sábado, 6 de dezembro de 2014

As Aventuras do Amer na Comic-Con Experience: Dia 2


Aaaaaawwwwww yeeeeeah!!! Segundo dia da Comic-Con Experience a todo vapor.

Sendo uma sexta-feira, o lugar estava muito mais cheio do que 24 horas antes. Mais visitantes, mais cosplayers, mais alegria e mais bateção de perna no espaço imenso dedicado a esta reunião de tudo que há de melhor no mundo nerd.

Sim, tenho plena noção de que soei como o narrador em um comercial de margarina agora. Estou muito envergonhado disso.

Então, vamos ao evento, antes que eu me torne ainda mais cafona.



A (difícil) viagem do segundo dia

O dia começou com alguns problemas em casa. Nada de grave, não precisam se preocupar. Tudo foi resolvido com um breve telefonema para a polícia e em questão de algumas horas, tudo se resolveu sem vítimas fatais.

Embora minha gata tenha ficado traumatizada e agora precise de doses de Diazepam diárias para conseguir dormir. Na hora do almoço, meu dia já havia sido incrivelmente longo, mas me enchi de esperança e alegria, e segui rumo à Comic-Con Experience assim mesmo.

Aqui, respectivamente: Esperança e alegria

Revitalizado pelas imagens mentais de todas as coisas boas que eu veria no evento, segui em minha jornada. As coisas deram uma decaída neste momento, pois peguei um ônibus lotado pela máfia dos idosos. Vocês sabem, aqueles velhinhos que saem em missões sem sentido durante o dia, como comprar telhas de barro e tentar voltar com uma caixa cheia delas no ônibus.

Apesar de tudo, consegui um lugar sentado na viagem, o que acabou sendo uma desvantagem. O sujeito que estava em pé ao meu lado não tinha muita noção de espaço pessoal, então suas partes pudentas ficaram perigosamente próximas de meu rosto durante todo o trajeto. Como não bastasse, na hora que resolveu colocar a mochila para descer do ônibus, o dito sujeito me acertou uma bela cotovelada na cabeça, que tenho certeza, tirou algumas sinapses do lugar.

Não me lembro mais de ter tirado esta foto, mas
estou feliz por tê-lo feito

Cheguei ao segundo dia de evento muito tarde e infelizmente não pude presenciar nenhum dos painéis. Fiquei na fila para o painel da Fox, mas o auditório estava lotado demais e bastante gente ficou de fora.

E logo a minha frente estava... CANON DE GÊMEOS!
Oh Deus... Acabei de invocar Prassódia...

Pelo menos, pude ler a Graphic Novel da Marceline e Princesa Jujuba. Que a menina ao meu lado havia comprado e decidiu usar para passar o tempo. Que bom que ela estava entretida demais com seu quadrinho para me notar, pois eu tenho certeza que a forma que eu a olhava podia ser enquadrada como assédio sexual.

Sem a possibilidade de presenciar ao painel da Fox, fiz o que qualquer homicida condenado faria em meu lugar: Vaguei pela Comic-Con Experience em busca de aventuras.

Coisa que não faltou por lá.


Os Cavaleiros de Ouro Retornam

Sejamos honestos agora. O único motivo pelo qual ainda recebemos novas animações com Os Cavaleiros do Zodíaco, é porque a Bandai precisa manter a franquia fresca o bastante para continuar vendendo a linha de bonecos Cloth Myth.

E é por isso que teremos um novo longa metragem chamado Saint Seiya: Soul of Gold, que aparentemente será estrelado por Aiolia de Leão e os doze Cavaleiros de Ouro. Claro, eles sofreram um inesperado caso de morte na série animada, mas isso não passa de um detalhe.

E o teaser estava sendo exibido com legendas em monitores pelo evento. Aqui vai ele, filmado pelo meu amigo Fabrício Luz, que ganhará um parágrafo inteiro em sua honra mais adiante neste mesmo artigo.


Aparentemente, em algum momento do longa, Aiolia irá usar a Armadura Divina de Leão. Como? Por quê? Pra bater em quem?

Nada disso importa, porque a Armadura Divina de Leão está em exposição no evento e ela é super-foda-bagarai.

Ela ainda não faz o menor sentido. Mas é
muito legal de se olhar

Mesmo que nada faça sentido nessa história, fico satisfeito de ver ao menos um longa da franquia que não é estrelado pelo Seiya.

Você é um saco, Pégaso.


Mais cosplays grandiosos

E é claro que o pavilhão estava LOTADO de cosplayers. Alguns dos melhores que já vi em todos estes anos como nerd abilolado.

Claro, eu os persegui com a mesma intensidade que um papparazzi persegue a Lindsay Lohan e consegui algumas ótimas imagens.

Novamente, quando lançar o novo site em janeiro, organizarei uma galeria com todas as fotos que trouxe comigo. Por enquanto, aqui vão as melhores.

Como o Rorscharch, que não fazia a menor questão de esconder sua identidade secreta:


O Caveira Vermelha, que nos mostrou como sua última namorada era alta:


A Merida mais perfeita que eu já vi na vida:


E O MOTHERFUCKING HOMEM-CODORNA EM PESSOA!!!


E como a Disney comprou Doug da Nickelodeon, nada impede que o Homem Codorna apareça no terceiro filme dos Vingadores.

Rápido! Vamos organizar um abaixo assinado e enviar para a Marvel!!!


Comodidades da vida moderna

Esqueci de mencionar em meu primeiro relato da convenção, mas alguns privilégios tecnológicos estão disponíveis no evento.

Como por exemplo INTERNET WI-FI DE GRAÇA PARA TODOS!!!

É, pois é.

"Mas a internet não é rápida o suficiente para enviar
as oito horas de vídeo ininterruptas que gravei..."

Pode não parecer uma grande coisa, mas faz muita diferença. No mundo atual, estamos todos permanentemente conectados ao Facebook, Twitter, Instagram e Pornhub. E é legal poder upar imediatamente todas as fotos e vídeos que coletamos ao longo do evento. Não só pra registrá-lo, mas pra poder compartilhar um pouco o que está rolando de legal na Comic-Con Experience, com aqueles que não puderam ir.

Mas suponhamos que você é como o Amer, que esqueceu de carregar seu celular antes de sair de casa, e chegou ao evento com um dispositivo mais sem energia do que uma patricinha guarulhense após uma orgia de três dias.

Sem problemas, pois existem estações de recarregamento de celulares em locais específicos do evento.

PAHWA!!!

Mimos que sem dúvida, melhoraram muito a experiência de todos os presentes. E espero que se tornem o padrão em outros eventos do tipo.


As aventuras de Fabrício. O Homem. O Mito

Em minhas andanças pela Comic-Con Experience, trombei com meu bom amigo Fabrício Luz. Ele escreve sobre cultura nerd e é DJ nas horas vagas (ou assim dizem as lendas). Ele também descobriu a Força de Aceleração e bebeu um engradado de latas de Red Bull enquanto o fazia, pois vive em um estado dezessete vezes mais rápido que a maioria dos humanos.

De fato, eu o perdi de vista ao menos quatro vezes no evento. Se ele fosse meu filho, eu estaria na cadeia por negligência parental há muito tempo.

E com uma única foto, todos os meus anos defendendo
a honra do Shun vão por água abaixo

Mas mais importante que isso, Fabrício é o mais dedicado colecionador da coleção Cloth Myth que já conheci.

Já mencionei esta coleção, mas não custa ser mais detalhado. Para quem não sabe, tratam-se daqueles bonecos MARAVILINDOS e extremamente caros dos Cavaleiros do Zodíaco, capazes de impressionar até mesmo quem odeia o Anime.

Não podemos questionar a qualidade de uma coleção
que faz o AFRODITE parecer legal

Durante o evento, o senhor Luz (que com este nome, poderia ser um vilão da Liga da Justiça) encontrou o lendário Gilberto Baroli, dublador do MELHOR CAVALEIRO DE OURO DE TODOS: Saga de Gêmeos.

Baroli, ao ver a dedicação de meu amigo em colecionar bonec... Figuras de ação da linha Cloth Myth, mandou-lhe esta mensagem:


E acredito que todos somos pessoas muito melhores após assistirmos este clipe.

Agradeço ao Fabrício por gentilmente me ceder seus vídeos, o que tornou este artigo um pouco menos medíocre.

Sigam o instagram do rapaz. Tem muita coisa legal por lá.


Sean Astin, o super sangue-bom de Mordor

Como vocês devem saber, Sean Astin, o líder original dos Goonies e jardineiro do Elijah Wood medieval, estava no evento. Próximo ao fim do dia, passei pelo estande onde ele distribuía fotos e autógrafos para os fãs, e ele ainda estava lá.

Agora, não pude falar com ele diretamente, pois a sessão de autógrafos já estava fechada. Ele provavelmente estava esperando sua carruagem ou tapete voador para voltar ao hotel pois astros de Hollywood sabem como viver a boa vida.

Assim, fiquei do lado de fora do estande, junto a outros fãs que provavelmente não tiveram a chance de vê-lo de perto. Assim que nos percebeu, o senhor  Gangee não apenas acenou para nós, como nos mandou um beijo do gordo. Digo, ele fez o exato mesmo gesto que o Jô Soares, quando o apresentador saúda sua platéia desta forma.

Apropriado, considerando o papel que o tornou mais conhecido dentre os cinéfilos.

Pode não parecer grande coisa, mas vou lembrá-los que isso aconteceu ao fim de um longo dia, no qual Sean Astin já havia passado ao menos oito horas sentado, assinando fotos, caixas de DVD’s, peitos e todo tipo de coisa. Ele mal devia estar sentindo as próprias pernas, e mesmo assim, sorriu e mandou um beijo para os fãs que ali estavam.

Acho que este gesto simples tem muito valor. Especialmente em um país como o nosso, que tem tantas celebridades que parecem se orgulhar de ignorar seus fãs ou tratá-los como se fossem menos que gente.

Em outras notícias, esta criatura encontrava-se no estande de O Hobbit.
Achei que todos deviam saber

E... Foi isso. O segundo dia foi bem menos atribulado que o primeiro, mas ainda rendeu experiências bastante únicas. Após jantar com meus amigos, iniciei a jornada de volta ao lar.

E recebi outra cotovelada na testa ao pegar meu segundo ônibus lotado do dia.

Não comparecerei ao terceiro dia de evento, pois estou sofrendo de um caso grave de exaustão, provavelmente causado pelas três horas que sono que tive desde a quinta-feira. Então, se me dão licença, irei desmaiar agora, pois o último dia da Comic-Com Experience tem tudo para ser o mais épico.

ÉPICO!!!

Cheers!!!

8 comentários:

Doctor_Who_Teen disse...

Amer,agradeço muito por você postar o que rolou na CCXP do ponto de vista de um nerd comum visitando a convenção e não como uma celebridade participando dela diretamente,já que eu nunca conseguirei ir nesse evento...

Leandro" Leon Belmont" Alves the devil summoner disse...

eu ansio pelo filme dos cavaleiros de ouro. depois da desgraça do projeto que iria ser o "Reboot" em 3D.

em animação, espero que não façam cagada

Leandro" Leon Belmont" Alves the devil summoner disse...

e só para constar:

Homem Codorna>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Vingadores

kohr111 disse...

Eu tambem gostaria de agradecer.
Sempre tive curiosidade para saber como era esse tipos de evento já eu não pretendo ir

waspinator disse...

e o dublador do saga eh um senhor velhinho????deub trauma agora..
Aiola eh cover do Seya... um chato tambem.......botasse o Mu

Leandro" Leon Belmont" Alves the devil summoner disse...

Waspinator, acredito que Aiolia vai dar um protagonista 100 vezes melhor que o Seiya.

afinal, temos tolerâncias para as retardices do Pegasus.

e sim, Gilberto Barolli já era velho quando dublou o saga, e tem uma das vozes mais foda dos dubladores brasileiros.

Bruno Mattes disse...

Amer, meu querido! <o/
A I-No de Guilty Gear é uma cosplayer muito talentosa dentre as que eu conheço. Ela usa o nome "Shermie", e essa é a página dela:
https://www.facebook.com/shermiecos

Teu trabalho de reportando como aconteceram as coisas lá no evento está maravilhoso. Parabéns, e obrigado. Abraço. <o/

Sr. L disse...

"o senhor Luz (que com este nome, poderia ser um vilão da Liga da Justiça)": existe um Dr. Luz vilão dos Jovens Titãs.