terça-feira, 25 de dezembro de 2012

Mês das Festas - O Natal do Doug


Ahhhhh sim, Doug! Todo mundo adora o Doug!

Qualquer pessoa na minha faixa etária (por volta dos 55 anos) lembra-se daquelas gloriosas tardes do final da década de 1990, quando sintonizávamos na TV Cultura e assistíamos em sequência Castelo Rá-TIm-Bum, O Mundo de Beakman e Doug. E ao final desta maratona, ficávamos chateados pois sabíamos que não teríamos mais nenhum desenho para ver até o dia seguinte.

Sério, essa molecada que não viveu a era pré-internet não sabe como eram tempos difíceis. Hoje vocês podem ver desenhos, séries, filmes e pornografia a hora que quiserem. Nós precisávamos contar com a boa vontade das emissoras de televisão e se perdêssemos o programa que tanto queríamos ver, levariam bons meses até termos a chance de novo.

Exceto no caso da pornografia, que não passava na tevê e que descolávamos sempre com amigos muito mais velhos... que possivelmente eram molestadores e abusaram sexualmente de todos nós. Algo que bloqueamos de nossas memórias, exceto por breves flashbacks, que manifestam-se em momentos de stress e podem liberar uma fúria sanguinolenta e incontrolável.

...

Mas como eu dizia, Doug! Que desenho legal! Uma das pérolas da Nickelodeon na época que a produtora lançava animações de qualidade, ao invés de seriados de quinta categoria como "Eu, Carlinha".

Infelizmente, o episódio de Natal foi o último da série antes que ela fosse comprada pela Disney, que prontamente alterou tudo que a série tinha de legal e a transformou em mais uma animação genérica como tantas outras que infestavam nossas televisões na época.

Enfim, vamos ver se o especial de Natal deste garoto narigudo e abobado valeu como encerramento da série. E tentarei manter a classe, afinal de contas, estamos no Natal.


Vejam-me fracassar logo no parágrafo de abertura.

A primeira imagem que vemos no episódio é o de um casal patinando no gelo e a menina está claramente tendo um orgasmo. Ninguém faz essa cara só por patinar, o que me leva a crer que o namorado está estimulando o ponto G da garota, que pelo visto, fica na nuca dela.

Mas nem todos em Bluffington estão se dedicando a fazer sexo gelado.


As crianças jogam uma saudável partida de hockey, usando vassouras como bastões e uma pinha como disco.

HA! Que adorável! Como elas não tem dinheiro para comprar equipamento profissional, improvisam com tralhas domésticas e quinquilharias da natureza que não servem para absolutamente nada! Muito bom!


...

Mas heim? Todos tem equipamento profissional, menos o Skeeter? ISSO É RACISMO!!! Mas só porque o menino é negro, ele não tem direito a usar um taco de hockey oficial? Ele precisa usar uma vassoura como se fosse um Chaves qualquer?

Ok, eu sei que tecnicamente Skeeter não é negro, mas pelo menos no começo eu achava que era. Foi só depois de algum tempo que eu percebi que tem césio na água de Bluffington e ninguém exceto Doug ou sua família, tem tons de pele normais.

Ou, no caso do Skeeter, vai ver ele simplesmente passou 52 episódios com uma noz entalada na traqueia.


Durante a brincadeira, Costelinha desliza pelo chão até chegar em um ponto com gelo fino. Você sabe, gelo que é mais frágil e não aguenta o peso de uma pessoa, rompendo-se e mandando-a para uma morte escura e gelada nas profundezas do lago.

Bem, nada poderia dar de errado com esta placa enorme avisando do perigo, não é verdade?


É quando a pinha do jogo de hockey vai parar perto do gelo frágil e Beebee Bluff, menina mais rica da cidade e projeto de piriguete, vai apanhá-la. Claro, ela não percebe rachaduras ao seu redor que são grandes o suficiente para engolirem um fusca.

Ela tem dinheiro, não precisa ser inteligente.

Eis que Costelinha faz aquilo que qualquer um de nós faria nesta situação.


Morde a perna de Beebee e a arrasta para longe do perigo.

Que foi? Vocês nunca morderam uma garota com a descul... hããããããã... para tirá-la do perigo iminente?

...

NEM EU!!! QUE BOM QUE ESCLARECEMOS ISSO!!!

*COFF-COFF*


Nenhum dos caipiras incestuosos de Bluffington percebe o que o cachorro acabou de fazer e o acusam de molestar sexualmente a menina.

Mesmo Doug, que é um Maria-vai-com-as-outras filho da puta, dá um esporro em seu melhor amigo e lhe explica que não se estupra as amigas assim! É preciso drogá-las durante uma festa e fazer isso em um quarto isolado de todos os demais!

Ei, foi assim que seus pais o conceberam.


Beebee foi levada as pressas para o hospital, para substituírem sua perna dilacerada por uma mecânica. Enquanto isso, Doug continua bancando o moralista e dá mais um esporro de duas horas no Costelinha.

Com sua elevada e nada canina inteligência, Costelinha faz um show de mímica para tentar explicar a seu dono o que aconteceu. Mas como Doug não é mais inteligente do que zinco, ele não entende a mensagem e deixa seu cachorro de castigo.

Agora, Costelinha é esperto o suficiente para dirigir um carro (aconteceu em um episódio). Por que ele não tenta simplesmente escrever um bilhete contando toda a história a seu dono? Ele deve ser capaz disso, não?

E não me venham com a desculpa da ausência de polegares! Tenho certeza que ele pode encontrar uma solução para isso também.


Enquanto isso, na rádio da cidade, o ex-prefeito faz seu programa vespertino, onde coloca a culpa de todos os problemas dos Estados Unidos nas mulheres, homossexuais, negros, imigrantes e anões. E declara que seu país só voltará aos eixos quando a supremacia branca retomar suas rédeas.

Lindas palavras para um homem alaranjado.

Eis que uma dona de casa desocupada telefona para o show e conta a história da menina rica que foi estraçalhada e violentada por um pitbull. Mais do que depressa, o ex-prefeito decide tomar medidas drásticas quanto a esta situação.

Porque a vítima é rica e branca... ou bem próximo disso para os padrões desta série.



No shopping, Doug faz compras de Natal com sua irmã Judy e lhe explica o quanto está deprimido pela carnificina espalhada pelo Costelinha. Judy, como boa irmã mais velha, escuta tudo que o menino tem a dizer e não dá a mínima.

Aliás, Judy é uma "beatnik". Basicamente, os ancestrais dos hipsters, que fingiam seguir o Movimento Beat, mas na verdade o usavam apenas como desculpa para transar, se drogar e ir contra a sociedade.

Bom, pelo menos eles diziam ser parte de um movimento genuíno. Hipsters seguem apenas uns aos outros.

OOOOHHHHH, COMO EU OS ODEIO!!! SE PUDESSE JOGAR TODOS OS HIPSTERS EM UMA PILHA E ATEAR FOGO, EU O FARIA!!! CORJA DE MALDITOS DESGRAÇADOS LANCINANTES!!!

Mas bem, após as compras de Natal, Doug e Judy voltam para casa e deparam-se com uma surpresa.


A imprensa e a polícia estavam em seu quintal, e Costelinha estava sendo preso.


Infelizmente, ele estava provando sua roupa de Bane no momento em que isso aconteceu. O que diminuiu ainda mais suas chances de parecer inocente.



Eis que o ex-prefeito surge e tudo não passa de um golpe publicitário armado por ele. O velho pecador promete que até o Natal, eletrocutarão o Costelinha, para manter todas as crianças da cidade a salvo.

Ele ainda diz mais. Se for reeleito, o calhorda promete eletrocutar um cachorro ou um negro todo Natal, até que a economia dos Estados Unidos volte a prosperar.

E considerando os tipos de políticos que existem por aí, eu não ficaria surpreso de encontrar algum animal que de fato usa este tipo de plataforma na época das eleições.


Mas ainda é Natal. E mesmo com seu melhor amigo prestes a ser executado, ainda haverá festa na casa dos Funnie, certo?

Errado! Doug acaba de receber uma ordem judicial o intimando a aparecer no tribunal. Aparentemente, não apenas o Costelinha será mandado para a cadeira elétrica, como Doug, um moleque jovem demais para saber se masturbar, está sendo processado pelo pai da Beebee, o homem mais rico da cidade.

...

FELIZ NATAL, DOUG!!!


Eis que Doug tem uma ideia genial. Ele cria uma petição pedindo para que seu cachorro seja poupado e sai batendo de porta em porta, em busca de quem a assine. Hoje em dia, fazemos uma merda dessas pela internet e conseguimos 9 bilhões de assinaturas em dois dias.

Sério, a molecada de hoje em dia não sabe o que é trabalho duro. Malditos jovens do reggae.

O plano corre muito bem no começo, mas...


... os demais moradores da cidade negam-se a fazer parte dessa esbórnia que é claramente contra os valores cristãos.

Como podem ver, o senhor Cenoura e sua esposa não querem participar disso. Como bons evangélicos tementes a Deus, eles querem mais é que Costelinha queime no inferno. Nada mais natalino que matar um inocente e partir o coração de uma criança nesta época do ano.

HALLELLUJAH!!!


Neste meio tempo, o SBT Repórter exibe um especial mostrando como aconteceu o ataque a Beebee. Como podem ver, o Costelinha arrancou a cara dela e só depois a molestou.

Não é a toa que a cidade quer que ele frite. Este exemplo brilhante de jornalismo imparcial convenceria a qualquer um!


Em um último esforço desesperado, Doug apela para o homem mais poderoso da cidade: o senhor Bluff.

Sério Doug? Sério? O cara está molhando a mão do juiz da cidade para que seu cão seja executado no Natal, abriu um processo contra você, tem grandes chances de destruir sua vida... e você ainda acha que pode apelar para o bom coração dele?

Deus abençoe sua ingenuidade, Doug Divertido.

Ingenuidade ou estupidez. Não sei ao certo.

Bom, o plano não dá certo. O senhor Bluff reafirma que estará na primeira fila para ver a execução do Costelinha, depois usará a lei para tomar de Doug e sua família tudo que eles têm. Os jogará na casa dos pobres, o que obrigará sua mãe e irmã a voltarem-se para a prostituição e seu pai tornar-se-á um catador de papelão.

"E quanto a mim?", pergunta Doug.

"Você terá o fim mais imundo e desonrado de todos! Vai se tornar um extra da Praça é Nossa!".

Que destino trágico...


Que tristeza. Doug está sozinho, desmoralizado e implodido.

Mas isso não dura muito tempo, pois ele conhece três pessoas capazes de se virarem em qualquer situação e que o ajudarão sem titubear!


São o agente secreto Smash Addams, o Homem-Codorna e o arqueologista Race Canyon.

E sim, todos são o Doug. Ou melhor, seus alter egos.

Ok, eu preciso falar um pouco a respeito disso. Doug é completamente esquizofrênico.

Sempre que é colocado diante de algum dilema, ao invés de encará-lo como uma pessoa normal, o menino busca refúgio em seu mundo da imaginação e tenta se virar com soluções fantásticas que seriam implausíveis até mesmo em um filme do M.Night Shyamalan.

Claro, a primeira vista parece que ele é apenas um menino com imaginação fértil, eu entendo bem isso e acredito que muitos de vocês também. Não há nada errado com isso.

O problema é que Doug tem apagões de vários minutos, onde ele se vê no mundo de um de seus personagens e imagina os objetos e pessoas ao seu redor como sendo parte dos mesmos . Isso já quase o matou em mais de uma ocasião.

Sério, teve um episódio em que ele começou a sonhar acordado enquanto andava de bicicleta no meio do trânsito pesado. E parece que absolutamente ninguém vê nada de errado com esses "brancos" que o menino sofre.

O dia que ele tentar voar como o Homem Codorna e se espatifar sobre o carro de alguém, vão se questionar sobre o que levou o menino a isso. POR QUE NÃO SE QUESTIONAM ENQUANTO ELE AINDA ESTÁ VIVO???


Doug organiza uma conferência com suas múltiplas personalidades, na esperança de que uma delas tenha uma boa ideia. O Homem Codorna sugere que ele voe até a prisão e liberte Costelinha com sua super força, ideia que Doug rejeita. Mesmo em sua esquizofrenia, ele sabe que invadir um canil mais bem guardado que Alcatraz não é uma boa ideia.

Race Canyon oferece um plano que consiste de roubar um tesouro e profanar uma religião antiga, o que não se aplica a este caso. Smash Addams dá a melhor sugestão, a de que Doug procure alguém que possa lhe fornecer equipamentos para tirar Costelinha da cadeia.

E assim ele o faz.


Doug procura os gêmeos Al e Moo, as únicas pessoas da vizinhança que são ainda mais ineptas socialmente que ele. Para sua sorte, os dois obesos geniais tem exatamente aquilo de que ele precisa: um bolinho que serve como granada de gás lacrimogênio.

...

Ok então.


Doug e Skeeter visitam o Canil Arkham, na esperança de visitarem Costelinha. Como o guarda é um sodomita que não tem Jesus no coração, ele não deixa os meninos prosseguirem.

E neste exato momento...


Skeeter cai no chão e começa a se contorcer de dor, como se estivesse sofrendo de enfarte no intestino delgado. Como o guarda nunca assistiu nenhum filme feito depois de 1920, ele não conhece este velho truque e vai chamar uma ambulância, o que dá a Doug a chance de se infiltrar no lugar.

Tudo correndo conforme o planejado.


Exceto que o guarda decide comer o bolinho-bomba-de-gás-lacrimogênio e desmascara o plano dos garotos.

Além de ganhar uma belíssima úlcera no processo.


Mas Doug consegue chegar ao núcleo do canil, reservado para seres terrivelmente perigosos como o cachorro de Hitler e Scooby-Doo. E lá ele encontra o pobre Costelinha, trancado na solitária.


OH!!!

Mas antes que possa salvar seu amigo, Doug é removido do local pelos guardas e é obrigado a observar enquanto eles espancam brutalmente Skeeter.

Sério, Doug é branco. Vocês acham que ele seria espancado pela polícia em uma cidade do interior como Bluffington?


De volta ao lar, Doug observa desesperançoso para a casa de seu melhor amigo e é assaltado por uma dose homérica de flashbacks.

Melhor lembranças que delírios esquizofrênicos, é o que eu sempre digo.


O garoto lembra do Natal em que ganhou Costelinha de presente.

Ao ver esta cena, penso apenas no tipo de sádicos que são seus pais, que fecham um filhote em uma caixa que claramente não tem furos por onde ele possa respirar. Que bom que Doug não deixou para abrir este presente por último, ou precisaria de terapia no futuro.

...

MAIS terapia do que já precisa.


Então ele se lembra de um natal mais recente, quando ganhou seu diário e onde Costelinha ganhou um Walkman.

Walkman, para vocês que são jovens e desgraçados demais para saber, era como um aparelho de MP3 do passado. Usávamos estes trambolhos para escutar música e não ligávamos deles serem do tamanho de uma mochila.

E você realmente tem de reavaliar qual sua importância para a família quando seu cachorro ganha um presente melhor que o seu.


Eis que Doug vislumbra o futuro, onde passará o Natal em meio a uma tempestade e diante do túmulo de Costelinha.

Neste dia, ele fará um juramento. De que treinará corpo e mente e lutará contra as injustiças do mundo, para que ninguém mais tenha de sofrer o que ele sofreu.

Bom, distúrbios mentais para isso ele já tem.


Eis que o dia do julgamento chega.

O senhor Bluff, como bom milionário, exige que o juiz condene o cachorro, pois quer voltar logo para casa e fazer o tradicional açoitamento de um judeu na noite de Natal, que sua família realiza todos os anos.


Doug está lá também, junto de sua família e amigos. Desesperançoso e destruído, mas nunca derrotado.

E olha só, a Patti Maionese veio também. Na pior das hipóteses, você pode descolar um pouco de sexo esta noite.

Hey, quando seu melhor amigo é executado, nenhuma mulher pode te negar sexo de consolação. É a lei!


Eis que Bane chega ao tribunal. E antes de subir à tribuna, ele diz:


Que se dane, ainda acho ele mais compreensível que o Christian Bale.


Um psicólogo canino que se parece um pouco demais com um poodle, é contratado pelo senhor Bluff para provar que Costelinha é um psicopata. Todos no tribunal aceitam suas palavras sem questionar, quando na verdade não deveriam jamais considerar as palavras de um homem que parece dormir com seus pacientes.


Enquanto isso, na bacada dos réus, Costelinha faz mais um show de mímica para Doug e explica que eles devem ir para o lago, que lá encontrarão todas as respostas.

Doug entende tudo que seu amigo diz e decide que convencer o júri a ir para o lago é o melhor curso de aç... espera aí... AGORA VOCÊ ENTENDE O QUE ELE QUER DIZER? SEU ESQUIZOFRÊNICO FILHO DA PUTA!!! NO COMEÇO DO EPISÓDIO O COSTELINHA TENTOU TE EXPLICAR TUDO E VOCÊ NÃO QUIS NEM SABER, AGORA DE REPENTE VOCÊ COMPREENDE TODA A MÍMICA DO CACHORRO??? SEU DESGRAÇADO NARIGUDO!!! EU ESPERO QUE VOCÊ SEJA ESTUPRADO PELO MEL GIBSON!!!

Eu dei o fim de ano de férias para o Ursinho Fritz. Até sociopatas fantasiados merecem um descanso.


Eis que Beebee Bluff entra no tribunal, tão engessada que seria possível construir um prédio com a sua perna.

Pois é, meu querido Doug. Agora fodeu.

Ciente de que tudo foi pro vinagre e que a perna quase amputada de Beebee voltará todo o tribunal contra seu cachorro, Doug regressa ao seu lugar feliz...


... a sala de reuniões onde estão suas outras personalidades. Todos começam a debater qual seria a melhor solução para este problema...


... e começam a se espancar no processo. Nem as personalidades múltiplas de Doug toleram umas as outras.

Sério, ninguém consegue ver que esse menino precisa de ajuda profissional? O que vai ser preciso para que mandem Doug para a terapia? Que comecem a encontrar prostitutas mortas em seu armário?

Bom, se a promessa do senhor Bluff se cumprir, a mãe e a irmã de Doug correm sério perigo em morar com ele.


Beebee é entrevistada pela promotora e tenta limpar a barra de Costelinha, afirmando que a mordida nem foi tão grave e que não doeu tanto quanto todos pensam.

Taí, gostei de ver. Uma Kim Kardashian mirim com alguma decência! Claro que toda essa virtude vai se perder quando o vídeo de sexo dela com o Skeeter vazar na rede, mas por enquanto, vamos aplaudir sua atitude.

Digo, é inútil, pois a promotoria está disposta a arrancar a cabeça de Costelinha. Mas é uma boa atitude.

E que diabo de promotores são esses, tão dispostos a condenar um cachorro em um julgamento público? Bluffington deve ser a cidade mais chata do mundo mesmo.


Eis que Doug é possuído pelo espírito de Natal e faz um discurso totalmente gay, daqueles que só acontecem nesta época do ano.

Ele lembra a toda a população das coisas boas que Costelinha fez por eles. Quando serviu de babá para os filhos de uma gorda desocupada, de quando emprestou vinte paus para uma desempregada viciada em crack, quando cortou o cabelo de um vagabundo colorido sem cobrar e tudo mais. E que agora, é hora de todos devolverem esta generosidade.

Sério, que merda de cidade é essa, onde um cachorro é o indivíduo mais generoso e gentil que há? Bluffington deve ser um lugar chato E horrível de se viver.


Em concordância com o menino, todos vão para o lago.


Beebee inicia uma reconstituição da tarde do crime, marchando em direção a onde estava quando foi estuprada por Costelinha.

E sério, em um clima claramente abaixo de zero, a menina sai por aí de minissaia? Que bom MESMO que ela é rica, pois já é a segunda vez neste episódio que fica claro que bom senso não é sua maior virtude.


O cachorro despiroca mais que a louca dos gatos e Doug fica sem entender porra nenhuma. Para o resto da cidade, isso é apenas uma prova de que Costelinha é pior que Charles Manson e Bill Murray juntos.

SUBITAMENTE...


... o gelo fino para onde Beebee rumava se parte e ela afunda na água fria como um saco de gatinhos.

QUEM PODERÁ SALVÁ-LA???


O Costelinha, claro. Já que nessa cidade cheia de caipiras imundos e racistas, ele parece ser o único disposto a salvar uma criança de uma morte horrenda.


Costelinha leva a menina para a margem em segurança. E se ela já não fosse naturalmente roxa, todos pensaríamos que o cachorro chegou tarde demais.


Diante do heroísmo do cachorro, toda a cidade se convenceu de que ele não era culpado de abuso sexual. Todas as queixas foram retiradas e muitos abraços desconfortavelmente demorados aconteceram neste dia.


Em casa, Doug recebe a visita do senhor Bluff e de Beebee, que desejam recompensar Costelinha e darão a ele qualquer coisa que seu coração deseje.

Costelinha então pede que o senhor Bluff realize um banquete de Natal para todos os cachorros carentes da cidade. Ora Costelinha, entendo que você queira ajudar seus colegas menos afortunados, mas este não é o tipo de pedido que o magnata de uma cidade pequena atenderia.


...

Que o diabo me carregue.


E tudo está bem quando acaba bem. É o que eu sempre digo.


E aqui se encerra o ano de 2012 do blog. Nos bons e velhos tempos, haveria uma boa chance de eu juntar energia o bastante para um artigo surpresa de Ano Novo, mas verdade seja dita, isso não vai acontecer agora.

Olhando para trás, vejo que 2012 foi um ano muito bom. Difícil, mas bom. Enfrentei uma tonelada de problemas e consegui me resolver com boa parte deles, minha vida ainda não é perfeita, mas com certeza está muito melhor do que há um ano atrás.

E nestes pesados doze meses, sempre pude contar com as palavras de apoio de todos que leem o que eu escrevo. A vocês, deixo meu mais sincero OBRIGADO, pois seu carinho fez muita diferença em diversos momentos de tristeza. Se pudesse, eu daria um abraço de tigre em cada um.

Menos no palhaço que me manda "chupar rola africana" no blog onde eu trabalho e que exige que eu volte a postar aqui. Sério garoto, cresça um pouco. Eu não vou largar minha obrigação profissional só pra te divertir. Você precisa amadurecer um bocado se ainda acha que o mundo tem o dever de te agradar.

Aliás, visitem o POP Cinema. Não posso publicar lá os mesmos tipos de artigos que faço aqui, mas sempre me esforço para deixar tudo divertido. Deem uma olhada, quem sabe vocês gostam?

Quanto a postagens no blog, não tenho mais como manter o mesmo ritmo do passado e escrever de três a quatro artigos por mês. Entre meu trabalho e projetos pessoais para o futuro, me sobra muito pouco tempo.

Ainda não tive tempo de jogar Gears of War 3. Acho que isso explica o quanto ando enforcado.

Mas prometo que vou tentar postar ao menos um artigo novo por mês. Não vou mais abandonar o blog por quase dez meses como fiz este ano, não sou um pai tão desnaturado assim.

Quanto ao blog de games, este vai ficar parado por tempo indefinido mesmo. Adoro escrever críticas de jogos, mas com a minha atual falta de tempo, só posso me dedicar a um filho e acho que todos nos divertimos mais com as postagens feitas aqui.

Isso não quer dizer que o Game Blog morreu, ele apenas... "entrou em coma". Uma hora dessas, as críticas de games vão voltar e quem sabe... em um formato mais avançado?

Aliás, minha Gamertag na Xbox Live é hammerhx. Estou sem Live Gold no momento, mas assim que a renovar, estarei sempre disposto a ter partidas amigáveis na rede. Sintam-se a vontade para me adicionar.

E por enquanto, isso é tudo. Um ótimo fim de Natal para todos e valorizem muito a suas famílias e amigos. Se teve uma coisa que aprendi este ano, é que não existe nada mais precioso do que as pessoas que nos querem bem e que se importam de verdade conosco.

Antes de partir, um abraço apertado pra minha filha adotiva, Babi Tiemi. Obrigado pelo eterno apoio, querida!

Pronto, já falei demais. Nos vemos em janeiro!


Cheers!!!

60 comentários:

vic666 disse...

Doug traz boas lembranças. Por sinal, tenho incentivado minha filhota a assistir as reprises que passam na cultura... Uma pena que o blog gamer vai ficar em coma mas pelo menos ainda teremos esse que, como você mesmo disse, costuma ser mais divertido, até porque também fala de games de vez em quando!
Boas festas meu velho!

Evil Monkey disse...

Vou admitir, não era o maior fã de Doug, ótimo Review Anyhow!

Bom saber que o seu humor está tão ácido quanto sempre!

Atualize o blog no seu próprio rítmo, é compreensível que você esteja passando por uns maus bocados. O blog só é bom se você estiver motivado a postar non?

Alan Djayce disse...

Eu só assiti o Doug depois da compra da Disney...

...Talvez por isso nunca tenha gostado muito da série.

Mas ótima postagem Amer. o/

Amazing Leo disse...

MAAIS um ótimo artigo, Amer. Parabéns e feliz natal!

Casa disse...

Saudades desses bons tempos da Cultura e mais ainda dos bons tempos da Nick, quando a gente tinha coisas como Arnold, Doug e Ginger.

E saudades do se blog também, mas te entendo perfeitamente.

2012 foi um ano estranho...

Enfim, adorei o texto. Como sempre XD

Alecs disse...

Adoro seus posts amer, tenho que te agradecer muito por dedicar esse seu pouco tempo para nos divertir, obrigado, feliz natal atrasado, e feliz ano novo.

Bitinik disse...

Sempre fico feliz quando vejo no feed que há um post novo seu. Valeu por dedicar um tempo aqui com a gente, Amer! Que tudo esteja ok e um bom final de ano! Abração!

Holder disse...

* MORRI * uasuhasuh
Brigada, papis;
E obrigada pra você também pelo apoio que me destes por anos a fio (mesmo boa parte deles sem saber) e espero ter te ajudado nem que só um quinto do que vc me ajudou. Um abração daqueles dolorosos procê (L)

Leandro" Leon Belmont" Alves the devil summoner disse...

feliz natal Hammer!

Doug era um dos desenhos mais legais naqueles tempos do SBT. e mesmo sendo um desenho para adolescente, eu com 10 anos achava o máximo. e tem razão, assim que a Disney com o desenho...não sei dizer, mas alguma coisa deu errado, não tinha mais a mesma graça.

eu sempre ficava aflito com esse episódio e tenho que concordar, o Doug é um imbecil.

pena que o Blog de games não terá atualizações, mas te entendo.

Hammer no Pop Cinema eu tento comentar, mas o que escrevo nunca aparece. e olha que me inscrevi e ainda sim não aparece meu comentário...

mesmo assim, feliz natal a você e ao Ursinho Frizt

Leandro" Leon Belmont" Alves the devil summoner disse...

feliz natal Hammer!

Doug era um dos desenhos mais legais naqueles tempos do SBT. e mesmo sendo um desenho para adolescente, eu com 10 anos achava o máximo. e tem razão, assim que a Disney com o desenho...não sei dizer, mas alguma coisa deu errado, não tinha mais a mesma graça.

eu sempre ficava aflito com esse episódio e tenho que concordar, o Doug é um imbecil.

pena que o Blog de games não terá atualizações, mas te entendo.

Hammer no Pop Cinema eu tento comentar, mas o que escrevo nunca aparece. e olha que me inscrevi e ainda sim não aparece meu comentário...

mesmo assim, feliz natal a você e ao Ursinho Frizt

Amer H. disse...

Os comentários do POP Games precisam ser aprovados pessoalmente por mim antes de aparecerem. Pode postar lá que eu vou ler e colocar no ar uma hora.

Lance Sonovavish disse...

Um fato curioso...a Disney no primeiro episódio que fez pro Doug, o personagem tinha um surto nerd pq um novo estúdio tinha comprado os direitos do Smash Adams e transformado toda a franquia(agora pra comédia).

Sempre é engraçado quando a Disney mesmo afirma as merdas.

Bruno He disse...

Excelente post, lembro q assistia Doug mas não lembro do desenho em si hauheua.

Feliz Natal e bom 2013 Amer, espero te ver mais por aqui.

Vitor Vallombroso disse...

Olá Ammer!

Não sabe o quanto dúvidei que este artigo fosse sair. Quando comentaram comigo que você tinha postado e disse que postaria um especial de natal em dezembro perguntei "Este ano?"

É, eu sou um fã de crepúsculo imundo, e pelo desculpas por existir, mas agora sei que eu estava errado, e particularmente, adorei esse artigo. É comum você falar de coisas que não conheço, em razão da minha idade, e ver uma cara amiga no inicio do post foi ótimo!

Em tempo, ótimo artigo, como sempre, e fico feliz que tenha escolhido esse filho!

Em tempo, posso postar o link do meu blog aqui? Diz que sim? Não chega nem aos pés do seu, mas acho que quem procura textos humoristicos pode achar algo interessante la.

http://insensatoteclado.blogspot.com.br

Vitor Vallombroso disse...

Olá Ammer!

Não sabe o quanto dúvidei que este artigo fosse sair. Quando comentaram comigo que você tinha postado e disse que postaria um especial de natal em dezembro perguntei "Este ano?"

É, eu sou um fã de crepúsculo imundo, e pelo desculpas por existir, mas agora sei que eu estava errado, e particularmente, adorei esse artigo. É comum você falar de coisas que não conheço, em razão da minha idade, e ver uma cara amiga no inicio do post foi ótimo!

Em tempo, ótimo artigo, como sempre, e fico feliz que tenha escolhido esse filho!

Pedro "Hypérion" disse...

Cheers!!!
XD
É sempre ótimo ler os seus artigos e saber q vc está melhor, acompanho o blog a mais de dois anos e pretendo continuar ^^
Um abraço de tigre pra vc tb (sim, curto muito Calvin e Haroldo) e tenha um ótimo final de ano. boas festas e um bom 2013, té uma próxima ;)

Giulian Vaz disse...

Doug era um exemplo de como os desenhos eram divertidos antigamente, de modo que você nem sentia o tempo do episódio passar.

Atualmente só vejo essa semelhança em Apenas um Show por ter uma narrativa e humor mais diferenciados.

Gostei bastante do artigo Amer, sabemos que esse ano as coisas foram difíceis, então desejo de coração que 2013 seja próspero não apenas no sentido financeiro, mais também no sentido de felicidade e tranquilidade.

E Tenha um excelente fim de ano!

Giovanni disse...

obrigado Amer!!

lembro bem desse desenho pois era o que eu e minha irmã mais assistíamos! antes de começar a maldita rivalidade irmão-irmã e ficarmos sempre brigando...

e estou aqui, esperando o próximo post sensacional que vc fará ansiosamente!

tudo de bom! boas festas!
feliz Natal atrasado! e ótimo Ano Novo!!

Erick Arma X Quirino disse...

Parabéns por mais um artigo sensacional Amer.

Sabe, conheço o blog a pouco tempo, mas mesmo assim, me considero um fã. Nunca escrevi um comentário aqui. Talvez por vergonha, ou mera preguiça.Porém, é fim de ano, e como esse foi um artigo de natal, resolvi fazer isso pela primeira vez.

Como sou jovem (tenho apenas 13), não vivi na época em que Doug passava na tv, porém, já assisti alguns episódios nas reprises que passam na Cultura, então, acho que está valendo kkk

Feliz Natal atrasado e um bom ano novo. Bom 2013 tbm =)

Cheers!!

Lubeck Euzebio disse...

Amer seu esporadico da porra você é demais mais um artigo com qualidade fenomenal, como todo bom fã que se inspira nos herois gostaria que visse essa porra que eu mesmo faço http://darkeholy.blogspot.com.br/ para criticas construtivas ou escrotas como presente de natal...e por falar nele feliz natal, ano novo e por que não dia da bandeira

Rael XX disse...

Só pra você saber, assim como você diz que seus leitores te alegraram em momentos difíceis, o mesmo vale pros seus artigos na minha vida.

Abraços Amer, continue assim.

Marcelo Maciel disse...

Doug traz ótimas lembranças, Blog do Amer também... nem sou grande fã de sites sobre cinema e tal, mas favoritei aquele por eterna gratidão às muitas horas de diversão GRATUITA que tu deu a todo o pessoal que lê esse blog... e a propósito, esse post está completamente old school, do tipo que faz o leitor parecer um retardado de tanto rir na frente do computador... heheh, abração Amer!

Fabio Kasecker disse...

Sim, eu sei o que você vai dizer, mas eu até que curtia Babar, o elefante.

Mieko disse...

Olá Amer, feliz ano novo, seus futuros projetos pessoais, ainda pensa em adotar uma menina? uma criança certamente tornaria sua vida melhor

abraços

Diego Alberto disse...

Bom saber que está melhor, apesar de ter muito trabalho. O importante é que você está bem.

Tenha um feliz ano novo e que 2013 possa ser um ciclo repleto de realizações, bem melhores do que as deste ano.

Eu já falei milhões de vezes e você está cansado de ouvir, mas insisto: foi por sua causa que comecei a escrever e sou muito grato.

E mais: você alegrou minha solidão, meus momentos de tristeza, onde pouco fazia sentido e nada tinha graça. Acho que você, mais do que ninguém, entende o que é isso.

Obrigado por tudo, Amer. Grande abraço.

7331Squall_Leonhart disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
7331Squall_Leonhart disse...

Amer... Pra mim, esse foi o seu Post de Ano Novo... Já que eu o li no Reveillón e talz...

Eu conheci o seu blog graças à uma amiga minha, e comecei a acompanhá-lo.

De fato, voltei até o começo do blog e li todas as suas postagens.

Depois li todas as postagens do Blog de Games e depois...

Fiquei um pouco decepcionado quando não pude ler o seu Outro Blog... XD

Durante esse tempo, suas postagens me serviram de incentivo pra levar o meu blog um pouco mais à sério (algo no qual eu obtive resultados questionáveis), sem contar que, cosiderando que eu nasci em 1991, você me ensinou a gostar de muitas coisas dos anos 80.

Sabe Amer, é estranho, mas... Mesmo eu não te conhecendo, você virou um tipo de amigo... Eu diria até um Mentor! (Não o que inventa as tralhas do He-Man que nunca funcionam, mentor no sentido de mestre, mesmo... XD)

E durante esse ano, eu fiquei preocupado que as coisas pudessem não ir bem. Não é normal você ficar tanto tempo sem postar...

E quando aparece alguma postagem nova, eu sempre comemoro ^_^

Enfim, cara! Feliz 2013!

Que seja um ano com dinheiro pra caralho entrando na sua conta! hahahaha

P.S.: Maldito Blogger que não deixa editar comentários... ¬¬

André Lucas S. Santos disse...

Amer seus posts são incriveis me fazem rir tanto que minha familia acha q eu fiquei louco! KKKK! Mas parabens pelo retorno! Atualize o Blog quando puder n se esforce deixe a coisa vir, afinal sua naturalidade na escrita é sua caracteristica + marcante! Então, é só! E que a força esteja com você...

Há! disse...

OOAAAHHH, OS MEUS SAAAAIS!!! Artigo novo! FELIZ NATAL e ANO NOVO atrasados, vosso mestre!!!

Antes de partir, tu deletou o seu twitter ou só tirou aquela plaquinha do blog? Não sei, não tenho twitter; tenho preguiça de procurar e acompanhava por lá somente...

Enfim, abraços! \o/

Caetano disse...

Fico feliz por você, Amer, poucas sensações são melhores do que ver os problemas sendo resolvidos. :D
Tudo bem com o ritmo das postagens, é "melhor andar devagar do que ficar parado".
Feliz 2013.
o/

Paulo disse...

ótimo artigo Amer.
Você poderia fazer um review de um desenho da disney chamado Gravity Falls? Se ainda não assistiu, eu recomendo.

desequilibrioquimico disse...

Sensacional cara, sensacional.

Barangurte disse...

Eu sou a favor do GamerBlog migrar pra cá suas postagens. Administrar um blog é super complicado, imagina dois. Os temas são correlatos e te poupa tempo.

Alias, só pra constar nos autos, leio seu blog desde 2008 eu acho e devo ter lido todos seus posts quando estava em hiatus, e ver essa sua fase e essa evolução foi uma das coisas que me fez perder o preconceito e procurar terapia.

Obrigada, Amer :)

Unknown disse...

Grandes saudades de seu trabalho, Amer. Que você possa continuar a nos brindar com seus belos e divertidos textos sobre cultura pop em 2013.
Grande abraço!

Igor Pessoa disse...

bom saber que ainda podemos contar com seus textos par animar nosso dia Amer
força que a nossa esta com vc!

Octavio Bannach disse...

Doug, bons tempos, ficou comigo para sempre o episódio em que eles ficam com medo de um filme de terror, mas no final o monstro se demonstra tosco. Smurfbot-Dog! \o

Blog do lufe disse...

oi amer éi eu dinovis, modo chato:=on;
gostei do post, me alegrou a madrugada, gostaria que voce fizesse um post(se não existir é claro) sobre adventure time; esse desenho é muito louco;

Mariana Almeida disse...

Ameeer, não desapareça! Não vou suportar outro hiatus seu :/

Clehirton Oliveira disse...

Amer, gosto muito dos seus dois blogs, acho muito bom seus textos.
Um dia tava lendo a old!gamer é me divertindo com uma matéria sobre os jogos yo noid e phantasmagoria feitas por vc. Vc ainda trabalha para alguma revista sobre games?, se sim qual? vida longa pra vc!

Marcio Breno disse...

eu tenho uns 13 anos e la pra 2010 passava dog na tv cultura na quele ano e começo a passar na tv aberta meia chiada mais pasava e dava pra assisti no canal 45 mais depois ela ficou tao chiada q nao dava pra assisti nada eu apaguei da tv e no ano passado fui colocar denovo no canal q virou um canal blico americano

yangthehedgehog disse...

Hey! Foi bem engraçado o jeito como você escreveu, eu gostava um pouco de Doug, mas as vezes o desenho era meio enjoativo mesmo. Alias posso te dar uma sugestão de um post? Faz uma lista de seus personagens favoritos de Hokuto no Ken (alias te agradeço muito por ter me apresentado, to lendo o mangá e achei foda demais).

Alias eu ainda vou ler seu blog normal e o blog de games, são ótimos.

HFA disse...

Mano, eu quase morri de tanto rir!

Everton Julio disse...

Nossa, Amer...
Fazia tempo que eu não tinha um tempinho bom. É só acessar seu blog para me divertir.
Seu blog é incrivel e eu adoro ler as postagens. Adorei o natal do Doug. A cobertura do sbt mostrando o costelinha molestando a bibi foi sensacional. HAHAHA.

Unknown disse...

Volta, Amer!!!!

Há! disse...

Ei Amer... Lembra do seu "Outro Blog"??

Haveria como disponibilizar os artigos antigos dele aqui?? Saudades das suas reclamações xD

Fora que esse blog ficaria abastecido com material "novo", já que muita gente aqui nem conhecia aquele blog

Há! disse...

Ei Amer... Lembra do seu "Outro Blog"??

Haveria como disponibilizar os artigos antigos dele aqui?? Saudades das suas reclamações xD

Fora que esse blog ficaria abastecido com material "novo", já que muita gente aqui nem conhecia aquele blog

Auridian disse...

Pelo amor de Deus cara, volta a publicar algo. Seus blogs, e a forma que você escreve, são muito bons pra ficarem paradões assim.

Phinderblast disse...

Volta Amer!

Mariana Almeida disse...

Ameeeeeeeeer, cadê vocêêêêê T.T

Mariana Almeida disse...

Ameeeeeeeeer, cadê vocêêêêê T.T

Jader Fu Ck disse...

Volta Ammer =\

Admin disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Admin disse...

AMEEEEEEEEEER VOLTA SENÃO VC VAI SER ESTUPRADO PELO BELO URSINHO FRITZ
NÃO TO BRINCANDO VOOOOOOLTA

Luthor disse...

AMEEEEEEEEEER VOLTA SENÃO VC VAI SER ESTUPRADO PELO BELO URSINHO FRITZ
NÃO TO BRINCANDO VOOOOOOLTA(2)

Luthor disse...

AMEEEEEEER volta!!! se não voltar vc deveria ser estuprado pelo Belo Ursinho Fritz depois de ser espancado feito uma putinha banguela.

Luthor disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Luthor disse...

AMEEEEEEEEEEER VOLTA pq vc sumiu? qualquer pessoa que tenha gostado deveria ser assada e comida por anões vestidos de Hamster.

Luthor disse...

AMEEEEEEEEEER! VOLTAAAAAA!!! ou eu arranco seu nariz a dentadas e quando você estiver caído no chão esguichando sangue, eu chuto sua cabeça até arrancar o demônio de dentro de você.

Luthor disse...

AMEEEEEEER VOLTAAAAAAA!!.
Dezembro de 2012 o dia em que o amer sumiu Foi neste momento que os nerds se enfureceram, pegaram armas, começaram a matar pessoas pelas ruas, explodir prédios governamentais e estuprar qualquer garota ligeiramente gostosa que passasse em frente a seu exército profano, sendo detidos apenas por um bombardeio nuclear da ONU que alterou para sempre o curso da história.

Nappa_ disse...

Muito bom e muito divertido o artigo... Doug é uma parada genial mesmo, antes da Nickelodeon descambar para o abismo.