segunda-feira, 7 de janeiro de 2008

Prontos para Detonar! O filme que ajudou a matar a WCW!


Finalmente, após muitos anos sem uma exibição decente de luta livre em nosso país, os shows da WWE começaram a ser exibidos aqui no último fim de semana.

Tivemos de aguentar a narração de bosta de Michel Serdan e Jarbas Duarte, com frases inacreditavelmente bregas como "Liquida a fatura!" e o fato dos narradores não saberem pronunciar o nome de lutadores como Undertaker e Bobby Lashley.

Mas tudo bem, pois finalmente temos luta livre no Brasil de novo e é uma vergonha que tenhamos ficado tanto tempo sem.

Luta Livre é uma de minhas maiores paixões, de fato, minha amiga Juli me disse uma vez que o gosto pelo esporte faz parte do meu DNA. Isso pode ser comprovado pelo fato de que uso muitos jargões de luta livre no dia-a-dia, dou cusparadas de água iguais as do Triple H em momentos totalmente aleatórios e tento fazer todo possível para parecer com um lutador.

Exceto claro, ir para uma academia e treinar.

Talvez eu mude isso eventualmente, mas essa não é a questão!

O fato é que falei muito pouco de luta livre no blog até hoje, fora um post sobre o Ultimate Warrior, nunca adentrei muito no assunto, em parte porque sabia que grande parte dos leitores não fazem idéia do que é isso e provavelmente não curtiriam muito tal assunto.

Quem sabe isso não muda agora que WWE finalmente tá passando aqui?

Em homenagem a luta livre finalmente ter chegado ao nosso país, hoje pretendo falar de um filme que eu adorava a uns anos atrás, mas sobre o qual mudei um pouco de opinião a partir do momento que comecei a me enbrenhar pela net para saber mais sobre os bastidores do esporte.

Por muito tempo, esse filme era o mais próximo que eu tinha de assistir a um show genuíno da luta, mas a medida que comecei a ver os shows de verdade e conhecer mais sobre o negócio, percebi que não é bem como mostrado aqui.

Enfim, no review de hoje, farei vários comentários referentes a luta, desmistificando alguns fatos e reforçando outros. Preste atenção que talvez você aprenda algo.

E deste parágrafo em diante, pretendo chamar a luta de "Wrestling"! Pois é assim que me refiro a este glorioso esporte no dia-a-dia!

Acompanhem-me!



Nossa história começa do lado de fora de uma loja de conveniência. Nossos heróis são Gordie e Sean, dois dos mais ensandecidos e estúpidos fãs de luta livre do mundo.

Gordie é interpretado por David Arquette, o cara que casou com a Courtney Cox. Sean é o outro que parece ter saído de uma boy band qualquer.

Eles passam suas noites na frente da loja, se entupindo de doces e conversando com crianças a respeito de seu ídolo, Jimmy King!

E eu achava que era solitário!



De repente, o atendente da loja aparece e joga longe as bicicletas das crianças. Aparentemente ele não gosta de criança nem de luta livre, pois alopra todo mundo dizendo que é tudo marmelada!



Gordie acorda de seu transe induzido pelo excesso de açúcar...



... e começa a fantasiar que tá dando uma surra no atendente da loja!



De repente, Macho Man Randy Savage aparece e começa a dar porrada no magrelo Gordie...



... até que JIMMY KING aparece para salvá-lo!!!

Muito bem, hora da primeira desmistificação: Fãs de wrestling não tem fantasias homoeróticas em que seus ídolos aparecem para salva-los!

Claro, podemos até sentir vontade de dar porrada em alguém e quando fantasiamos a respeito, nos imaginamos batendo no sujeito com golpes de wrestling, mas nunca chegamos ao ponto de sonhar que Shawn Michaels ou Steve Austin vão aparecer e nos ajudar.

Aliás, Macho Man Randy Savage é uma das maiores lendas do esporte e um dos lutadores mais conhecidos dos anos 80 e 90. Ele apareceu em Homem Aranha, é o lutador pirado e bombado com quem o Parker luta pra descolar grana pro carro no primeiro filme.

Ele é daquele jeito na vida real também, só que com entradas maiores.

E ele come Slim-Jims!



Como Jimmy King não aparece para salva-lo na vida real, nada resta a Gordie a não ser enfiar o dedo no cu...



... e dar pro atendente folgado cheirar.

Pode ser nojento, mas ele ganhou um refil de milk shake grátis, então não posso questionar esse método.

Aliás, os heróis deste filme tem uma ligação bizarra com merda... sério, vocês vão ver!



O pai de Gordie aparece e enche o saco dele, querendo que ele seja policial, como todo resto da família. Pra colocar sal na ferida, o velho diz que "Wrestling é marmelada!"

Gordie tem a reação de nove entre dez fãs e grita "WRESTLING NÃO É MARMELADA!!!!!!!"

Ai de quem fala isso perto de mim... eu como a pessoa com ovos e molho rosê!

Aliás, lembre-se que o pai dele é policial, vai ser importante mais pra frente.



Descobrimos agora qual o trabalho de nossos heróis, eles limpam fossas sépticas.

Como eu falei, uma ligação bizarra com merda... e isso nem é o começo.



Bom, durante o trabalho, os dois se atracam em uma luta amigável. E devo dizer que sim, fãs de wrestling costumam brincar de lutinha quando tem chance. Na verdade, homens brincam de lutinha sempre que podem, mas fãs de wrestling levam mais a sério e dão golpes de verdade.

Claro, isso pode dar merda, mas fã de verdade é macho e não liga de quebrar o pescoço.



Após passar o dia mexendo com merda, nada melhor que um gostoso almoço! Os dois vão até o drive-thru de uma lanchonete onde são atendidos por uma loira metida e uma moreninha fofinha que gosta de Sean.

Sean quer comer a loira.

E a moreninha quer ser comida por ele.

E aliás, a moreninha é fã de wrestling!

Eu sou o único que chutaria a loira bem na cabeça e ficaria com a moreninha caso estivesse no lugar de Sean? Pelo amor de André o Gigante, viu!



De fato durante o almoço, Gordie fala pra Sean que a moreninha é a fim dele, mas Sean não quer nem saber pois prefere uma loira vadia que despreza tudo que ele gosta do que uma moreninha bonitinha que tem tudo a ver com ele.

Nenhum fã de wrestling deixaria passar uma mulher que também curta o esporte! Elas são mais raras que do que bonecos do Snake Eyes hoje em dia.

Aliás, preste atenção no lugar em que eles fazem a pausa pro almoço:



Na traseira do caminhão que eles usam para limpar fossas, bem próximo a uma válvula que constantemente pinga bosta!

Eu falei... mas não para por aí! Aguarde!



Os rapazes tem ingressos para assistir ao Monday Nitro daquela noite e após chegarem em casa e (espero) tomarem um banho, os dois vão ver seus ídolos!



E eles correm para perto do ringue quando chega a hora de ver...



... as Nitro Girls!!!

Veja bem, nesta época existia a federação WCW cujo show principal era o Monday Nitro. Uma das atrações que a WCW tinha, era colocar um pelotão de gostosas dançando entre as lutas.

Não como as rampeiras que aparecem no Domingo Legal dançando ( muito mal, diga-se de passagem) coisas que seriam mais apropriadas para um American Bar, falo de moças lindas dançando sensualmente e muito bem.

Em 2000 a WCW tava uma merda, mas ainda tinha boas coisas!

Aliás, já deve ter dado pra notar que foi a WCW que bancou esse filme, o que deixa claro que a empresa faliu por investir em más idéias.


Vamos para os bastidores e vemos Sinclair, o empresário pilantra batendo um papo com Bill Goldberg e Diamond Dallas Page.

Goldberg vocês já conhecem, ele fez o melhor Papai Noel de todos os tempos e era um verdadeiro tanque de guerra no ringue. Muitos podem dizer que ele só sabia usar dois golpes mas eu digo que ele não precisava de mais que isso!

Diamond Dallas Page hoje tenta emplacar uma carreira no cinema enquanto lança seu próprio estilo de yoga.

Bom, Sinclair puxa DDP de lado e diz pra ele que "Hoje é a noite!" e Page sorri malevolamente. Oh! o que estarão tramando?



Eis que é a hora da luta principal da noite entre Jimmy King e Diamond Dallas Page!

Eu sei que tem gente que vai perguntar, portanto já vou responder: NÃO! NÃO EXISTE UM LUTADOR CHAMADO JIMMY KING!

Este é Oliver Platt, também conhecido como "O cientista que transformou Robin Willians em gente no Homem Bicentenário".



A luta começa normal, com os dois dando chaves de braço um no outro e conversando sobre como o trânsito tava ruim.



Então, DDP bate pesado pra caralho e começa a jogar sujo...



... chamando seus amigos pra darem um cacete em Jimmy King.



Quatro dos lutadores maus sobrem nos corners do ringue e saltam sobre Jimmy, destruindo-o com o "Massacre dos quatro postes"!

Porque quatro lutadores saltaram dos quatro cantos do ringue... sacou? Que nome esperto, não?

Algo estúpido assim nunca foi usado em um ringue de luta real e eu rezo a Deus que nunca seja.



Nossos heróis voltam para casa chorando, pois seu lutador favorito foi trapaceado e perdeu o título.

De fato, os dois estão tão inconformados que em um ataque de raiva e bobeira...



... capotam seu caminhão de cocô.



E os bombeiros são chamados para limpar toda merda que se espalhou.

Em tempo, fãs reais de wrestling não tem ataques histéricos quando seus lutadores favoritos perdem. O máximo que fazemos é entrar em fóruns na internet e xingar todos os ancestrais dos responsáveis que bolaram o desfecho da luta em questão.



Bom, o improvável acontece, pois um caminhão de papel higiênico acaba batendo no caminhão de cocô...



O que faz um jato de merda da melhor qualidade ser arremessado em nossos heróis.

Pois é, eu disse no início que esses dois eram muito ligados a coliformes fecais, não disse?

E sabe o pior? Em momento algum do filme esses dois tomam banho ou PELO MENOS trocam de roupa!

Se for pra entendermos literalmente, eles passaram o filme inteiro cheirando a merda e espalhando esse futúm por onde passaram!

Fãs de wrestling tomam banho, ok? Eu mesmo sou cheirosinho, é só perguntar pras minhas amigas!



Os dois decidem que é hora de encontrar Jimmy King e ajuda-lo a recuperar seu título, para isso pegam carona com um grupo de freiras e ensinam elas a cantar "Running with the Devil" durante a viagem.



Nossos heróis fazem amizade com um über-nerd que os ajuda a localizar seu herói pela net, enquanto isso Gordie simula a violação anal de DDP usando bonecos dele e de Jimmy King e Sean dança ao som de "Hit Me Baby One More Time".

Vamos deixar duas coisas bem claras aqui: A primeira é que fãs de wrestling não simulam estupros homossexuais com bonecos e a segunda é que também não escutam Britney Spears!!!

Nós escutamos música de homem, como Motorhead, Kiss, AC/DC, Alice Cooper e por aí vai! Nada além de rock e metal toca em nossos mp3 e aparelhos de cd!

Ouvimos Queen também, mas Queen é do caralho e qualquer um que discorde merece ser estuprado por um urso!



Nossos heróis vão de encontro a ex-mulher de Jimmy King, que não sabe onde ele está mas que oferece para mostrar os chatos que infestam sua virilha para Gordie.

Ele topa, mas Sean impede.

Fãs de wrestling não gostam de ver pentelhos infestados de chatos de tiazonas! Que isso fique bem claro! Nunca me foi oferecida tal oportunidade, mas garanto que eu correria o mais rápido possível na direção oposta caso fosse!


Eventualmente, os dois encontram Jimmy King... bêbado e vestido de mulher, vivendo em um parque de trailers. Ambos passam a noite enchendo o saco dele para que ele volte a lutar.

Jimmy tenta convencer os dois que luta livre é armação, mas se nem o campeão do mundo consegue fazer isso, então é porque não deve ser, certo?

Gordie e Sean o aporrinham tanto...



... que ele desce a porrada neles!!!

Não apenas isso, ele recupera seu espírito e decide descer o cacete em DDP para recuperar seu título!

Mas como ele é persona non grata na WCW, ele e seus novos amigos precisam de um plano e um plano eles planejam!



Sempre motivados por sua nada saudável obsessão com merda, os dois tem a idéia de esconder King em um banheiro portátil e leva-lo até os bastidores da WCW para que ele desça a porrada em DDP quando tiver a chance.

Eles o deixam lá e dão um passeio pelas instalações.



E passam pelo camarim aberto das Nitro Girls, onde podem ver todas as dançarinas só de sutiã e calcinah e onde passam vários minutos admirando seus enorme, gigantescos e descomunais... sorrisos!

É...

Curioso é que essas mulheres tremendamente gostosas ficam semi-nuas e deixam a porta do camarim aberta.

E mais curioso ainda é que nenhum segurança apareceu pra arrancar o couro dos dois voyeurs!



DDP começa a dar uma entrevista ofendendo Jimmy King, bem ao lado do banheiro portátil onde o gordinho estava escondido. Jimmy sai de lá e começa a bater nele com um assento de privada.

Podemos ver que a fixação dos garotos com merda já passou pra King.



Os dois por sinal começam a bater em Sinclair, que prontamente chama por socorro.



E Sean e Gordie tomam uma surra de Van Hammer e Bam Bam Bigelow.

Van Hammer é um lutador de merda, mas Bam Bam Bigelow é outra lenda dos anos 80 e 90. Ele era um cara de mais de 150 quilos que conseguia dar golpes aéreos e que era ágil pra porra. Era impressionante ver as cambalhotas que esse trator dava no ringue.

Infelizmente, Bam Bam faleceu ano passado, uma tremenda perda pro ramo.

Bom, Jimmy King vence DDP e comemora a reconquista de seu título, mas...



... Sinclair diz que a vitória não valeu porra nenhuma e marca uma luta oficial a ser travada em Las Vegas e se King vencer, não apenas vai recuperar o título como ganhar um milhão de reais!

Gordie e Sean topam por King e há uma grande festa no seu trailer após a luta!



FESTA!!!



Gordie tem a oportunidade de conhecer Sasha, a Nitro Girl de seus sonhos e um vínculo acaba se formando entre os dois!

Será possível? Um super nerd que cheira a merda acabou conquistando uma ultra gostosa??? Há esperança para a humanidade!!!!!!!

E por falar em merda, Jimmy King entra em pânico com a perspectiva da luta durante a festa, resolve fugir e no percurso cai em um bueiro aberto.



Ele é encontrado no dia seguinte, coberto de bosta e parecendo não ligar muito.

Diabos, essa fascinação por fezes já tá indo longe demais!!!



Sean e Gordie decidem levar Jimmy para treinar com um lutador da velha guarda, Sal Bandini, que torce Jimmy todinho...



... e lhe dá um cacete federal assim que pisam no ringue.

Isso me lembra um video em que vi Stu Hart, lutador da velhíssima guarda e pai dos lendários Bret e Owen Hart batendo em um lutador pelo menos 50 anos mais jovem e 100 quilos mais pesado.

Sem brincadeira, ele torceu tanto o cara que o sujeito quase começou a chorar!

Como dizem, esses lutadores da velha guarda eram prego de caixão... ninguém em seu juízo perfeit0 deve mexer com eles...



Mais a noite, Gordie perde a virgindade em uma noite de SEXO QUENTE E SELVAGEM com Sasha, realizando o seu sonho e o de muitos fãs!

E vou confessar, fãs de wrestling não fantasiam que seus lutadores favoritos virão salvá-los em uma briga, mas o mesmo não pode ser dito das lutadoras.

Digo, não... não sonhamos que elas virão nos salvar mas... bem, as vezes até sonhamos, mas veja bem...

Hã...

Bom, vai ser mais fácil se eu mostrar:



Trish Stratus, pessoal!

Foi campeã feminina diversas vezes, tem uma das juntas da mão direita gasta de tanto dar porrada e uma vez terminou uma luta com um ombro deslocado!

E agora seja sincero, você teve pensamentos impuros assim que viu a foto, não?

Eu sei que teve! Aposto que até algumas meninas devem ter tido!

Entendeu? Fantasiamos com as lutadoras! Nunca com o Macho Man Randy Savage ou Hulk Hogan, mas com certeza com Trish Stratus e Torrie Wilson.

Bom... prosseguindo.



Os rapazes procuram Goldberg e pedem sua ajuda, mas o carecão se nega, explicando que Jimmy é um bosta e pode ser uma merda se eles permanecerem aliados dele.

Mas como os dois adoram produtos fecais, logicamente eles permanecem grudados em seu ídolo, talvez até mais que antes!



Enquanto isso, Sid Vicious e Perry Saturn invadem a casa de Sal Bandini para dar um coro no velho e impedir que ele treine Jimmy King.

Pra quem não conhece, Sid Vicious é um lutador que ficou bastante conhecido por motivos infames, como o boato dele ter cagado nas calças durante uma luta com o Undertaker, uma briga de tesouras com Arn Anderson no corredor de um hotel após uma noite de bebedeira e troca de ofensas e é claro, isso aqui.

Perry Saturn por sua vez, parece um assassino serial mas é um cara muito legal, pois uma vez presenciou uma tentativa de estupro e surrou três caras para salvar a vítima.

Mais impressionante é que ele levou três tiros no pescoço a queima roupa enquanto se atracava com um dos pilantras e apesar de ter precisado colocar placas de metal no lugar de três vértebras, ele não ficou com seqüelas!!!

Wrestlers são os caras mais durões do mundo, ponto final!

Voltando ao filme, Sid e Saturn avistam Bandini numa cadeira e vão matá-lo...



... mas era apenas um boneco!



O verdadeiro Bandini brota de um alçapão e dá uma surra nos dois!

Professores de wrestling da velha guarda deixam qualquer ninja no chinelo, tão vendo só?

Mas Sid descobre o ponto fraco do velhinho: UMA CADEIRADA NAS COSTAS!!!!!!!!



E na cena seguinte, os heróis estão visitando-o em um hospital, onde ele explica que está todo quebrado e que está cagando tapioca, o que o faz sentir um jovem novamente!

Claro que uma lição de vida nesse filme não seria completa sem uma referência a merda!



Sasha liga para Sinclair e diz que tudo correu bem... neste momento descobrimos que ela trabalha para o mal e que nunca uma super gostosa se apaixonaria por um nerd que cheira a merda!

Se bem que David Arquette se casou com Courtney Cox na vida real, o que indica que SIM, há esperança para todos os nerds, fedorentos e brucutus da Terra!!!!

Gordie dá um fora nela e prova que nerds também tem hombridade! Os três heróis fecais entram no trailer de King e a largam na portado hospital, onde ela provavelmente teve de fazer boquetes em caminhoneiros para conseguir uma carona pra casa.

Não que eu ache que ela tenha ficado triste em fazer isso, veja bem.



Nossos heróis voltam a terra natal dos rapazes, Wyoming para treinar e recrutar aliados para enfrentar Sinclair e DDP.



Assim que pisam no lugar, o pai de Gordie o prende para que ele faça a prova da polícia e vire um oficial da lei, como o resto da família.

Sean e Jimmy tentam trazê-lo de volta para o lado da luz mas é tarde, seu espírito foi tomado totalmente pelo lado sombrio da força.



Audições são feitas e somente três pessoas são aprovadas: O Bombeiro, o Ruminante e Kitty, vistos na imagem acima, respectivamente da esquerda para a direita.

Eu pretendia fazer um comentário sobre a Kitty, mas acho que a imagem já diz tudo...



Antes de irem para Vegas, Sean dá um fora na loira metida e resolve ser legal com a morena fofinha que gosta dele, dando uma camisa do Hard Rock Cafe pra ela.

A bonitinha por sua vez agradece...



... fazendo sexo doce e carinhoso com ele.. ou... "fazendo amor" com ele, como queira.

Sim, porque isso é o que rapazes fazem quando estão com moças de quem realmente gostem! Você faz amor ou sexo doce e carinhoso com sua namorada, noiva ou esposa.

Sexo quente e selvagem você só faz com prostitutas de beira de estrada, ou mulheres alcoólatras de bares de caminhoneiros.



Novamente estamos nos bastidores da WCW e Sinclair tenta comprar a lealdade de Sting, deixando bem claro que quer que ele impeça Jimmy de vencer a luta e que vai matá-lo se ele foder com tudo.

Sting olha feio pra Sinclair e podemos ter certeza que o pilantra atingiu um nervo do lutador.

Sting aliás é um dos lutadores mais legais e competentes de todos os tempos e luta até hoje, mesmo sendo um cinqüentão! Tem algum futebolista ativo de mais de cinqüenta anos que você se lembre no momento?

Foi o que eu pensei!


A batalha final entre Jimmy King e Diamons Dallas Page não será em um lugar qualquer, mas sim dentro de uma jaula tripla!!!

Uma luta na jaula, ou melhor: TRÊS jaulas, com uma estrutura sobre a outra e que é preciso escalar até o topo e pegar o cinturão pendurado para vencer.

Só foram feitas duas dessas na vida real e foram tão imbecis que isso nunca mais se repetiu.


A luta começa ok...


... mas os asseclas de DDP logo chegam pra foder com Jimmy King.


Tentando imitar Terry Funk, Jimmy puxa uma escada e começa a bater em todos os vilões com ela.


Claro, os vilões viram o jogo com a ajuda do filho de Jimmy King, que entrou vestido de Electro na luta.

Eu optei por não colocar nenhuma imagem dele porque... Deus, é estúpido demais!


Mas nem tudo está perdido, pois Booker T, Goldberg e Billy Kidman aparecem pra salvar o rabo de Jimmy King e eles trouxeram junto...


... ERIC ESTRADA!!!


Na verdade é Gordie, vestido de oficial da lei.

Eu disse que ia ser importante lembrar da profissão do pai dele.


Na jaula, a luta prossegue, tanto Jimmy quanto Page chegam ao topo da estrutura.

Jogando sujo, Page consegue arremessar Jimmy de volta para a segunda jaula, mas quando tudo parece perdido e o vilão está prestes a alcançar o título...


... O DUBLÊ DE STING O CHUTA DE VOLTA PARA BAIXO!!!!


Compare as duas imagens acima. Nem fodendo aquele que chutou o Page é o Sting.


Gordie e Sean fazem comentários homoeróticos para Sting e ele dá a resposta que qualquer americano de sangue quente daria: Uma porrada na boca.

Acho que não precisa ser americano ou lutador pra responder assim ao tipo de comentário que eles fizeram, mas enfim.


A luta chega a seu climax, Jimmy arremessa Page...


... que aparentemente cai de 25 andares...


... dando ao nosso herói a chance de reconquistar o título...


... e há muita alegria!!!


Sinclair fica incorformado pela derrota de DDP e começa a xingar os fãs, que o agarram e o fazem em pedaços.

Na verdade, só o vemos apanhando um pouco deles, mas gosto de acreditar que o desmembraram.


Jimmy reconquista o título, anuncia que Gordie será seu parceiro de duplas e que Sean será seu empresário...


... e Page tem tempo de ver o triunfo completo de seus inimigos enquanto é carregado pra fora da arena.

E é bacana ver que mesmo após ter caído 25 andares, ele tem apenas um corte na testa.

Falei que esses caras são durões!


Tudo volta ao normal e Sean novamente está fazendo pregação sobre wrestling para as crianças.


Gordie realiza sua fantasia homoerótica de bater no atendente da lojinha com o auxílio de seus amigos lutadores.


Descobrimos que Goldberg costuma andar por aí vestindo só uma sunga.


E Sal Bandini melhorou e está pronto para comer duas Nitro Girls na hidromassagem do jipe gigantesco dos heróis!

FIM!

Nota do Amer: 7.0

E eu disse no título que esse filme ajudou a matar a WCW. Como, você pergunta?


Assim!

Os produtores da WCW acharam que seria uma boa promoção para o filme se David Arquette se tornasse o campeão da federação por algum tempo. Os fãs acharam esta idéia abominável e diga-se de passagem, o próprio Arquette, sendo um grande fã do esporte achou que seria uma má idéia e que desvalorizaria o título.

Não adiantou, os produtores levaram a história adiante e foi mais uma pá de cal na empresa que já estava em suporte vital fazia algum tempo. Um ano depois, a WCW seria comprada pela WWE por uma quantia miserável. Alguns afirmam que vinte reais e uma torta de maçã.

Aliás, o filme foi um fracasso, mas tem um número de seguidores espalhados pelo mundo. Não tanto quanto Uma Noite Alucinante ou Warriors, mas tem seu secto de fãs.

Eu pessoalmente não gosto das viajadas dos personagens, eu nunca sonhei em ser salvo pelo Undertaker ou pelo Mick Foley na hora do sufoco!

Se eles tivessem fantasiado com Torrie Wilson ou Stacy Keibler, eu teria me identificado mais com eles, mas do jeito que foi, a nota que eu dei tá muito boa.

E acompanhem WWE na tv! Sabe-se lá se vai durar, portanto aproveitem enquanto podem!

Cheers!!!

9 comentários:

Felipe disse...

Eu me lembro desse filme, de quando passou na TV aberta.
A dupla do filme age em nome de Terculios, deus romano das fezes(ou assim seria se Mike Judge tivesse escrito o roteiro)
Só achei foda o ator que faz o J.King, que não parece nem um pouco durão perto dos lutadores de verdade.

Victor disse...

MARTIN LANDAU É O LUTADOR DA VELHA GUARDA?!!? WTF? :)

Enfim, eu tenho uma opinião sobre esse negócio de "marmelada": Dizer que Wrestling é marmelada é tão idiota quanto dizer que os filmes do Bruce Lee o são...

Estou certo?

Performance é performance, não é marmelada... só porque os desfechos e pontos-chave e personagens são escritos, não quer dizer que seja "tudo falso"...

Falso é o futebol da Nike, hoje em dia. ; )

Amer disse...

Issaí, Victor!

Eu não teria dito melhor!

E sim, além de ser o Bela Lugosi, Martin Landau é campeão de luta livre ninja da velha guarda!

Achei que você já sabia desse fato!

Luiz disse...

"Na jaula, a luta prossegue, tanto Jimmy quanto Page chegam ao topo da estrutura."

só eu pensei em led zeppelin aqui??

e o duble do sting, parece o peter criss, ou cat-man ou beast master, baterista original do Kiss. e parece ele hoje em dia, velhão e tosco mesmo.

lilo disse...

como faço pra ver esse filme sera q o Amer pode me passar to loko pra ver

TesouraNegra disse...

Pare de fantasiar você cara, o filme não foi uma conspiração pra dizer como é um fã igual a você, é só uma história, os persongaens não são você,larga esta paranóia, nem todos são iguais. Esta rotulando o filme desse jeito. Existem sim muitos fãs fanaticos, assim como existem para Star wars, e fãs de animes, os otakus, cujo qual transformam a fantasia em realidade. E no pro-wrestling não é diferente, pode até ser que você como outro brasileiro, curta só as lutas, mas é cultura americana, lá tem muito fanatico mesmo. Quanto a WCW ter acabado, aí é outro assunto, talvez tenha razão, sucessos.

Pirata Bebado LTDA disse...

Eu ri mais da sua resenha do filme do que do filme em si. E não acredito que a WCW fez a merda de um ator ser campeão apenas para divulgar o filme.

Pirata Bebado LTDA disse...

Eu ri mais da sua resenha do filme do que do filme em si. E não acredito que a WCW fez a merda de um ator ser campeão apenas para divulgar o filme.

Everton dos Santos disse...

WWE é Marmelada mesmo! O "wrestling" que você fala é só um Telecatch.
Não tem porque sentir vergonha em admitir.
E outra é muito...muito chato assistir os caras se "atracando", não sai uma gota de sangue, se for pra ver coreografia prefiro ver um filme de Kung Fu (Bruce Lee e Jackie Chan nos mostram isso).
Se for pra ver uma Luta eu vou assistir K-1 ou Bellator.
Agora dar um tempo e para de viajar com esse WWE.