segunda-feira, 24 de agosto de 2009

Heroínas de quadrinhos mal-adaptadas!


Todo mundo gosta de filmes de super heróis!

Ou pelo menos deveriam gostar.

O que pode ser melhor do que ver um sujeito de roupa colorida, com poderes que sempte sonhamos ter, chutando a bunda de inúmeros vilões e fazendo do mundo um lugar menos putrefato?

Pois é, nada consegue ser melhor! É por esse motivo que filmes de super heróis são a melhor coisa do mundo.

E se você não gosta deles, você é um cuzão.

Sim! Isso mesmo! Um cuzão enorme! transatlânticos, aviões e a Amelia Earhart desaparecem dentro do seu rabo, seu miserável! É o quão cuzão você é!

Onde eu estava? Ah sim, filmes de heróis.

Embora a qualidade das adaptações tenha melhrado muio nos últimos anos, ainda há uma boa cota de cagadas que são feitas durante a produção dos filmes. Temos Thomas Jane como Justiceiro, Ben Affleck como Demolidor e Nicholas Cage... fazendo qualquer coisa que não seja se trancar em sua casa e nunca mais mostrar a cara na janela.

Mas por mais que a indústria ainda cague em alguns heróis, quem sofre mesmo são as heroínas.

Pode ser machismo ou puro azar, mas as mulheres dos quadrinhos muitas vezes acabam sendo adaptadas com muito menos cuidado para outras mídias. Os produtores devem acreditar que se a personagem título tem um par de peitos e aparece vestindo só lingerie em pelo menos uma cena, será o suficiente para terem um campeão de bilheteria.

Mas na maioria das vezes eles estão errados... muito errados...

Acompanhe-me e eu provarei.

SHAZAM!!!


Susan Richards

Ah sim, a Mulher Invisível. Uma das personagens mais poderosas da Marvel e uma das maiores mães da história.

Sue Richards é a cola que une o Quarteto Fantástico. Ela consegue trazer Reed Richards para a realidade dos problemas comuns, aguenta a vida de baladeiro imbecil de Johnny Storm e tem moral o bastante para mandar em um gigante de pedra de 500 quilos que tem a maturidade de um artista de quadrinhos Brasileiro.

E Sue não só é durona e sexy (MUITO sexy), mas ela de fato tem um dos maiores poderes de todo o universo Marvel: ela pode gerar campos de força invisíveis.

Tal poder pode ser usado para gerar escudos de proteção, plataformas flutuanes, esferas que sirvam para se entrar em locais inóspitos como o interior de um vulcão e muito mais coisas.

Diabos, ela pode criar um campo de força invisível do tamanho de uma célula dentro da cabeça de um vilão, expandi-lo e causar um derrame no meliante ou sei lá... EXPLODIR A MALDITA CABEÇA DELE!!!

Se o Doutor Destino ainda está vivo, é simplesmente porque ele não encheu o saco de Sue Richards os suficiente.

Sue Richards é uma das personagens femininas mais duronas a estrelar uma história em quadrinhos, mas quando chegou a vez de adaptarem o Quarteto Fantástico para o cinema, ela acabou assim:


Pois é...

Agora, nada contra Jessica Alba. Eu a acho uma graça e já caí em depressão mais de uma vez por saber que ela não pretende jamais aparecer nua em um filme.

E admita que você pagou um pau pra ela em Sin City.

...

Pois é.

Meninas, admitam que algumas de vocês também pagaram pau.

...

Pois é.

Se bem que vou admitir que gostei mais da participação da Carla Gugino (a terapeuta do Marvin) já que ela aparece pelada em quase todas as suas cenas.

Mas então, qual o problema de Jessica Alba como Sue Richads?

Bom, Sue Richads é praticamente o ideal da beleza ariana: loira, de olhos claros, alta e de pele bem clarinha.

Jessica Alba por sua vez, é latina. BEM latina, do tipo morena de olhos escuros e bem bronzeada.

Até aí, colocaram Michael Clake Duncan como o Rei do Crime. o Wilson Fisk original é um branquelo enquanto nosso querido John Coffee não é.

Eu pessoalmente não achei isso um problema, mas simplesmente porque ninguem tentou transformar um afro americano em nórdico para estrelar como o vilão do filme.

Já Jessica Alba pecou contra a natureza.



Eu já ví coisas estúpidas, mas transformar uma atriz latina em uma loira de olhos azuis com certeza leva o prêmio! Não seria mais fácil contratar uma loira natural para o papel?

Não, porque uma atriz branca sem dúvida cobra mais caro que uma latina e todos sabemos que o orçamento dos dois filmes do Quarteto Fanásico foi uma caixa de paçoquinha.

E nem daquela paçoquinha quadrada que tem um coração na embalagem, daquelas cilíndricas que nem marca tem e que parecem feitas de poeira e areia de praia e não amendoim.

Mas sinceramente, o visual "Faux Blonde" (sim, sou mais chique do que você) ficou uma bosta. Ela não parece uma garota morena bonita que gostariamos de levar pra jantar, mas uma stripper barata que levariamos para trás do ponto de taxi por vinte reais depois do show.

...

Tá bom, como se vocês nunca tivessem feito isso.

E já que eu falei em Sin City, Jessica Alba tava loira lá também e qual era seu papel?

Sem mais peguntas, meritíssimo.

Aliás, em Quarteto Fantástico devemos acreditar que a personagem dela é uma cientista brilhante, tão brilhante que foi convocada para toma parte em uma missão espacial.

Mas basta Reed Richards mandá-la tirar a roupa em público para atravessar uma multidão sem ser vista (já que ela não conseguia deixar suas roupas invisíveis) que sem pestanejar, a moça aceita.

Veja bem, ela aceitou FICAR PELADA NO MEIO DA RUA para atravessar uma multidão sem ser vista e alcançar o Coisa... plano esse que não serviu pra nada, pois Reed e Johnny atravessaram a mesma multidão em segundos e sem precisarem arrancar as roupas.

Acho que o Reed só queria ver se a Sue era imbecil o bastante pra ficar pelada no meio da rua caso ele bolasse um plano claramente inútil e a garota caiu.

Mas mesmo que desconsiderássemos todos esses pormenores, Alba não é a melhor pessoa do mundo para interpretar uma super heroína, pelo simples fato de que na maior parte do tempo, ela parece não fazer a menor idéia de como usar seus poderes.



Ela parece alguem que treinou para usar suas habilidades especiais? Claro que não, parece menina que tá se defendendo quando o irmão mais velho encapetado resolve bater nela quando ambos estão sem supervisão adulta.

Claro, um irmão mais velho que descarrega feixes de protons, mas você me entendeu.

Mas mesmo assim, as coisas poderiam ter ficado bem piores.


Se bem que...


Fênix Negra

Aqui temos um caso sério.

A Fênix Negra dos quadrinhos é uma entidade cósmica quase onipotente que se apossou do corpo de Jean Grey em uma missão espacial que deu errada.

Seu poder aumentou pra cacete, ela se tonou uma ameaça para todo o universo e no fim das contas, Jean acabou tomando a própria vida para que a Fênix Negra fosse destruida e não ameaçasse mais ninguém.

Qualquer indivíduo que tenha lido esta saga sabe o quanto ela foi emocionalmente carregada e o que significou para os fãs.

Então resolveram basear X-Men 3 na saga da Fênix Negra, e... minha nossa, por onde eu começo?


Pra começo de conversa, a Fênix do filme não é uma entidade cósmica, mas uma segunda personalidade de Jean Grey, que simbolizava para seus instintos mais básicos e primitivos.

Em outras palavras, a Fênix Negra do filme é o super tesão acumulado de Jean Grey.

Pois é... é nisso que dá namorar o Ciclope.

Enquanto a Fênix dos quadrinhos passava seu tempo consumindo planetas e se deliciando com o desespero das civilizações que dizimava (o que também é uma espécie de super tesão, mas menos escancarado e mais assustador que no filme), no filme ela passa o tempo transfomando as pessoas em orégano e tentando comer o Hugh Jackman.

Bom, acho que metade das minhas leitoras não verão nada de errado na segunda opção, mas enfim.

Também é difícil de acreditar que Jean Grey tem esse supremo poder de transformar tudo ao seu redor em caldo Knorr, mas vai embora passiva com o Magneto quando o vilão a convoca. Meu Deus, o diretor não estava nem tentando!!!

E lógico tem a escolha da atriz.

Nada contra Famke Janssen, ela é uma boa atriz e muito charmosa, mas também é... meio velha pra fazer o papel de pupíla precoce favorita de Professor Picard.

Um amigo meu definiu com perfeição: "a Jean Grey do filme parece a mãe do Ciclope."

E eu concordo. Acho meio dificil engolir o namorico adolescente dos dois (pois é o que eles tem nos quadrinhos desde os anos sessenta) quando apenas um membro do casal tem idade para agir como alguém que ainda acedita que o amor é mais que uma reação química do cérebro.

Então você pergunta: "Pelas barbas de Odin, Hamlet! Já que você é tão esperto, quem poderia interpretar a Jean Grey?"

Simples, Laura Prepon!

Quem?

Ela:


Heim, heim?

Não sei se ela faria bem o papel, mas diabos... ela é uma ruiva natural de um metro e oitenta. Por mim ela poderia interpretar todos os papéis em todos os filmes do mundo pelo resto da eternidade.



Mulher Gato

Imagino que muitos de vocês devem ter se levantado em uma fúria gloriosa, prontos para virem até a frente da minha casa com sabonetes enrolados em toalhas e ansiosamente delegarem a doce justiça do Texas.

Calma, não estou falando da Michelle Pfeifer em Batman: O Retorno.

Isso, isso... sente-se, respire fundo e tome um copo de Tubaína Baré. Não se sente melhor agora?

Não senhor, eu adoro a Michelle Pfeifer naquele papel. Digo, a personagem não parece nada com a Mulher Gato dos quadrinhos, mas é um filme do Tim Burton e eles sempre valem a pena, pois nos mostram como é viajar com LSD sem que necessariamente precisemos nos drogar.

Enfim, estou falando de outra Mulher Gato.


Pois é.

Em primeiro lugar, a cagada não é a escolha da atriz. Eartha Kitt era negra e interpretou magistralmente a Mulher Gato do seriado dos anos 60.

E se queriam uma atriz negra no papel da nova Mulher Gato, ninguem melhor que Halle Berry. Pois como diria meu amigo de TWO METROS: ELA É BOA PRA CACETE!!!

O problema aqui é... bem... essa personagem é a versão mais inacreditavelmene esmerdeada da personagem.

Pois bem... no início do filme ela salva a vida de um gato e quase cai de um prédio por causa disso. Mais adiante no filme ela acaba assassinada por pessoas DO MAL e o bichano que ela havia salvo devolve sua vida e lhe dá os poderes de um gato.

Vejam bem, o bichano era na verdade um emissário de Bast, deusa Egípcia dos gatos e uma vez que ficou comovido com a dedicação com que a moça quase perdeu a vida para salvá-lo, ele resolveu recompensá-la.

É, pois é.

Pelo menos é o que diz no Wikipedia, eu sofri três derrames após ver o filme e não me lembro direito de sua história.

Pois então, Halle Berry ganha os poderes dos gatos e quais seriam esses? De acordo com o filme, agilidade sobrenatural, reflexos e sentidos aguçados e... super força?

Ok, eu não tenho gato, mas acredito que nunca ví um felino arremessar um humano longe, tampouco parar um carro com uma cabeçada. Peço aos donos de gatos que lêem meu blog para contarem dos feitos sobre humanos de seus bichinhos caso eu esteja errado.

Enfim, nossa heroína usa seus poderes para deter a indústria dos cosméticos e se comportar feito uma vadia pelo resto da duração da película. De fato, do momento em que ela se transforma até o fim do filme, a câmera dá closes na bunda e nos peitos da moça sempre que pode.

Agora, nada contra closes estratégicos em Halle Berry (OH MEU DEUS, COMO EU A AMO), mas se eu quiser ver um filme pelas bundas e peitos contidos nele, vou assistir pornogafia.

Afinal, é unicamente pra isso que existe a internet.

O filme recebeu diversos "prêmios" do pessoal do Golden Raspberry, que é o Oscar dos filmes ruins, para os incultos entre vocês que não sabem.

Halle Berry foi receber o prêmio de pior atriz em pessoa e agradeceu a Warner por tê-la escalado para um filme que conseguia ser pior que um trem descarrilhado carregando lixo tóxico que cai sobre um orfanato de cãezinhos.

Pelo menos ela sabe a bomba de que participou.



Ou será que sabe mesmo???



Birds of Prey

Birds of Prey narra as histórias da Caçadora, Canário Negro e Oráculo, três heroínas duronas que passam suas noites chutando bundas de bandidos em Gotham City para aliviar um pouco a barra do Batman.

Digo, ele trabalha demais, prendendo o Coringa, sendo o protagonista de três séries animadas e uma série de filmes, aparecendo em festas de aniversário infantis e dublando a sí mesmo em Family Guy, o sujeito precisa de uma folga de vez em quando.

Enfim, a Caçadora e a Canário Negro passam seu tempo livre reduzindo criminosos a polpa de frutas, enquanto a Oráculo fica na base e sabe absolutamente tudo sobre todo mundo.

E claro, como grande parte dos leitores de quadrinhos são homens solteiros desesperados, elas tem a obrigação de estarem inacreditavelmente gostosas em todas as cenas que apareçam.

É...

Graças a esta premissa, a Warner decidiu fazer uma série com as personagens e...


... UAU!

Digo... UAU...

Não vou falar absolutamente nada de ruim daz atrizes. Elas são onitorrincamente lindas e o casting do elenco não poderia ter acertado mais!

O problema é que a série era imbecil.

Não tão imbecil quanto Smallville, mas imbecil assim mesmo.

Bom, não se pode esperar muito de uma série que tenta se basear na libído de adolescentes solitários para fazer sucesso, em algum momento eles vão cansar de ver atrizes semi nuas que apenas provocam e partirão pra internet a fim de ver lésbicas japonesas se atracando.

Afinal, é só pra isso que a internet serve mesmo.

Ok, vou deixar estas meninas em paz, afinal de contas uma delas é ruiva e isso já me basta.

Aliás, a ruiva é Barbara Gordon, que deixou de ser a Batmoça e se tornou a Oráculo depois que foi aleijada pelo Coringa.

Só uma informação grátis para aqueles que pararam de ler quadrinhos em 1986.

E já que falei na Barbara Gordon...


Batgirl

Aqui temos o melhor produto para o qual Bruce Wayne já licenciou sua marca!

Digo, uma ruiva escultural que é capaz de chutar a bunda de dezenas de bandidos e ainda é um gênio? É praticamente minha idealização da mulher perfeita.

Mas ela deixou de ser Batgirl, pois como eu disse antes, foi aleijada pelo Coringa.

Só que isso a deixou ainda mais determinada e ela se tornou a Oráculo, que como eu também disse acima, sabe tudo sobre todo mundo no universo DC.

Se o Superman quiser prender o Metallo, ela sabe onde ele está.

Se o Darkseid tiver uma rede de agentes na Terra unicamente para vasculhar as lojas de pornografia do planeta (e de acordo com uma história ele REALMENTE tem), ela sabe quem serão seus membros.

E se o Zan (dos Super Gêmeos) quiser se transformar na água da banheira da Mulher Maravilha, a Oráculo pode informá-lo exatamente que horas a Princesa Amazona toma seus banhos.

Enfim, ela provou que moças em cadeiras de rodas podem ser mais eficientes que gostosas vestidas de morcego... e tremendamente sensuais também.

Então Joel Schumacher decidiu fazer Batman e Robin... e o resto é história.


OK, Alicia Silverstone é uma graça... ou pelo menos era, antes da sua carreira afundar e ela precisar produzir a série Sorriso Metálico e dublar sua protagonista pra não morrer de fome.

E eu pessoalmente adoro o close que a câmera dá em sua bunda quando ela veste o uniforme pela primeira vez... mas fora ter o melhor rabo da Bat Caverna, ela foi uma Batgirl lastimável.

Mas serei justo... TUDO NO FILME é uma diarréia megatrônica. O filme é tão ruim que parece ter sido escrito pelo próprio Batman, pois quem mais seria tão foda ao ponto de destruir a reputação do Homem Morcego com apenas um filme?

Exatamente.

Então acho que o filme faz parte de um plano intrincado para confundir os internos do Arkham...ou pelo menos mantê-los rindo por alguns dias e sem vontade de fugir do lugar.

Brilhante, brilhante! Por isso que ele é o GODDAMN BATMAN e nos somos apenas seus leitores!

Ok, vamos para outra heroína da DC!


Supergirl

Eis que surge a prima do Superman, Kara!

E... pra ser sincero, nem sei mais qual a história dela.

Digo, ela morreu na Crise, mas recentemente ressurgiu como uma adolescente fofinha que passa a maior parte do tempo semi nua enquanto aprende sobre os costumes da Terra e então descobrimos que a Poderosa é na verdade a Supergirl que deveria ter morrido durante a Crise, daí a DC reseta todas as séries DE NOVO e tudo que pensávamos saber sobre seu universo vai por água abaixo, exceto que a Zatanna é uma feiticeira pernuda que apagou a memória do Batman e...

... vou parar por aqui, pois acho que não sobrevivo a um quarto derrame.

Pois nos anos 80, quando ainda era possível conhecer a Supergirl sem sofrer tombrose cerebral, decidiram fazer um filme sobre ela, simplesmente para aproveitar o embalo dos filmes do Superman e o resultado...


... não foi dos piores, sinceramente.

Mas mesmo assim, eu não gosto!

E por quê?

Porque detesto a série de filmes do Superman com Christopher Reeve.

Pois é, agora vocês sabem e saber é metade da batalha!

Sei que muitos devem estar considerando o suicídio agora que me ouviram dizer isso, enquanto outros repensam a decisão de vir até minha casa com sabonetes enrolados em toalhas... mas deixem o Amer explicar seu desgosto antes de o espancarem como se ele fosse Vincent D'onofrio no exército.

Vejam bem, no primeiro filme o Lex Luthor o aprisiona em uma piscina, o que demonstra que higiene é um dos pontos fracos do filho de Jor-El.

Então a Lois Lane morre e o Superman faz o tempo voltar paa salvá-la, o que me faz pensa "MAS COMO?" desde quando eu tinha quatro anos de idade.

No segundo filme, ele arranca um "S" de celofane do peito e o arremessa no General Zod, algo que me faz dizer "MAS COMO?" com ainda mais fúria do que o fato de Kal-El ser seu próprio Delorean.

O terceiro filme tem o Richard Pryor e todos sabemos que ele só é eficaz quando colocado junto ao Gene Wilder.

E Superman Returns mostra que mesmo sendo o maior herói da Terra, o Super não está acima de dar no pé do planeta quando descobre que engravidou a Lois Lane, ou você realmente acreditou que ele tinha ido embora pra procurar sobreviventes de seu povo?

O melhor filme da série é Superman 4, pois neste o Super sai na porrada com um supervilão e acaba martelado no solo da Lua como se fosse um Looney Toon!

Portanto, não gosto desses filmes e a Supergirl simplesmente entra no mesmo balaio porque sim.

Mas pelo menos ela não é uma piriguete.


Não é verdade?


Mulher Hulk

E aqui temos a prima de Bruce Banner. Em algum momento da história da Marvel, um dos editores percebeu que seus leitores são caras que não transam e tem fascínio por mulheres coloridas e super poderosas.

...

...

...

Sim, eu leio Marvel Comics.

Pois bem, apesar de ser um dos melhores espécimes de fêmeas a surgir nos quadrinhos, ela não fez muito na sua vida, exceto ser a paixão platônica de John Byrne, participar de histórias ainda mais cheias de clipes sem conexão com o enredo do que Family Guy e enfrentar monstros que cuspiam fogo, torravam sua roupa e a deixavam peladinha, facilitando a vida daqueles leitores que curtiam seus quadrinhos no banheiro.

E claro, ela transou com o Fanático em uma história tão ruim que a Marvel fez todo o possível para negar sua existência desde então.

Pois bem, nos anos 80 a Marvel percebeu que o seriado do Hulk, onde um cara magrinho constantemente se transformava em um Lou Ferigno de peruca Chantecler, fazia muito sucesso.

E o que pode ser melhor que um gigante verde? Uma MULHER gigante e verde!


Mas o melhor que eles conseguiram foi Brigitte Nielsen vestida como membro reserva do Motley Crue.

Aliás, Brigitte Nielsen era aquela loira enorme e fantabulosa que interpretou a esposa do Ivan Drago em Rocky IV e que recentemente pagou micos imensos em uma edição do Surreal Life no canal VH1.

Mas pelo menos ela nadava pelada no Surreal Life.

Quanto ao seriado da Mulher Hulk, aparentemente não passou do piloto. Não sei quais os motivos precisos que levaram os produtores a achar que o filme era uma má idéia, mas arrisco dizer que eles simplesmente viram a foto acima, decidiram cancelar o seriado e juraram nunca mais tocar no assunto.


Elektra

Ahhhh sim, Elektra, uma das mais queridas personagens de Frank Miller, a representação suprema da fêmea fatal e uma das maiores vadias já criadas em toda história dos quadrinhos.

Não sério. Frank Miller já admitiu que a copiou completamente da personagem mais vadia que Will Eisner inventou.

E ele também disse que o Eisner sabia e disse que "tava ok."

Então tá ok!

E o senhor Eisner também concluiu o raciocínio dizendo que "a vadia da esquina sempre é mais interessante que a moça boazinha que nossas mães nos apresentam."

Nisso ele tem razão. Todo homem do mundo passa por um período de sua vida onde a vagabunda da classe, aquela que já transou com toda turma do fundão, é muito mais interessante que aquela colega fofinha com quem fazemos os trabalhos em grupo.

Pelo menos até a fofinha crescer, virar um mulherão e parar de nos dar bola... o que sempre acontece.

Enfim, Elektra é uma vadia de marca maior e é isso que dá contraste ao seu relacionamento com o Demolidor. O rapaz é um advogado cego que trabalha praticamente de graça pra ajudar aos necessitados e de noite se veste como demônio e atua como vigilante.

E depois disso tudo, ainda se confessa com o padre da igreja.

É o genro que toda mãe pediu a Deus.

E Elektra... é a nora com quem as mães tem pesadelos e pânico notuno.

Então saiu o filme do Demolidor que focava bastante no relacionamento de Elektra e de um pedaço de madeira vestido como o Homem sem Medo. Pouco tempo depois, os produtores acharam que a personagem merecia um filme solo e então o lançaram.

Em ambos os filmes ela foi interpretada pela mesma atriz:


Ahhhhhhhhh siiiiiiiiiim, Jennifer Garner...

Vou admitir que ela é uma das atrizes por quem tenho uma paixão platônica inegável. Digo, ela é tão atlética e durona e capaz de chutar a minha bunda, mas ao mesmo tempo é tão fofinha e adorável.

Digo, é por causa dela que De repente Trinta e um dos meus filmes favoritos de todos os tempos.

Sim, é melhor que Cidadão Kane.

Lá ela está tão sexy e gostosa, mas ao mesmo tempo tão inocente e adorável, que mesmo que ela ficando metade da história com decotes sensacionais, eu fico com vontade é de apertar suas bochechas.

E esse é o problema, ela é gracinha demais para o papel.

Veja você, já ficou bem claro que a Elektra é uma vadia e que o Demolidor deve ter passado semanas tenando se livrar dos chatos que pegou dela quando os dois namoraram.



Viu só? É uma puta paga do caralho, cheia de gonorréia!!!

E a Jennifer Garner parece uma vadia?

Heim?

Parece?


PARECE???

VAMOS, ME DIGA!!! ELA PARECE UMA VADIA???



ELA SE PARECE COM ISSO?

PARECE???

HEIM, ELA SE PARECE????????????

...

Sem mais perguntas, meritíssimo.


Mary Jane Watson Parker

Nada mais justo que finalizar com a esposa do nosso querido Homem Aranha! Puxa vida, que cagadas fizeram com elas nos filmes.

Pra começar, quero deixar bem claro que adoro os filmes do Homem Aranha. Fizeram uma mudança aqui e alí, o Aranha não é piadista e no terceiro filme ele se transforma no Austin Powers, mas de qualquer forma, é uma ótima série.

Exceto pela Mary Jane.

Nos quadrinhos, MJ é uma das pessoas mais importantes da vida do Aranha. Ela esteve ao seu lado quando Gwen Stacy morreu, foi sua melhor amiga por anos e anos a fio, aguenta diariamente a barra de ser casada com um cara que pode ser morto a qualquer momento e ainda divide o fardo imenso que o senhor Parker carrega por ser um dos maiores heróis do mundo.

E diabos, ela é uma super modelo que poderia se casar com quem quisesse... mas escolheu o nerd bonzinho que conheceu no colégio.

O que indica que TODOS NÓS podemos estar destinados a encontrar uma mulher perfeita, basta que não sejamos completos babacas quando conhecemos garotas.


Mas nos filmes... ela é... isso...


Nada contra Kirsten Dunst, ela é bonita e... boa atriz... mas sua MJ é uma bosta.

No primeiro filme ela e uma vadia. Começa namorando o Flash Thompson e menos de duas hoas depois, já passou na mão do Harry e do Peter.

Tá, tudo bem. O filme conta o que se pass ao longo de um ano e pouquinho... mas dura duas horas e ela trocou de namorado três vezes nesse período.

Rampeira!!!

No segundo filme, ela só reclama que o Peter não lhe dá atenção e resolve namorar com um astronauta pra fazer ciuminho nele.

E no terceiro filme, mesmo sabendo que seu namorado é um cara que já salvou a cidade 247 vezes ao longo da trilogia, ela tem raivinha porque ele está mais concentrado em salvar pessoas e fazer o bem do que apoiá-la com sua carreira de atriz.

Ora! Como ousa salvar vidas, diminuir a criminalidade e ser um exemplo de vida para todos quando sua namorada está sendo criticada por ser uma atriz medíocre? Que atrevimento!!!

Em nada lembra a personagem forte e decidida que ilustra os quadrinhos do aracnídeo há quarenta anos.

Pra complementar, acho Kisten Dunst bonita, mas ela é muito... patricinha. Não me inspira confiança para interpretar a esposa durona do maior herói da Marvel.

E novamente, tenho uma sugestão melhor para o papel.


Bryce Dallas Howard.

Olhe só, é uma ruiva natural que até fisicamente ela lembra mais a MJ dos quadrinhos do que a Kirsten Dunst.

E alguns dentre vocês devem esta pensando: "Peraí... é a menina que interpretou a Gwen Stacy em Homem Aranha 3!!! Gondor, qual é a sua? Você é fodido da cabeça, seu pau no cu do caralho?"

Possivelmente, mas essa não é a questão.

Sam Raimi disse que a Gwen de seu filme deveria ser uma garota com enorme fibra moral. Lembram que ela se desculpa com a MJ depois do papelão que o Austin Parker dá no clube de Jazz?

Pois é, Bryce passa essa impressão, de ser alguém que tem um codigo de conduta pessoal muito bem definido.

Lembremos também que ela foi a ceguinha de A Vila, única personagem do filme que teve bolas pra sair do buraco onde morava e buscar ajuda pra salvar Joaquim Phoenix e se casar com ele e seu lábio leporino!

Veja só, ela não só é moralmente forte... como também passa a imagem de ser alguem com coragem muito além do normal. Algo necessário para se estar casada com alguém que enfrenta sujeitos elétricos e marombados simbióticos diariamente.

Pra encerrar, Bryce não tem pinta de piriguete que sairia sem calcinha pra ser fotografada pelos paparazzi e depois reclamar disso no programa da Ellen DeGeneres. Por este simples motivo, ela seria muito mais indicada para interpretar a MJ que qualquer outra atriz que conheço.

E se você discorda, vá se foder.

Agora, eu fico por aqui.

Mas lembrem-se sempre, por mais horríveis que todas essas heroínas tenham ficado, as coisas sempre poderiam ser piores.

Ok, a Pamela Anderson lá no começo não foi um bom exemplo, então aqui tem um melhor:


Nada como um cosplay ruim pra colocar as coisas em perspectiva, não é verdade?

Cheers!!!

68 comentários:

Otávio disse...

Um dos seus melhores artigos até o momento. Ri pouco, mas está maravilhosamente bem escrito.

Desocupado - Um blog para você ter o que fazer!!!! disse...

segundo \o/

puts amer qd acho q vc ja chego no limite vc me faz rachar d nvo

serião mto bom cara

e comcordo com vc, principalmente no ultimo MJ dos filme é uma coisinha maldita ¬¬

Avalanche(Lance) disse...

pô eu gosto da paçoca em forma de tubo que esfarela....

A Kristen Dust tem cabeça de ET e peitos caidos, e dentes piores que a Avril Levigne(e eu gosto da Avril hein).

E faltou a dobradinha da Haly Baly com a Ororo(que virava o TAZ).

evil monkey disse...

FINALMENTE OS QUADRINHOS VOLTARAM AO BLOG!!!
e amer sobre os filmes do supre homem,tenha medo tenha muuuuuito medo,pois eu logo estarei aí,pode ser agora ou quando você menos esperar,poder ser hoje ou amanha,eu posso me lembrar ou me esquec...do que que eu tava falando mesmo?ah esquece não deveria ser importante...
...

Avalanche(Lance) disse...

Ahh Amer, você tem que lembrar que os Flmes dos X-men são baseados na linha Ultimate.

E lá é como no filme...ciclope fruta, Juggernauth fortão e perdio com roupa sado maso, e Jean louca.

Frodo disse...

Posso fazer papel de carrasco?

Bem vamos lá, a esmagadora maioria de suas máterias para o blog eu elogio (merecidamente), e pouquíssimos eu achei ruim, e esse foi o primeiro que eu achei somente "OK"
Gostei do tema, achei ele bem desenvolvido mas, sei lá, parece que faltou algum "tempero" para deixar a matéria com cara de Blog do Amer.

Não sei se foi pq me deu a impressão de que ele foi feito as pressas (ou pelo menos em menos tempo que o de costume) ou pq achei que o começo dele está pesado demais, mas ela hoje está só "OK".

Espero que meu comentário tenha se mostrado o mais construtivo possível, pois essa era minha intenção.

Sobre as heroínas escolhidas, concordo com todas! Como fã da Susan Richards, acho que a Jéssica foi uma péssima escolha, principalmente pq achei que ela tem cara de pivete, e a Susan já é uma mulher "feita".

A Elektra por mim poderia deixar de existir (junto com as baratas, pombas e azeitonas) que não me faria falta nenhuma.

Eu ouví dizer uma vez que o filme da mulher gato é baseado numa história de sei lá Deus onde, mas que não era a mesma mulher gato do batman, por isso que é bem diferente e nem é citado ninguem além dela mesma no filme todo.

Mas sei lá, esse filme é tão ruim que minha memória apagou o conteúdo dela.

A Mary Jane foi uma lástima, sempre ví a MJ como aquela mulher que tem alguma coisa (não só beleza) que faz qualquer homem suspirar por dias só de ouvir ela dizer um "bom dia". E definitivamente Kirsten Dunst não é nada assim, NADA.

Ela parece uma mocinha do interior de Sorocaba, daquelas que é capaz de você tropeçar nela na rua e não reparar que ela está lá. A Kirsten Dunst é assim, a campeã do título "miojo sem tempero".

Acho que é isso, depois se eu lembrar de mais eu posto!

Abraços e beijos para quem fica

Thyago disse...

olha... eu não acho que a sue storm dos cinemas tenha ficado ruim por causa da jessica alba ser uma latina.

duas coisas colaboraram para este fato: ela não ser lá uma atriz que se destaque a não ser pelas suas belas formas E o roteiro abissalmente ruim dos dois filmes.
sério? galaticus ser uma nuvem? eu sei q tentaram dar para ele a impressão de ser uma força divina sem forma, mas mesmo assim...
enfim, não diria que o fato dela ser latina foi algo ruim.

Thyago disse...

e quanto as outras escolhas... realmente elektra eh uma ofensa

Joey_S disse...

Pô, Amer... Eu me esforcei tanto pra eskecer o filme da mulher-gato... e vc traz ele a tona... tsc... lá se vão 6 meses de tratamente psiquiátrico e 96 doses de tequila...

Jessica Alba e Hale Berry ainda podiam dar a desculpa de q o filme delas era uma diarréia de mula...

Agora a MJ... Ñ sei c é culpa do Raimi ou da Kirsten Dunst... Mas vacilaram feio com a personagem... Não só pq ela ñ tem nd a ver com a original, mas pq ela é extremamente chata durante 3 filme ¬¬

Zé Abrão disse...

sem comentários sobre a MJ.
A do cinema é uma rampeira enquanto a dos quadrinhos é o sonho de mulher de qualquer um.
E você acertou em cheio na Fênix. Aliás, na Jean!
Eu acho aquela atriz feia e sem graça, ela fez a Jean Grey dos filmes ser ainda mais chata que a dos quadrinhos e aquele terceiro filme cagou na saga Fênix que na minha humilide opinião é simplesmente A MELHOR SAGA dos X-men. Até naquele desenho antigo essa saga era foda.

Zé Abrão disse...

Ah, falando na Supergirl: aquela filha do Super com a Mulher-Maravilha n'O Cavaleiro das Trevas' também seria uma 'nova' Supergirl?

AndréBetim disse...

Amer, a Tempestade da Halle Berry no primeiro X-Men tb ficou um lixo. No segundo até que melhorou. Fugindo um pouco do assunto, tem um filme de heroi que quase ninguem lembra mas que eu gosto muito. O primeiro "Corvo" com o Brandon Lee. Ce ja falou dele em algum post? Gosta dele? Queria saber sua opinião.

Vicente Cardoso disse...

Pô, Amer, eu tava adorando o texto até você falar mal dos filmes do Superman. E ainda lembrou da merda do Returns, aquela porcaria que consegue ser tão ruim quanto o Batman do Schumacher!

Pra você não ficar (mais) chateado comigo, vou comentar que o filme da Mulher-Hulk não chegou sequer a sair do papel: tudo o que existe na verdade são três ou quatro fotos promocionais da Brigitte Nielsen numa fantasia brega. A Marvel deve ter percebido que um filme com aquele visual poderia ser pior que os filmes do Dr. Estranho, Quarteto Futuro e Capitão América Motoqueiro juntos... e puxou da tomada.

É a prova de que uma vez a cada mil anos, Hollywood deixa de produzir uma bomba em potencial.

Amer H. disse...

Calma lá, Superman Returns não é ruim como Batman & Robin.

Acho que a única coisa pior que Batman e Robin seria um holocausto nuclear seguido de canibalismo e incesto.

E seja franco... você engoliu o "S" de celofane do Superman II? Aquilo é imperdoável.

E eu não disse que a Famke Jansen é feia, só que ela é velha demais pro papel.

Vicente Cardoso disse...

Bom... eu era criança quando vi aquilo e achei o máximo. Assim como o poder de multiplicação e a capacidade de refletir raios manuais kryptonianos. Mas também, era 1980, se fizessem isso nos dias de hoje, obviamente seria ridículo. Tão ridículo quanto trocar o vermelho do uniforme por marrom ou abandonar a namorada grávida e voltar cinco anos depois com a maior cara de cínico.

Pensando melhor, não tão ridículo assim...

Max disse...

Avalanche é sério isso dos filmes dos x-men e a linha ultimate (ou melhor ciclope é frutinha lá também.. nossa isso explica um bocado, eu sempre achei que os roteiristas dos filmes que não gostavam do ciclope e o malhavam em todos os filmes (os 3 malditos filmes ciclope não faz nada legal) ei você deve ter torcido pra caramba pra lance aparecer em algum certo (ou no ultimate ele também é fruta ¬¬?!?)

Nossa Frodo você nem gostou tanto da postagem achei ela mais engraçada e construtiva que outras.. ah e o ínicio pesado? mas você não se refere a piadinha dos roteiristas brasileiros não né? :D

"""Acho que a única coisa pior que Batman e Robin seria um holocausto nuclear seguido de canibalismo e incesto.""" kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Amer você já viu aquele filme da
liga da justiça que passava na sbt?
tem o flash, o lanterna verde, a
gelo, fogo.. ruimzim também né..

ei olha isso Ameeeeeeeeeer, só lembrei de você, é uma foto mostrando o céu e inferno de alguns persongens pop's.. certamente você não concorda com michael jackson mas pelo menos o optimus prime tá bem ;)

http://3.bp.blogspot.com/_SOQuqJA2OKI/Soi6aV8_B3I/AAAAAAAABFM/jPKLQcfmXQQ/s1600-h/sobe_e_desce_by_coala_io.jpg

Otto disse...

Bah, Amer, os critérios para eliminação foram muito poucos. Veja bem, estamos falando de adaptações de quadrinhos o que dá naturalmente uma (des)vantagem de 50% para ser um desastre sem precedentes. Portanto, é praticamente impossível não eliminá-las, principalmente quando o assunto é personalidade.

Não é lá muito heróico, mas você já deu uma olha em A Lenda de Chun-Li? Ou DOA? Por Zeus, aquilo sim é ruim.

Tá, tudo bem que em DOA temos mulheres semi nuas lutando na chuva, mas o filme é inegavelmente uma bosta.

Mas... é difícil ser o melhor em algo, mesmo quando é pra ser o pior. Pensando nisso pegaram nossa querida de pernas torneadas de Street Fighter e os colocaram nas telas (da televisão, ninguém quer ir no cinema ver aquilo. Por Zeus!), pensando que pior que DOA não seria.

A escolhida dessa tragestosa ideia foi Kristin Kreuk. Sim, a Lana Lang de Smallville. Lembra quando eu disse de pernas torneadas? Esqueça! Kristin é só mais uma inocente garotinha...

Taí alguém com personalidade pior que a Elektra... Bah...

Mas, diabos, você conseguiu de novo. Sempre fazendo excelentíssimas matérias, nos obrigando ficar uma semana na seca antes da próxima...

Aliás, você já assistiu a vampira dos gamers em Bloodrayne, o filme?

Não veja.
NÃO VEJA!

Cafaggi disse...

Mesmo sem concordar com tudo (lógico..) foi um dos seus melhores posts de todos os tempos! Vamo torcer pra Viúva Negra Scarlett Johanson não vai ser mais uma pra lista!

Rodrigo Jeferson Damasceno disse...

já que voce falou para colocar as coisas em perspectiva, siga o meu ponto de vista por um momento, a Laura Vandervoort pode ser uma super girl ruim comparada com os quadrinhos (não posso dizer ao certo pois não leio quadrinhos), mas comparado com o que é smallville, ela é um feixe de luz em meio as trevas, e se voce Amer acha smallville ruim, assista a ultima temporada, voce vai ter mais 3 derrames no minimo.

Rodrigo Jeferson Damasceno disse...

e sejamos francos, beleza para isso ela tem.

Max disse...

e Dead Or Alive ainda tem o subtítulo - DOA a quem doer.. argh

ah, pelo menos a chun-li tem o Kikouken, naquele filme rídiculo mesmo é bison..

no meu bloguinho sem graça eu falei dele.. http://maximomach.blogspot.com/2009/08/street-fighter-parte-01-nao-ficou-tao.html

Amer H. disse...

Calma lá, DOA e Bloodrayne são filmes de games.

Quadrinhos ainda recebem algum respeito quando são adaptados, games não... de jeito nenhum, nunca...

Quanto a Bloodrayne... assisti... e compartilharei este filme com vocês agora em Outubro...

Otto disse...

Realmente, são adaptações de games, por isso disse que não são muito heróicos.

Mas enfim, pra compensar as adaptações ruins, eu gostei de Witchblade.

Tá que eu não sei quase nada dela além de umas páginas informativas que apareceram no meu Comic que mistura Marvel e DC (Btw, nice HQ), e que por isso não seria a melhor pessoa pra julgar... mas eu gostei do filme.

Só não me pergunte o porquê.

Avalanche(Lance) disse...

Opa MAX!

Cara vou explicar melhor...o Lance NUNCA vai aparecer em nenhum filme, ele é tanto da Marvel quando da Warner(já que o X-men Evolution é de lá e ele é feito especialmente pro desenho).

E em X-men 3 o Avalanche foi escalado e cortado numa das cenas que foi feita sem motivo(ali antes do Singer sair do mato), ele lutava contra a Jubileu ou algo assim.(acho que o ator era até o cara que fez o Deadpool).

Desocupado - Um blog para você ter o que fazer!!!! disse...

eu concordo com o Otto

alias e como o Amer disse na resenha do street figther: è um filme bom se vc nã avaLIAR PELO ORIGINAL. iGUAL A RESIDENTE EVIL

s vc fingir que o jogo não existe o filme e foda pacas.
agora se vc considerar o game.......

Amer H. disse...

Na verdade, o Avalanche sempre existiu. A versão "Lance" do X-Men Evolution é uma adaptação dele, com outro nome e background, para tentar deixar o personagem mais interessante.

Poque convenhamos, o Avalanche original é um saco.

Acredito que a Mavel só não pode usar o nome "Lance" assim como também não pode usar o Spike... mas esse nã faz falta nenhuma.

Lineker disse...

uHUUU!!!!!!!
UM dos Melhores Artigos!!
Parebens!!

Avalanche(Lance) disse...

Isso que eu queria dizer Amer.

O Lance é propriedade da Marvel e da Warner(que é dona da DC).

Nos quadrinhos o Avalanche é o Dominic.

Com Lance acontece o mesmo que aconteceu com o pessoal do Caverna do Dragão(propriedade da Mavel, TSR e ABC).

Amer H. disse...

Essas grandes empresas e suas putarias... vou te contar...

patrickpereira disse...

Essas grandes empresas e suas putarias... vou te contar...


euheuheuehuehuehuehuehe


ri mt com essa :D

Max disse...

Valeu Lance você é o cara mesmo (comentou no meu blog :P) - ei frodo, no último post você falou que ia voltar a escrever seu blog, deixa o link que eu quero ver..

ah então essas empresas mudam a personalidade do personagem e acabam criando um que jamais poderá ser usado em outro lugar, só ali (o spike era uma menina na original né?)

Amer você que sabe tudo de street fighter, então quer dizer que todos os personagens do EX jamais poderão aparecer de novo nem na capcom e nem na arika eh? só se as duas se unirem novamente..

Luiz Sutileza disse...

SENSACIONAL, cara. Ponto.
Adicionado no meu blog roll.
Abraço!

Amer H. disse...

O Spike é o Spike. Não existe versão dele nos quadrinhos.

O que tinha (e não sei se ainda tem) era a Medula, que era uma Morlock com poderes iguais aos dele, mas com personalidade muito mais interessante.

Quanto ao SF EX, eu acredito que é por aí mesmo. Se bem que o Skullomania apareceu em Fighter Maker, um game que não foi desenvolvido por nenhuma das duas empresas.

E assim sendo, minha teoria vai pro espaço.

Euclydes disse...

"O que indica que TODOS NÓS podemos estar destinados a encontrar uma mulher perfeita, basta que (...)" TODOS NÓS tenhamos poderes de super-herói e usemos roupas colantes coloridas...
...
...
Desocupado disse: "puts amer qd acho q vc ja chego no limite vc me faz 'RACHAR' d nvo"
...
...
ele conseguiu de novo fazer o quê?
"desocupado" desculpe, mas perco o amigo mas não a piada...

Amer, o post está muito Bom!
um oi pra galera...

falei de mais!
Fui!

Euclydes disse...

"O que indica que TODOS NÓS podemos estar destinados a encontrar uma mulher perfeita, basta que (...)" TODOS NÓS tenhamos poderes de super-herói e usemos roupas colantes coloridas...

ou então basta seguirmos as regras do Amer para meninas nerds... (veja que as chances da galera estão melhorando...)
Fui!

Avalanche(Lance) disse...

Outro exemplo de personagem preso nessas putarias é aquele Nazista de engrenagens no filme do Hellboy1(diga-se de passagem a melhor coisa do filme).

Teve um Spike na Marvel depois do Evolution,mas ele era um Rapper genérico que atirava espinhos(diferente e genérico bastante pra não ter ligação).

ERIC_Cavalier disse...

Parei de ler quando falou mal do meu filme favorito de todos os tempos, Superman do Richard Donner. Não dava pra continuar nem que quisesse porque as lágrimas tomaram conta dos meus olhos. Why, Amer, why????

Max disse...

peraí.. naquele desenho do batman dos anos 90 disseram que vários personagens surgiram lá como aquele demônio erkan, a harlequina e a zatana.. mas agora eles são da dc, então.. eles foram comprados ou os roteiristas criadores eram da dc?!? ¬¬

Raven disse...

Minha Elektra é a Elizabeth Hurley.

Pronto, falei.

Bração procês!

Desocupado - Um blog para você ter o que fazer!!!! disse...

Essas grandes empresas e suas putarias... vou te contar... (3)

Max disse...

Ei amerzão esse site fala que skullo participou de outro jogo - Technictix

http://www.giantbomb.com/skullomania/94-84/

Amer H. disse...

O Etrigan e a Zatanna já existiam há bastante tempo. Eles simplesmente foram adaptados pro desenho do Batman.

A Arlequina foi criada pra série, com a intenção de aparecer em um único episódio (Joker's Favor), mas ela acabou se tornando parte fixa do elenco.

Posteriormente, devido a popularidade da personagem, a DC a incorporou a mitologia regular do Batman.

Agora, não há disputa de direitos com ela, pois a Warner (produtora do desenho do Batman) é dona da DC e portanto, detentora da propriedade intelectual do Batman e todos os personagens de seu universo.

Sejam dos quadrinhos ou da série animada.

Com X-Men Evolution a coisa é mais complicada. A Warner produziu o desenho, mas só detinha os direitos daqueles que foram criados especialmente para a série.

No caso, o Lance e o Spike.

A Marvel pode usar o personagem "Avalanche" que já existia desde antes da produção do desenho, mas não pode chamá-lo de "Lance" ou usar características físicas similares as do desenho.

Mesmo vale pro Spike... mas quem ia querer usar o Spike? Puta personagem sem graça do cacete...

E vamos lembrar do enorme conflito de intereses que havia por trás da Warner produzir um desenho com personagens Mavel. É um milagre que X-Men Evolution tenha saído do jeito que saiu.

Frodo disse...

Realmente eu sou do contra... tá todo mundo falando que e'um dos melhores posts do Amer!
Melhor assim mesmo! =P

Max: fiz o bendito blog, assim que terminar o artigo te passo o link (ou posto aqui, se o Amer permitir)

Sobre X-men evolution: ainda bem que o Spike nunca mais vai aparecer, aquele moleque era MUITO chato!

Era tipo uma medula piorada...

Ahhh conversão de jogos para filmes, é tão triste... (apesar de que gostei de Silent Hill)

é isso, até mais!

Avalanche(Lance) disse...

O Spike é ruim, tanto que o excluem do desenho,apesar que ele ficou interessante de Morlock


Owen venceu a ilha dos desafios \o/

Nanda disse...

Ahhh, eu gostava do Spike!!

Bem... Esse é um post o qual eu nem irei comentar...
Concordo com muita coisa e talz (tipo a Batgirl.. aquilo foi um crime! hahaha)

Mas dizer que foi a Kirsten Dunst que estragou a MJ???
Pffff!
hahahahahah! Mas como sou voto vencido, me retiro!

Beijo!!

Frodo disse...

Aeee finalmente terminei!
Que trampo da'escrever, meu Deus...
pior que agora chegou a hora de trabalhar..

beijos e abraços para quem fica!

Avalanche(Lance) disse...

Se a Nanda gosta daquele ALien de tetas caídas chamada kristen Dust eu também gosto^^

Nanda disse...

hahahahahhahahahaah!!

Não precisa tanto, Lance querido!!
Eu não gosto da Kisten Dunst!

Beijinho! =*

Gustavo Ballin disse...

Como sempre, um ótimo artigo!!!
Bem, sobre a Jessica Alba, eu nunca tinha visto desse modo, sobre ela ser latina e tal...
Apesar de eu ser um grande fan da Jessica Alba(eu tenho uma foto dela no meu roupeiro!!!), Não gostei dela fazendo o papel de Sue Storm no filme, não sei dizer o por que... mais não gostei e ponto final.
Sobre a MJ, concordo contigo, nada a ver com a dos quadrinhos!

Euclydes disse...

só pra deixar o meu comentário (já que sou plenamente qualificado para tal mister):
achei que a MJ do 1º filme foi legal, depois o tom do cabelo foi 'desbotando' assim como o resto da personagem...

agora, criando uma antítese para tal tema, espero que o Amer coloque como futuro post algo do tipo "heróis de quadrinhos bem-adaptados!", tipo, tem o H.Jackman como wolwerine, acho que o peter parker ficou muito bom... e tem aquele... e o outro, tipo... éééé... sei lá !!! pergunte pro Amer que ele sabe todas as respostas - ele é como o oráculo, não aquela fumante incrivelmente doida de crack do matrix, e sim o "Oráculo de Delfos", (a cara do Ulmer: outrora grandioso e estupendo, hoje está que é só o bagaço em ruínas!)
falei demais
Fui!

Avalanche(Lance) disse...

Eu também não gosto dela Nanda!

vams derrubar ela e rapar oo cabelo pra todo mundo ver a cabeça de alien que ela tem.

Max disse...

ele é como o oráculo, não aquela fumante incrivelmente doida de crack do matrixele é como o oráculo, não aquela fumante incrivelmente doida de crack do matrix

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

pode crê mestre euclydes, o amer sabe
tudo mesmo ;) - EU NÃO SABIA QUE A
WARNER ERA DONA DA DC!!!!!!!!!!!!!!

Jordan Matheus disse...

Pô! O Homem-Aranha vem de uma aranha e também tem super força!

Avalanche(Lance) disse...

merda...perdi a promoção da Old Gamer...tava por 9,90 e agora foi pra 14,90....

Zigga disse...

É, Jordan, mas aranhas e insetos em geral conseguem carregar coisas bem maiores que elas... Logo, é plenamente plausível que o Homem Aranha tenha superforça, porque ele tem habilidades proporcionais às de uma aranha...

Pera... E se tivesse acontecido o contrário? E se a aranha tivesse ganhado habilidades equivalentes as de um adolescente nerd ao picar Pedro Prado? Como a história teria sido diferente?

Algo me diz que os caras da enquete da semana passada tinha alguma coisa a ver com lutadores velhos.

Wallace "Wakko" Morais disse...

"Nisso ele tem razão. Todo homem do mundo passa por um período de sua vida onde a vagabunda da classe, aquela que já transou com toda turma do fundão, é muito mais interessante que aquela colega fofinha com quem fazemos os trabalhos em grupo.

Pelo menos até a fofinha crescer, virar um mulherão e paar de nos dar bola... o que sempre acontece."

MERDA!!! EU AINDA IREI CONSEGUIR A BONITINHA DA CLASSE! EU JURO! o/

Reds disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Reds disse...

whahahah! Olha, concordo sobre a Jéssica, e a Halle!
Já a Famke Janssen, acho que ela ficou super bem pra Jean, classuda e sexy (apesar de achar que fica estranho mesmo a diferença de idade). E X3 é uma bosta mesmo, fazer o quê.
A Kristen Dust e gosto também. meio apagadinha, mas acho que ela trabalha bem, e dá dignidade ao papel.
A Catwoman da Michelle/Burton é sensacional. (aliás a Julie Newmar também ficou ótima! não acha?)
Acredite ou não, "De repente Trinta" também é um dos meus filmes favoritos de todos os tempos, Jennifer Garner é demais!!! Maaaaaaaas realmente ela como Elektra não teve nada ver! legal seu blog viu! vou voltar mais vezes!

Euclydes disse...

Valeu pela consideração mestre Max!

Agora, devo confessar uma coisa: tem horas que eu ODEIO o Amer, mas antes de ser crucificado de cabeça pra baixo como o anticristo, peço que me emprestem seus ouvidos meus amigos romanos para entenderem a questão: na maioria dos filmes de heróis (ou heroínas) ...
"Pausa: 'heroínas' é o plural para narcótico ilegal extraído da papoula, que é prima do ópio e tem passaporte alemão? - por isso que heroínas sempre ficam muito esquizitonas?" ...
continuando...
então, odeio o Uilbert pq sempre tem os filmes que eu achava legais, aí aparece esse cara doido com 150kg e 1,90m altura, mostra todas as bostas que meus olhos cegos não puderam ver e meu nariz constirpado não conseguiu cheirar e aí o mundo fica mais triste mais cinzento (snif-snif) ... depois que as taxas de suicídio no Brasil se aproximarem às do japão, irão achar o culpado... né, Elmer?

Frase da semana: "o pior cego é aquele que não quer ver"... (sei lá quem disse isso, mas faço aqui o devido copyright, OK? ...)

Falei de mais,
Fui!

Avalanche(Lance) disse...

PAREM AS PRENSSAS!!!!!

*Chuta o Euclydes do palanque*

A Disney COMPROU a Marvel Comics.

Euclydes disse...

o pessoal leva isso aqui muito à sério... calma aí lance, eu odeio o Almir só de vez em quando...

Euclydes disse...

... peraí...
A DISNEY?
mas ela não tava quebrando?

evil monkey disse...

caraca!!!
quando comprou?
quanto pagou?
...
what a fuck?!
...
logo logo a disney vai comprar até o McDonald
...

Avalanche(Lance) disse...

Eucla nem vi o que vc falava[:P]

Mas a Disney comprou por 4 bilhões de dolares, pagando uma parte em dinheiro vivo e uma parte em ações da Disney Co.

A Disney nunca chegou a estar quebrando, ela apenas lucrava bem menos.

E a Disney era parceira do MacDonalds,mas a empresa resolveu que iria apoiar as campanhas anti-obesidade e nunca mais renovou contrato.

Nossa vi a notícia no site da bolsa americana, e as ações da Marvel estavam com umma alta filha da puta.

AHh o governo pode cancelar a compra ainda.

Leandro" Leon Belmont" Alves the devil summoner disse...

excelente post, Grande Amer


sobre a mulher invisível e a Jessica Alba, concordo que deveriam chamar uma atriz loura para o papel, mas cara. ela era a atriz sensação da época, porque não contrata-la? e ela parece mesmo não saber usar os poderes. oras, foram apenas dias que ela recebeu um poder cósmico, o que esperava?

a Jean Grey no X-Men 3 não convenceu ninguém e a Halle Berry....só lamento

gostei dessa fotos em quadrinhos das Birds of Prey, me apaixonei pela Oracúlo. já essa da série da Warner...a caçadora e a Canário Negro não tinham a menor cara de heroínas. a da esquerda tem cara de mulher da vida e a da direita lembra aquelas adolescentes idiotas da série Gossip Girl....já a Oracúlo, nada contra ela. está perfeita e se parece com a personagem.

não tenho nada contra a Alice Silverstone. pena que vi poucos filmes com ela, e a Kara de Smallville...intrágavel

Jennifer Gardner...eu só gosto da atriz, porque geralmente a atriz para dublar ela é a Fernanda Fernandes...a quem tenho uma queda imensa...pela sua voz claro.

ainda sonho que se um dia botarem para colocar o FFXIII ou FFXIII-2 botem a Fernanda para dublar a Lightning.

meu sonho mais molhado....aaaaahhhhh ssssiiimm

*ARRAM*

e sobre a Kirsten Dunst...ela já fez papeis bons em Jumanji, Parque Dos Dinossauros e na Jovem Rainha onde aparece pelada na cama. mas no homen aranha é um porre.

Leandro" Leon Belmont" Alves the devil summoner disse...

excelente post, Grande Amer


sobre a mulher invisível e a Jessica Alba, concordo que deveriam chamar uma atriz loura para o papel, mas cara. ela era a atriz sensação da época, porque não contrata-la? e ela parece mesmo não saber usar os poderes. oras, foram apenas dias que ela recebeu um poder cósmico, o que esperava?

a Jean Grey no X-Men 3 não convenceu ninguém e a Halle Berry....só lamento

gostei dessa fotos em quadrinhos das Birds of Prey, me apaixonei pela Oracúlo. já essa da série da Warner...a caçadora e a Canário Negro não tinham a menor cara de heroínas. a da esquerda tem cara de mulher da vida e a da direita lembra aquelas adolescentes idiotas da série Gossip Girl....já a Oracúlo, nada contra ela. está perfeita e se parece com a personagem.

não tenho nada contra a Alice Silverstone. pena que vi poucos filmes com ela, e a Kara de Smallville...intrágavel

Jennifer Gardner...eu só gosto da atriz, porque geralmente a atriz para dublar ela é a Fernanda Fernandes...a quem tenho uma queda imensa...pela sua voz claro.

ainda sonho que se um dia botarem para colocar o FFXIII ou FFXIII-2 botem a Fernanda para dublar a Lightning.

meu sonho mais molhado....aaaaahhhhh ssssiiimm

*ARRAM*

e sobre a Kirsten Dunst...ela já fez papeis bons em Jumanji, Parque Dos Dinossauros e na Jovem Rainha onde aparece pelada na cama. mas no homen aranha é um porre.

Shadow Geisel disse...

Amer, acredito que a superforça da mulher gato Hale Berry é uma adequação de proporcionalidade. você já tentou segurar um gato a força? se um bicho de 5kg tem uma força dessas, imagina um peixão de 65kg feito a Hale? nõa que tenha algo a ver com as capacidades da personagem, mas acho que a ideia foi essa.
esse filme é um lixo sexista que deve ser usado em palestras de feminonas em todo o mundo (o inimigo dela é um fabricante de cosméticos? pra quÊ salvar o universo quando vc pode combater os males do Natura Echos?).

Raimundo Poeta disse...

CARALHO! Artigo fodão! Na boa, brother, não sei como não encontrei seu blog antes! Rapaz, lendo ele, parece as conversas que tenho com um amigão meu, igualmente nerd!
E vou te dizer: Kristen Dust é MUITO RUIM! Ela é sem sal, com cara de quem comeu e não gosto. Não tem clima, porra, Mary Jane é um mulherão, caralho, e não uma patricinha desmilinguida e sem graça. A Batgirl do "Batman & Robin", ou como chamo, "O Batima Feira da Fruta que custou um zilhão de dólares", é igual ao filme: horrorosa! O pior que o filme tem bons atores simplesmente destruídos em personagens patéticos e mal feitos, parecendo um carnaval brega-gay!
Parabéns pelo blog, pois honra as nossas tradições mais impossivelmente nerds e alopradas que temos! É isto aí!