: Ok, isso é muito improvável.
Leina: Na noite antes deu fugir do castelo, eu acordei com ela enfiando a língua no meu cu. Quando perguntei o que estava fazendo, ela disse que estava checando pra ver se eu tinha vermes.
Raimunda: Nada na vida me preparou pra responder isso...
Leina: E é por isso que estou fugindo. Quero atravessar a fronteira do reino, pois há uma recompensa de 70 milhões para quem me trouxer viva para o castelo. Mas chega de falar de mim, conte-me sobre você! O que você faz da vida?
Raimunda: Sou mercenária e caçadora de recompensas!


Leina: Te falar dos 70 milhões foi um erro, não?
Raimunda: Com certeza.
Leina: Você podia ter ao menos me emprestado umas roupas.
Raimunda: Desculpa, mas eu só tenho o que estou vestindo.
Leina: ... O que explica o cheiro de carne seca que eu senti a noite toda...
Raimunda: Disse a garota que tá fedendo a mijo desde ontem a tarde.
Leina: Olha, você não precisa fazer isso.
Raimunda: Acho que a recompensa de 70 MILHÕES discorda de você.
Leina: E pra que você precisa de tanto dinheiro?
Raimunda: Pra começar, vou comprar outra roupa.
Leina: ... Ok... Justo...
Raimunda: Em segundo lugar, vou dar um lar melhor para todos os órfãos de quem cuido. Sou uma mercenária apenas para sustentar o orfanato onde cresci.
Leina: Meu Deus, você é um clichê ambulante...
Raimunda: Mesmo? Conte-me mais sobre a vida de "princesa rebelde que foge do castelo", senhorita originalidade!


Enquanto isso, no castelo, a irmã caçula de Leina lamenta o sumiço de sua onee chan, e pondera onde ela pode estar, enquanto olha seus retratos de infância e fica com as calcinhas cada vez mais encharcadas.

Nojo, mulher. Que nojo.

Ok, tenho certeza que vai vir um liberalzão (de Facebook) me encher dizendo que "toda forma de amor é válida".

Sinceramente, não me importo com quem você trepa. Quer chupar um pinto, abocanhar uma xota, mergulhar em uma pilha de corpos suados e indistintos... VÁ EM FRENTE! Mesmo! Trepe com quem quiser, a vida é curta demais pra se prender aos moralismos bobos de gente atrasada e religiosos desocupados. Sexo é bom e todos deviam aproveitar.

Dito isso, transar com a irmã (ou irmão) é muito estranho. Vá pro diabo que te carregue.

E eu tenho uma amiga que uma vez quase se agarrou com o irmão, e é bem capaz dela estar lendo isso. Olha, não importa o grau de deliciosidade de vocês dois, ainda seria muito estranho se vocês tivessem ido as vias de fato. Ora pois!

Porra de Jaime e Cersei, fazendo escola...

Mas enfim, nossa taradinha é tirada de seus pensamentos lascivos quando escuta a campainha. Ansiosa pelo que pode ser o retorno de sua onee chan, ela corre o mais rápido que pode até o portão do castelo, enquanto sua virilha faz barulho de galochas de pescador do mangue.


Ecchi Neko: Nyaaaaaaaan! Onee chan, você voltou pra mim!
Leina: Infelizmente...
Ecchi Neko: E perdeu suas roupinhas no caminho. Não se preocupa, nee chan, eu vou te dar um banho e te vestir de enfermeira.
Raimunda: Oi, eu sou...
Ecchi Neko: Aaaaaaaaain, você tá com peitinho de fora, nee chan. Ai, quero chupar todo seu leitinho, depois te dar de beber na boca!
Raimunda: Que... ?
Ecchi Neko: Hmmmm, que cheirinho de xixi, nee chan. Você não conseguiu ir no banheiro? Não se preocupa, que eu vou te deixar limpinha. Vou lamber suas pernas e sua flor, e engolir todo seu xixi. Ai, deve ter gostinho de você...
Raimunda: Jesus Cristo...
Leina: Viu só?
Raimunda: Desculpa. Desculpa mesmo. Eu não pensei que fosse tão sério. Se eu soubesse, tinha te ajudado a chegar no estado do Acre.


Ecchi Neko: E quem é você, sua puta? Que está fazendo perto da minha nee chan?
Raimunda: Meu nome é Raimunda. Boa de b...
Ecchi Neko: NÃO ME INTERESSA QUAL É SEU NOME!!! Você não tem direito de estar perto da minha nee chan! Quer dizer que você encontrou ela pelada na floresta, tocando o DJ enquanto gritava meu nome, e achou que podia roubar ela de mim?
Raimunda: Eu te garanto que sequer imaginar essa cena está além da minha capacidade.
Ecchi Neko: Pois saiba que o amor que eu e a nee chan compartilhamos é real! Uma noite esfregamos nossos clitóris e ejaculamos com a força da cachoeira de rosan! Carregamos o gozo uma da outra em nossos interiores, e ninguém jamais poderá quebrar este laço!
Raimunda: Pelo amor de Penn e Teller, isso é verdade?
Leina: Eu tinha onze anos. Ela me convenceu que era uma modalidade olímpica.
Raimunda: ONZE ANOS??? Mas que porra, vocês trabalhavam em Kodomo no Jikan por acaso?
Ecchi Neko: Tentando roubar o amor da minha nee chan... NÃO PERDOO! Vou enfiar minha lança no seu cu até sair pela boca, então vou assar você em fogo brando e servir pra todos os mendigos do reino! Só esse rabo imenso deve acabar com a fome de pelo menos quatro gerações!
Leina: Nisso eu concordo com ela.
Raimunda: Ah, vá pa puta que te pariu!


E assim que a batalha está para começar, Chatte Volant ressurge. Ela tira um livro de regras da bunda (e esta é uma MEIA piada), e começa monologar sobre a nobreza e as regras do torneio Queen's Blade para todos os presentes... DE NOVO.

E suas palavras são sumariamente ignoradas por todos os presentes... DE NOVO.

Mas não temam. Nossa anjinha tem uma função muito mais nobre nesta cena. Que deverá ficar clara... AGORA:


*NUQNEH*


O relâmpago arremessa Chatte Volant longe, e somos agraciados com o pé de camelo mais fofo do mundo.

Não, sério! Quando olha pra este pé de camelo, você não tem vontade de dar um doce pra ele, colocá-lo pra dormir, e lhe dar um beijinho de boa noite? Eu tenho!

...

Para de me olhar assim.


Eis que surge Claudette Troiano. A mais velha das herdeiras do reino, que viaja no relâmpago e cavalga a tempestade (entenda isso como quiser), e que também é a MILF da série.

Porque veja bem, até agora, Queen's Blade nos deu fetiches para todos os gostos: A garota de bunda enorme, a lésbica ninfomaníaca, a feminista que esguicha ácido pela teta, a menina petite que voa e nunca tira a roupa de dormir, enfim, era hora de dar algo para o pessoal que curte mulheres mais velhas.

E considerando que esta série foi feita no Japão, onde o ápice da sexualidade feminina é aos sete anos, chuto que Claudette tenha acabado de completar 18 primaveras.

Pois bem, assim que chega ao campo de batalha, Claudette analisa a situação, e dirige a palavra a Raimunda.


Claudette: Vejo que minha irmã retornou. Foi você quem a trouxe, estranha?
Raimunda: ... Sim... Fui eu...
Claudette: Agradeço-lhe imensamente. Não sei o que faria se algo acontecesse a ela. E peço desculpas pela reação de Ecchi Neko. Ela pode ser... Super protetora com relação a Leina.
Raimunda: É... "Super protetora"... Claro que é isso...
Claudette: Pois bem, creio que deseja a recompensa, não? É apenas justo, uma vez que reuniu minha família. Pode me dizer seu nome, para eu fazer um cheque nominal?
Raimunda: Claro, eu sou Raimunda...
Claudette: Muito bem, deixe-me apanhar meu talão e...
Raimunda: ... BOA DE BUNDA!!!
Claudette: ...
Raimunda: Não acredito! Alguém finalmente me deixou terminar a piada!!!
Claudette: Sabe que piadas de tiozão são ilegais aqui, não? E puníveis com morte?
Raimunda: Ai, me fode na maratona...
Claudette: Guardas, levem-na! A executarei amanhã, assim que o sol raiar.
Raimunda: MAS É PAVÊ OU PACUMÊ? VOCÊ COBRA DÍVIDA? O STALLONE COBRA! 51 DIVIDIDO POR DOIS DÁ MEIA GARRAFA PRA CADA UM!!!
Claudette: Está apenas piorando sua situação.


E assim que Raimunda é levada para a masmorra, Claudette Troiano resolve ter uma conversa séria com Leina:

Claudette: Então, tem algo a dizer?
Leina: Em primeiro lugar, obrigada por me dar uma camisa que deixa os peitos pra fora. Não é como se eu não tivesse sido humilhada o suficiente hoje.
Claudette: Culpe a si mesma por ter fugido e criado esta situação.
Leina: O que você esperava? Você quer que eu me case com um cara tão velho que ele se lembra de um tempo em que não existia Silvio Santos.
Claudette: Chega, Leina. Você é a princesa do reino, e deve fazer aquilo que é esperado de você.
Leina: Ué? Você é minha irmã, é tão princesa quanto eu e é a primogênita. Com certeza você seria muito mais adequada para tomar parte em um casamento arranjado.
Claudette: Devo admitir, seu argumento faz sentido.
Leina: É?
Claudette: Mas eu sou mais alta, então o que eu falo vale.
Leina: Mas...
Claudette: Basta! Vá para seu quarto e prepare-se para o baile desta noite. Vou mandar sua ama ajudá-la com seu espartilho.
Leina: Eu odeio usar espartilho. Não consigo respirar e fico com vontade de cagar a noite toda.
Claudette: Ora, que bobagem. Ele realça seus seios e os faz parecerem maiores.
Leina: Mas o q... EU NÃO PRECISO QUE MEUS PEITOS PAREÇAM MAIORES! OLHA O TAMANHO DESSAS COISAS! AOS TRINTA ANOS EU VOU TER MAIS ESCOLIOSE QUE O QUASÍMODO!!!
Claudette: Quasímodo tinha cifose, não escoliose.
Leina: Nossa, brigada! Daqui a pouco vai me dizer que "Frankenstein" não é  nome do monstro, mas do cientista!
Claudette: Encerremos esta discussão infrutífera. Vá até seu quarto e prepare-se para a festa de hoje.
Leina: Tá bom. Mas antes de ir, posso te fazer uma pergunta?
Claudette: Por favor.
Leina: Você é na verdade minha mãe?
Claudette: Sim. E sou sua irmã também. Considerando o jeito que Ecchi Neko saiu, isso não deveria ser surpresa. Agora vá se vestir.


Assim Leina o fez, e vestiu o espartilho que faz seus peitos parecerem ter sido comprados numa liquidação de garagem das Kardashians.

E este é o menor dos problemas de Leina. Durante o baile, Claudette a fez dançar com seu pretendente geriátrico, que cagou nas calças de empolgação. Não um cocô normal, mas a diarreia mais épica de todos os tempos, que bateu na parede interna de suas calças e projetou-se para o alto, como um chafariz fecal que respingou em todos ao redor.

Leina não pôde se conter e vomitou na cara do velho, que ao ser atingido, sofreu uma concussão e agora está em coma. A garota sabe que irá ouvir um sermão de Claudette, onde ela repetirá a frase "princesas sempre vomitam no vão de seu decote! É pra isso que ele serve", por mais de uma hora.


Mas nem todas estão chateadas com Leina. Ecchi Neko aparece de supetão, alisa os pentelhos da irmã, e pergunta: "Nyaaaaaah, foi aqui que você escondeu minha pantufa?"

E os problemas de Leina nem estão começando, pois no chafariz do castelo...


... A justiça social prolifera...

E enquanto isso, na masmorra:


Raimunda: Por que eu estou dormindo nessa posição? É tão desconfortável.


De volta à seu quarto, Leina remove o espartilho, e solta a respiração com tanta força que todos num raio de cinquenta metros sofrem envenenamento por gás carbônico.

Claudette adiou seu sermão para o dia seguinte, logo após a execução de Raimunda. Mas isso não traz nenhum alívio a Leina, pois ela sabe que nem poderá desfrutar de seus Froot Loops sem ouvir falar sobre o incidente internacional que seu jato de vômito causou.

E quando as coisas pareciam não poderem piorar:


Ecchi Neko: Nee chan...
Leina: Pela última vez, eu não quero jogar o jogo da pantufa.
Ecchi Neko: Não nee chan, é que você parece tão tensa depois de tudo que te aconteceu. Queria te fazer uma mensagem, pra você relaxar e dormir melhor.
Leina: Massagem? Ok, parece bom.
Ecchi Neko: Isso! Eu aprendi a fazer massagem tailandesa. Você deita na cama sem roupa, depois eu fico por cima de você, esfrego óleo no meu corpo e depois me esfrego em você. Aí nós duas ficamos lambuzadas... Ai, tesão...
Leina: Eu devia imaginar que não ia ser algo normal...
Ecchi Neko: Ai... Meus mamilos tão durinhos só de pensar! Vou massagear sua flor com eles, e vou esguichar meu leite dentro dela! Hmmmmm... Será que com isso você engravida de gatinhos?
Leina: MAS O Q... ? VOCÊ ESCUTA AS COISAS QUE FALA?
Ecchi Neko: Nee chaaaaaan... Deita na camaaaaa... Quero vocêeeee...
Leina: CHEGA! SAI DO MEU QUARTO DEMÔNIO! ME DEIXA EM PAZ!
Ecchi Neko: AIN! Já sei! Você quer brincar de Frozen, né? Tá bom, vou cantar! Você quer brincar na vulvaaaaaaaa?


Ecchi Neko: Malvada... Me trancou pra fora e nem ouviu o segundo refrão... *SNIFF*


Enquanto isso, longe da... DEUS! QUE É ISSO!?!?!?

Oh... Ok, é a Raimunda. Ufa.

Olha, não me entendam mal. Eu gosto de bundas, mas preciso de alguns minutos pra me preparar pra lidar com algo que pode encerrar minha existência, apenas sentando na minha cara.

...

Pensando bem, seria uma boa forma de morrer. E eu não me importaria de ser executado pela Sofia Vergara.

...

Céus, melhor acabar logo este artigo. Esse desenho tá me fazendo mal.

"Não é desenho é Ani..."

VAI CHUPAR UM CAVALO, TIAGUINHO!!!


Raimunda escapou da prisão... De alguma forma, e encontrou a sala do tesouro... De alguma forma. Agora, ela está recolhendo os 70 milhões que lhe foram prometidos mas não pagos. O que é justo, de certa forma.

Mas antes de ir embora, algo lhe chama a atenção.


A armadura sagrada dos feromônios, a única capaz de causar vergonha alheia aos 88 Cavaleiros e a Atena.

E que sozinha deve valer muito mais de 70 milhões.

Ok, Raimunda. Agora você está sendo gananciosa.


Viu só? Disparou todos os alarmes do reino. Agora...

...

Aquilo lá no fundo é uma lua? E com superfície reflexiva? E lá no fundo tem outra! E tão próxima do planeta, como isso não causa um completo descontrole nas marés? Mas isso é impossível! Esse mundo não deveria ser tão parecido com a Terra, é cientificamente impossível! O PODER DE NEIL DEGRASSE TYSON LHE COMPELE!!!

...

Continuando, Raimunda agora está sendo perseguida por todo PM, vigilante e seguidor do Bolsonaro do reino. Claro que ela já fugiu em disparada, deixando apenas uma nuvem com seu contorno no lugar onde estava, certo?


ERRADO! A moça decidiu fazer uma parada no quarto da Leina.

Que bom que ela tem uma bunda incrível, porque duvido que consiga ter sucesso no meio acadêmico.


Leina: Que está fazendo aqui?
Raimunda: Estou indo embora do reino, mas antes, queria me desculpar por ter te trazido a este antro de loucas.
Leina: Tá tudo bem, acontece.
Raimunda: E queria te dar um presente pra compensar pela minha mancada. Uma coisinha que achei na sala do tesouro.
Leina: Oh! Então, você roubou algo que pertence a minha família e agora quer me dar de presente?
Raimunda: Se não quiser, eu fico com ele...
Leina: Tá, tudo bem. Me mostra o que é.
Raimunda: TCHÃRAM! A armadura sagrada de porra nenhuma!
Leina: A armadura da rainha!
Raimunda: Espera, essa armadura era da sua mãe?
Leina: Não, pertencia a rainha.
Raimunda: E a rainha não era sua mãe?
Leina: A história da minha família é... Complicada.
Raimunda: É, depois de conhecer sua irmã, eu não duvido.
Leina: Então, acho que isso é um adeus. Pra onde você vai agora?
Raimunda: Hollywood. Vou me tornar uma estrela do rap ou dos reality shows. Com um rabo como o meu, não preciso de talento para fazer sucesso no atual cenário da cultura pop.
Leina: Não tenho como argumentar contra isso.
Raimunda: Adeus, princesa Leina. Espero que todos os seus sonhos se realizem.
Leina: Adeus, Raimunda. Que seu cu lhe traga muita felicidade.
Raimunda: Oh, ele já trouxe. Teve uma vez que eu estava numa casa de swing em João Pessoa...
Leina: Para, por favor. Já aguentei perversão sexual demais pra um dia só.


Raimunda: Poxa, eu fiz uma boa ação. Acho que vou me recompensar com um milk shake de Sensação no Burger King. Claro, vou amanhecer com uma puta caganeira, mas eu me preocupo com isso amanhã.


Claudette: Vilã! Atreve-se a escapar de sua punição e roubar nossos tesouros?
Raimunda: Ai, você de novo não!
Claudette: Eu ia executá-la rapidamente para que não sofresse, mas agora irá pagar a altura de teus crimes!
Raimunda: Ah é? Como?
Claudette: Atravessarei minha espada em teu ânus até que saia por sua boca, então a flambarei e...
Raimunda: Sua irmã já me fez essa ameaça hoje.
Claudette: Qual delas?
Raimunda: A mais nova, que se veste e age feito uma gata no cio.
Claudette: Ela disse algo no mesmo espírito ou...
Raimunda: Não, fez a exata mesma ameaça, mas de forma um pouco menos eloquente.
Claudette: Entendo... Não sou uma boa oradora... Eu gostaria de ser, mas acho que isso está além de minha capacidade.
Raimunda: Hey, não fica chateada, gata. Todo mundo tem pontos fortes e fracos. Você pode controlar relâmpagos, quer coisa mais legal que isso? Não deixe suas limitações te impedirem de enxergar seus verdadeiros talentos.
Claudette: Você... Tem razão. Obrigada. Acho que fiz mal juízo de você. Você é uma boa mulher.
Raimunda: Não esquenta, todo mundo se engana. E quando se chega na menopausa, então...
Claudette: MENOPAU... EU TENHO SÓ DEZENOVE ANOS, TÁ?
Raimunda: Caralho, você é mais velha do que eu pensava.
Claudette: BASTA! VOCÊ IRÁ MORRER AGORA!!!


Enquanto isso, Reina, tomada por uma recém descoberta iniciativa, decide abandonar o reino de vez e tornar-se dona de seu próprio destino. Para demonstrar isso, ela apanha uma espada e corta seu longo e luxuoso cabelo, em um ato de rebelião totalmente clichê que onze entre dez heroínas de anime costumam fazer.

Claro, como ela usou uma espada e não uma tesoura, seu cabelo ficou todo desigual. Ao invés de parecer um membro da realeza, ela agora parece uma daquelas garotas lixo branco do sul dos Estados Unidos, que moram num trailer e que engravidam doze vezes antes de terminarem a puberdade.

E Leina está pelada ao fazer isso, porque é claro que ela está.


Em seguida, ela veste a sagrada armadura que pertenceu a rainha, e que tem como peça chave uma calcinha fio dental.

Se você sempre quis saber como seria um filme da Mulher Maravilha dirigido por Michael Bay, agora tem sua resposta.


Mas antes que Leina possa ir atrás de emocionantes e sensuais aventuras...


Lilica: Oiê! Já reviu seu privilégio hoje?


*BATLH MAHEGH*


Claudette: Devo confessar, há muito tempo não participo de um embate como este. Você é uma guerreira do mais alto quilate!
Raimunda: Eu faço meus exercícios. E você também não é nada má, gata.
Claudette: Aquela técnica que usou, foi esplêndida.
Raimunda: Aquele golpe manjado? Só uma coisinha que eu aprendi com o meu velho. E você então? Aquele seu último ataque foi ó!
Claudette: Refere-se a...
Raimunda: Esse mesmo. Meu sangue ferveu quando vi.
Claudette: Sim, sim. Um embate para as eras. Seria um desperdício se ninguém o testemunhasse.
Raimunda: Sim, seria.
Claudette: Pronta para continuar?
Raimunda: Faz o seu melhor, garota!


Enquanto elas lutam, voltemos a Leina e Lilica, que começa a apertar as tetas enquanto seu olho direito brilha inexplicavelmente como o de um Terminator.

Então, se você sempre fantasiou com um exterminador do futuro que também é uma coelha com peitos imensos e que dispara ácido pelos mamilos, enfie a mão dentro da calça, porque esta será sua única chance de satisfazer este fetiche.


E para surpresa de ninguém, Lilica ainda tem a vantagem no duelo. Mesmo usando a sagrada armadura que pertenceu a rainha, Leina continua tão boa de briga quanto o Yamcha.

Quem diria que vestir a roupa de um guerreiro lendário não iria imediatamente lhe conferir suas habilidades? E você aí, tentando comprar o protetor de saco do Brock Lesnar no Ebay, achando que isso vai te fazer quebrar o streak do Undertaker e furar o bolo da Sable.

SABE DE NADA!!!


E ao perceber que sua habilidade de luta é menor que a de uma sacola de supermercado, Leina mija nas calças.

Pela segunda vez no mesmo episódio.

...

Numa boa, acho que Leina e o velho cagão seriam um casal perfeito. Os dois com incontinência, ele despejando um oceano de barro na cama toda noite, ela complementando com uma bela chuva dourada, ambos traumatizando as empregadas do castelo. De verdade, acho que a garota não vai encontrar um pretendente melhor nem que viva oitocentas décadas.

Mas deixemos Maria Mijona e Lilica por um momento, e vamos ver como estão Claudette e Raimunda.


Raimunda: Cansei.
Claudette: Se rende?
Raimunda: Não, cansei. Essa briga já perdeu toda graça.
Claudette: Graça? Ora, eu nunca! Este é um duelo de honra entre dois soldados, que...
Raimunda: Não sou soldado porra nenhuma! Sou caçadora de recompensas, mercenária e poso pra folhinha de borracharia de vez em quando. Tou cagando pra honra.
Claudette: Mas como se atreve a desrespeitar a rica tradição dos duelos desta forma? Pois fique sabendo que...
Raimunda: Meu Deus, como você é tensa! Se colocar carvão na sua bunda, a pressão deve transformar ele em diamante!
Claudette: Pessoas em casas de vidro não deviam falar da bunda das outras...
Raimunda: Você é tão chata que deve transar feito uma bibliotecária, fazendo "shhhhh" pra cada gemido do cara.
Claudette: Prefiro não falar de minha vida sexual...
Raimunda: Escuta, tudo que eu tou dizendo é que você é estressada demais. Quando foi a última vez que tirou uma folga, saiu com as amigas pra beber e bater papo?
Claudette: Nunca... Nunca pude fazer isso. Não tenho amigas...
Raimunda: Ahhh, meu amor.
Claudette: Está tudo bem. Sei que tenho uma personalidade desagradável.
Raimunda: Tem nada, você só é muito séria. Faz assim, abaixa essa espada, vamos sair daqui, bater perna até achar um bom bar, vamos tomar umas e outras e nos divertir! Quem sabe não encontramos uns bofes pra nos fazer companhia esta noite?
Claudette: Eu... Gostaria muito disso.
Raimunda: Então fechou, baby! Vamos ser amigas a la Sex and the City! Você pode até ser a Miranda!
Claudette: Sex and the City? MIRANDA? COMO OUSA? COMO SE ATREVE A ME COMPARAR COM UMA DAS VADIAS DESTA MALDITA SÉRIE? COMO PODE PROFERIR TAMANHA OFENSA CONTRA MIM???
Raimunda: Tá legal, você pode ser a Samantha então.
Claudette: VAGABUNDA! DESGRAÇADA! PROSTITUTA BABILÔNICA! MIL MORTES SÃO POUCO PARA VOCÊ!!! ARRANCAREI SUAS PERNAS E GOLPEAREI SEU CORPO COM ELAS, ATÉ QUE SE TORNE APENAS UM AMONTOADO DE ÓRGÃOS E OSSOS MOÍDOS!!!
Raimunda: Olhaí! E você achando que não sabia ser eloquente!
Claudette: MORRA NO INFERNO!!!


Claudette: ESSA NÃO! UMA EXPLOSÃO A CENTENAS DE METROS ME DESEQUILIBROU E TIROU MINHA ATENÇÃO DE FORMA MUITO CONVENIENTE!!!
Raimunda: E essa é minha deixa pra ir embora! VOCÊ NÃO QUIS PAGAR A CONTA MAS A CÁSSIA KISS! SABE COMO O MICHAEL JACKSON ANDA? CUS PÉ! VOCÊ FAZ ANIVERSÁRIO E O VÍTOR FASANOS! SABE COMO SE FALA "AMIZADE" EM ALEMÃO? COM A BOCA!
Claudette: MALDITA SEJA E SUAS PIADAS DE TIOZÃO!!!


E lá no telhado, Leina se enche de coragem, cuspe e vinagre, e prepara-se para enfrentar Lilica:

Leina: Mas você é uma puta duma psicótica, heim? Quem te deu o direito de explodir minha casa?
Lilica: Não preciso da permissão de ninguém! Sou uma mina empoderada e empodero outras mina também!
Leina: Você é uma hipócrita do caralho, isso sim! Fala de sororidade, mas atravessou o reino só pra me matar. Me fala de querer roubar o lugar de fala dos coelhos, mas foi você quem os matou em primeiro lugar. Você não dá a mínima pras causas e pessoas que diz defender, tudo que você faz é pra se sentir bem consigo mesma!
Lilica: Só está falando isso porque sabe que agora não me escapa, opressora falocrata!
Leina: Você sequer sabe o que essa palavra significa?
Lilica: Claro que sim, significa... AAAAAAH, eu não estou aqui pra te educar!
Leina: Obviamente que não, porque você não faz ideia do que acabou de falar. Você só ouviu alguém dizer isso na internet e saiu papagaiando, porque é conveniente pra você rotular alguém de uma forma negativa. Desumanizar o outro te desobriga de tentar dialogar com ele.
Lilica: Fica na tua, sinhá! O negro não vai voltar pra senzala, a mulher não vai voltar pra cozinha, e o gay não vai voltar pro armário. NÃO PASSARÃO!
Leina: E é claro que você sai vomitando frases prontas e bordões da internet. Isso camufla a sua total falta de argumentos e te dá uma falsa sensação de superioridade moral.
Lilica: Ora... Eu...
Leina: Escuta, sua intenção pode até ser boa, mas não adianta nada se você não está disposta a dialogar com aqueles que tem opiniões diferentes da sua. Você só fomenta conflito e separatismo, e transforma potenciais aliados em inimigos. Converse com as pessoas, não se apresse tanto em julgar, e com isso você poderá começar a construir um mundo melhor.
Lilica: ...
Leina: Que me diz?
Lilica: Aposto que você fez faculdade de exatas.
Leina: Ahhh, que se foda. Vou arremessar minha espada em você e torcer pra decepar algo de que você vá sentir falta.


Lilica: HA-HA! Você errou!


Lilica: Ui! O chão afundou e aprisionou meus pés! Estou paralisada de forma muito específica!


Lilica: Essa não! Eu já tinha engatilhado meu ataque, agora não tenho escolha exceto disparar com as tetas... MAMILOS CÍTRICOS!!! Oh, mas que série de eventos inusitados!!!
Leina: Agora! É a minha chance!


Lilica: Que é isso? Que está fazendo? Me abraçando? Mas... Depois de tudo que eu fiz?
Leina: ...
Lilica: Será... Será possível que... Você percebeu que minha devoção a justiça social é apenas uma fachada? Que eu me coloco em um pedestal moral e julgo a todos apenas porque sou insegura, fraca e solitária? E que tudo de que eu precisava era um abraço e de uma amizade sincera?
Leina: ...
Lilica: Oh... Eu... *SNIFF* ... Desculpa... Tou emocionada...
Leina: ...
Lilica: Obrigada, de verdade. Sinto-me tão melhor que... Vou deletar minha conta no Tumblr! Isso! Não preciso mais de justiça social! O Caça Fantasmas feminista é uma merda, Anita Sarkeesian é uma falsária e o Gamergate foi um movimento que genuinamente buscava trazer ética ao jornalismo de games, mas foi injustamente rotulado por oportunistas que o usaram para levar adiante suas próprias agendas pessoais e políticas!
Leina: ...
Lilica: Talvez seja cedo pra falar, mas acho que seremos BFF's daqui pra frente!
Leina: Na verdade, não tenho intenção de ser sua amiga.
Lilica: Que?
Leina: Só te abracei pra bloquear seus mamilos com meu corpo. Assim, seu ácido não vai ter por onde sair, e você vai inflar e explodir.
Lilica: Ora, sua orangotanga retardada! Isso nunca dará certo!


Lilica: Ok, talvez dê um pouco certo.


Lilica: Tudo bem, você já provou seu ponto! Pode me soltar!


Lilica: PELO AMOR DE DEUS, ME SOLTA QUE ISSO TÁ FICANDO RIDÍCULO!!!


*LUPDUJHOMWLJ LUBUY'MOH GHARGHMEY*


E do muro do castelo, Raimunda observa Leina. Orgulhosa em ver a vitória da amiga e o quanto ela cresceu esta noite.

Claro, o amadurecimento da princesa causou uma explosão que levou embora um terço do castelo, e matou dezenas de empregados. Gente inocente, que não tinha nada a ver com a história e foi dizimada em um segundo.

Isso sem contar todas as crianças que agora estão órfãs. Que terão de crescer sem a orientação e sustento dos pais, e acabarão seguindo por um caminho ruim na vida. Todos os meninos que entrarão no crime ou cairão nas drogas, e todas as meninas que se tornarão prostitutas, apenas para ter o que comer, ou que terminarão seus dias em um relacionamento com um marido abusivo, pois será o melhor que suas psiquês abusadas lhes permitirá encontrar.

Mas hey, a princesa venceu uma luta e amadureceu um pouquinho. E no fim é isso que importa.

Certo?

Certo?

Correto?


E por falar em Leina, aqui está ela. A explosão a arremessou a quilômetros de distância, mas sua armadura sagrada impediu que ela se transformasse numa mancha pastosa no cenário.

O que prova que quanto mais reveladora for a armadura de uma garota, mais proteção ela irá lhe conferir.

Sinceramente, é uma lição que a Mulher Maravilha já nos ensina há décadas.


Raimunda: E aí, princesa? Como está se sentindo?
Leina: Onde eu estou?
Raimunda: Longe do reino e dos seus problemas.
Leina: E a coelha?
Raimunda: Explodiu.
Leina: Morreu?
Raimunda: Guerreiro da Justiça Social não morre, só se muda do Facebook pro Tumblr.
Leina: E agora?
Raimunda: Agora você é livre pra fazer o que quiser, princesa.
Leina: Acho... Que quero conhecer aquele lugar em João Pessoa de que você falou.
Raimunda: Mesmo?
Leina: Claro, por que não?
Raimunda: Fechou! Bora!
Leina: Você é uma boa amiga, Raimunda. Se estivéssemos em Sex and the City, poderíamos ser a Samantha e a Carrie.
Raimunda: Gata, acho que este é o início de uma bela amizade!


Chatte Volant: Ninguém vai me dar atenção não? Vocês estão abertamente ignorando a vontade de nosso senhor Feliciano! Pois vocês vão todos queimar no nono círculo do inferno, bando de hereges! Nosso senhor tem razão! Vocês foram todos amaldiçoados por Noé, igual os criou...

***FIM***

E contemplem um cosplay de Lilica, por questões meramente artísticas.


Sim. Cosplay é arte. Olha quanta arte. Deliciosa arte, que eu quero lamber até gastar todo meu maxilar... Hmmmmmmmmmmm...

... Hmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm...

...HMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMM...

...

Ok, vamos debater Queen's Blade. Mas antes de formar qualquer opinião a respeito desta série, precisamos entender em qual contexto ela foi criada.

O Japão é um país que coloca uma pressão absurda em sua população. É exigido dos profissionais que eles dediquem uma quantidade absurda de horas ao trabalho, o que faz com que muita gente passe semanas sem voltar pra casa, porque é simplesmente mais prático dormir na firma.

Agora imagine uma geração inteira de homens que cresceram sem ter o pai em casa, por causa desse esquema brutal de trabalho. Eles não vêem sentido em ter uma família ou filhos, se para sustentá-los, terão de trabalhar tão duro que sequer poderão passar tempo com eles.

Então, o cara não tem interesse em entrar pra esmagadora força de trabalho japonesa. E uma vez que as mulheres japonesas são insuportavelmente exigentes, ele também não tem vontade de passar por todas as dores de cabeça necessárias para se iniciar um relacionamento.

Sujeito se fecha, arruma um emprego meia boca e passa a viver apenas para si. Mas o caso é que mesmo não indo atrás de uma namorada, ele ainda busca afeto e realização sexual, e é aí que uma série como Queen's Blade entra.

É um Anime que oferece dezenas de mulheres lindas, com corpos e personalidades diferentes. O camarada solitário escolhe uma delas e forma um relacionamento virtual com uma garota que nunca irá cobrá-lo, nunca irá brigar com ele, exigir dele, ou deixá-lo. Está muito longe de ser o ideal, mas para alguém que muitas vezes desistiu de todo e qualquer contato social, torna-se um placebo irresistível.

Então, o mercado recebe uma avalanche de produtos que levam a cara das heroínas da série. Produtos como ESTE:


E o sujeito solitário e devotado a um relacionamento virtual gasta tudo que tem para poder levar um pedacinho de sua waifu para casa.

Peço a vocês que não julguem. O Japão é uma cultura completamente diferente da nossa, com valores que muitas vezes parecem incompreensíveis. Piadas a parte, não nos cabe condenar o otaku japonês, sem ao menos tentar entender aquilo que o motiva.

Não tenho problemas com Queen's Blade. É um Anime que existe para satisfazer a um nicho específico, e o faz de forma esplêndida. Além do mais, possui altos valores de produção, boa animação, com cores e sombreamento muito bem feitos e um character design excelente.

Como eu digo sempre, os maiores mestres da anatomia do mundo são artistas eróticos. Pois se não souberem desenhar corpos muito bem, seu trabalho deixa de ser sensual e torna-se repulsivo. E as meninas desta série não poderiam ser mais atraentes.

É isso. Espero que todos tenham aprendido algo hoje.

Quanto a aqueles que não possuem mente aberta, DESAPAREÇAM COM AS ESTRELAS!!!


*EXPLOSÃO GALÁCTICA*

Cheers!!!

18 comentários:

Edalmir Biscaia das Neto disse...

A melhor parte é o final, sério, você descreve um aspecto cultural do Japão [ e por que não que não da atual asia inteira ] e fazemos piada. Sério, esse artigo merece ser lido e compreendido em sua totalidade.

オンライ disse...

Texto muito engraçado, e sem dúvidas uma descrição final interessante.
Ótimo fim de semana Amer. *abraços*

Galomortalbr disse...

amer amo seu blog,voce devia criar roteiro para essas series abridges do youtube

Domingos Junior disse...

no Japão incesto na ficção não e visto com maus olhos,tem toneladas de romance com o tema

Leandro"ODST Belmont" Alves the devil summoner disse...

Queen Blade é.... não sei, tenho carinho pela série. Pelo menos o enredo da série faz mais sentido que Ikkitousen e suas protagonistas são mais gostaveis do que aquela sem sal da Kanu Uchou, Onde tem gente que a valoriza mais do que deveria.

Jonas Santos disse...

Belo artigo Amer!!!
Agora que tu nos deste uma boa explanação sobre a tendência dos otakus a gostar desse tipo de produto... Qual seria a explicação para o comportamento desagradável dos "Thiaguinhos" da vida?

u2 disse...

Boa noite, Amer. Eu confesso que não gostei muito das piadas no começo do texto. Parecem querer fazer gozação e movimento feminista e tal. E olha que sou homem!Rs. Mas, não. Sério, mesmo. Achei fora de tom, até porque pareceu gratuito e não foram engraçadas. Mas no geral eu gosto dos seus textos. Se me permite, e já dizendo aqui (já que não tenho como saber de você permitiu porque...bem, eu to falando do passado e quando vc ler isso vai ser o seu presente mas aew provavelmente eu já estarei no meu futuro..tsc. Estou no aguardo da sua crítica, resenha, análise do anime "a lenda de Korra" já que já foi nos prometido isso tem tempo. Hehehe. Sério, FAÇA! E perguntar/cobrar mais conteúdo no blog além de gameplays. Acho que você tem um talento forte na escrita e gostaria mais de ver você desempenhando tal papel.

Adriano Istvan disse...

Deu até vontade de assistir! Hahaha
Ameríndio, onde posso achar um texto/site/livro que explore a cultura japonesa? Gosto de quando explica certas passagens culturais deles e como não tenho nenhum amigo oriental, não sei pra quem perguntar...
Abraços

Amer H. disse...

Foi pra caçoar das feministas. Como eu caçoo de absolutamente todo mundo.

hugo cesar disse...

Parabéns amer adoro seu blog. Estava esperando que VC fizesse a muito tempo um artigo dessa diarréia pois sei faz tempo que VC tem uma queda por animes de péssima qualidade e espero que vc se recupere mentalmente de ter assistido esse lixo. Também fiquei pasmo com a cena no começo onde a Leina recebe um jato de acido e sai com a pele intacta apesar de ter tido sua espada derretida, e se vc acha que esse episodio é medonho o terceiro é mais louco ainda, a Leina vai lutar num ringue no melhor estilo luta na lama, termina apanhada,humilhada picada por uma cobra em um dos seios e termina só de calcinha de peitos de fora (como sempre) com as pernas abertas sério esse mulher e mais tonta que o Seiya de Pégaso. E os coadjuvantes conseguem ser ainda mais repelentes a Nanael,a anjinha de baby-doll da vontade de matar e estrangular aquela coisa. Também tem aquela freira chamada Siggy melhor nem falar.
Apesar de tudo concordo com vc em gênero,numero e grão em relação ao contexto de criação do anime mas mesmo assim não deixa de ser um belo x tudo de merda.
E se quiser outro anime de merda pra fazer uma resenha recomendo school days ele é tão ruim que tem uma pagina quilométrica no site chuva de nanquim de gente descendo o cassete na animação e dizem que o protagonista é um dos piores da animação japonesa.
Bom um grande abraço e que vc continue nos divertindo com seus artigos maravilhosos espero com toda a paciência do universo Hugo Cesar.

Galomortalbr disse...

AMER QUERO UM DESSES DE Sailor Moon Crystal

Hao Cinis disse...

Eu seria rotulado de misógino, machista ou qualquer outra coisa pelos bastiões da justiça social se dissesse que ri pra caralho com o artigo inteiro? Porque eu ri pra caralho com o artigo inteiro.

mr.Poneis disse...

Não tenho boas recordações desse desenho, também não tenho más recordações... se alguma recordação... é a de que eu tentei assistir ele umas duas ou três vezes largava depois de alguns episódios e ia assistir alguma outra coisa... É um erro que preciso corrigir em um futuro próximo...

Acompanho pares de mangas que se intitulam borderline hentai, mas não tenho tantos animes que sejam do mesmo gênero... exeções a regra seriam Prison School que tem uma comédia excepcional (como você mesmo já descreveu e uns 8 de cada 10 costumam concordar) como um extra muito bem vindo... Ou to Love Ru que entre seus diferenciais tem o costume de "inovar" o gênero e de incluir personagens um tanto mais simpáticos as suas fileiras... mas a sua quilometragem pode variar...

No mais um bom artigo...

Até mais ver
mr. Poneis

Ps.: http://blogdebrinquedo.com.br/2016/08/15/estatua-marceline-a-rainha-vampira-hora-de-aventura/

Talvez seja do seu interesse!

henrique santos drumond disse...

ja pensou em começar a fazer videos de analise ou vlogs no teu blog mesmo q seje de mascara pois adoro seus post e vc anda assistindo algum anime q n seje de punheta serio muita punheta faz mal toma cuidado ai e so uma dica ta

henrique santos drumond disse...

ja pensou em gravar videos de analise pois dao bem mais view e vc tem talento pra tal e serio tanto e q esse teu post transformou esse anime de punheta em algo muito mais engraçado do q chato e vc anda vendo algum anime q n seje de punheta pois punheta faz mal

Paulo Araujo disse...

Mais yum post do honorável Amer
pergunta, pq vc não retorna as terras do Mark Fuckerberg?

C disse...

Amer, você fala SJW fluentemente. Deve ter visto coisas que ser humano algum jamais deveria testemunhar.

Diogo Batista disse...

Sensacional!! Eu ri demais durante todo o texto. Gosto dessas sacadas caçoando as feministas abiloladas, hahaha!

Há tempos atrás eu assisti a um documentário que a Vice fez sobre essa ausência de relacionamentos no Japão, e realmente é bem interessante. Não é a toa que lá se tem a maior população idosa do mundo.